Reunião que define permanência de Ralf no Corinthians é agendada

Marco Bello

Setorista do Corinthians desde 2009 pela Rádio Transamérica, Marco Bello acompanha o dia a dia do clube

ver detalhes

Reunião já está agendada para definir se Ralf continua ou sai do Timão

Coluna do Marco Bello

Opinião de Marco Bello

16 mil visualizações 244 comentários Comunicar erro

Reunião já está agendada para definir se Ralf continua ou sai do Timão

Ralf é um dos atletas mais vencedores da história do Corinthians

Foto: Daniel Augusto Jr./ Agência Corinthians

Um encontro no final desta semana definirá o final da novela da renovação de Ralf com o Corinthians. Para o bem ou para o mal.

Um dirigente do Timão confirmou à coluna que haverá a reunião, faltando apenas a definição do dia pelos empresários Alisson Costa e André Vieira, que representam o jogador.

A coluna também confirmou com uma pessoa ligada aos empresários que esta reunião acontecerá no Parque São Jorge.

A pedida inicial do atleta foi negada pelo clube. Foram cerca de 4 milhões de reais em luvas, mais um vultuoso aumento salarial. O tempo de contrato já foi acertado em 2 anos.

O clube fez uma contraproposta com um bom aumento de salário e luvas de cerca de 1 milhão e 500 mil reais, parcelados. Os empresários ainda não responderam. Este será o tema da reunião desta semana.

Como adiantado aqui nesta coluna, Ralf tem diversas ofertas de clubes brasileiros. Por isso, reluta em diminuir o pedido. Os dirigentes já adiantaram que não entrarão em leilão e, em conversas internas, comparam os agentes de Ralf aos de Paolo Guerrero.

Em relação ao peruano, as conversas não evoluíram pois o jogador já tinha uma oferta maior em mãos.

A postura da diretoria com Ralf será exatamente a mesma. Entre salário e luvas diluídas pelos dois anos de contrato, Ralf ganharia no novo acordo cerca de 412 mil reais mensais.

As cartas estão na mesa. A decisão será do jogador (e de seus agentes).

Coluna do Marco Bello

Por Marco Bello

Marco Bello é jornalista, apresentador e repórter da Rede Transamérica de Rádio, setorista do Corinthians desde 2009

O que você achou do post do Marco Bello?