Boca Juniors x Corinthians

Pelo Copa Libertadores da América, o Corinthians enfrenta agora o Boca Juniors

Acompanhe ao vivo
Ramiro, 19 milhões e um presidente que não sabe explicar os valores de um balanço financeiro

Mayara Munhoz

Jornalista, 32 anos. Editora do Meu Timão e vivendo Corinthians 24 horas por dia há sete anos.

ver detalhes

Ramiro, 19 milhões e um presidente que não sabe explicar os valores de um balanço financeiro

Coluna da Mayara Munhoz

Opinião de Mayara Munhoz

17 mil visualizações 177 comentários Comunicar erro

Ramiro, 19 milhões e um presidente que não sabe explicar os valores de um balanço financeiro

Andrés Sanchez mais uma vez deixou de responder com clareza questionamentos sobre as finanças do Corinthians

Foto: Danilo Fernandes / Meu Timão

Durante pouco mais de uma hora, o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, respondeu perguntas durante uma live aqui do Meu Timão, que eu infelizmente não participei. As respostas seguiram aquela mesma linha de sempre - curtas e grossas. Mas um assunto em especial me chamou a atenção: a compra de Ramiro.

O jogador, que chegou ao Corinthians em 2018, custou aos cofres do clube R$ 19,688 milhões. Isso é o que consta no balanço financeiro que o Meu Timão teve acesso nesta segunda-feira. Desse valor, inclusive, o clube já amortizou R$ 6,397 milhões em 2019.

Reprodução do balanço e das informações sobre Ramiro

Reprodução

Porque isso é um problema, Mayara?

Porque, na época da contratação, foi dito que Ramiro teria vindo "de graça" ao Corinthians. Apesar de nunca divulgar os valores de suas negociações publicamente, o que ficou entendido em outras entrevistas e nos bastidores foi de que teria sido pago apenas os valores das luvas ao atleta.

Hoje, na live, Andrés Sanchez confirmou que foi pago um valor de luvas: 500 mil dólares, que na cotação da época dá algo em torno de R$ 1,9 milhões. O presidente também falou sobre o acordo dos 3 milhões de dólares que existe com Ramiro e Giuliano Bertolucci. De maneira bem resumida: Bertolucci ajudou na negociação e caso o clube receba uma proposta por Ramiro no valor de 3 milhões de dólares precisa liberar o jogador ou pagar o mesmo valor ao empresário. Caso a proposta seja maior, o clube fica com o valor que sobrar.

"O Grêmio tinha 5% do Ramiro. O Ramiro fez um acordo com o Grêmio, nós fizemos uma negociação e adquirimos a parte do Grêmio e mais alguma coisa do Ramiro. Se nós vendermos ele lá para frente, tem que pagar 3 milhões de dólares para o Ramiro. Nós demos 500 mil dólares em luvas. É isso aí a negociação do Ramiro, nós não pagamos nada para o Grêmio", disse Andrés.

"Quando você compra um jogador é o ativo e passivo. Se comprou é ativo, se vai gastando por mês ele vai para o passivo. E vai depreciando o valor do jogador. É um entendimento errado do balanço, nem eu sei direito. Mas se pegar um cara que entende, ele vai te explicar isso daí", completou.

O que o presidente não soube explicar é o que exatamente é esse valor de R$ 19 milhões? Foi o valor gasto para adquirir os 70% dos direitos de Ramiro? Porque não assumir isso na sua resposta? Pior ainda: como ele deixa claro que não sabe explicar como funciona os valores divulgados pelo clube no balanço?

Já faz um tempo que a transparência não faz mais parte da vida do Corinthians em relação às finanças. Mas o balanço foi feito por uma empresa especializada em auditorias e foi aprovado pela diretoria (está escrito no documento). Porque o presidente do clube não pode explicar da maneira correta o que significa um valor que consta lá?

Andrés, aliás, assumiu também durante a live que o Corinthians gastou demais em contratações em 2019. Isso o torcedor pôde perceber com o resultado do balanço, né? Um déficit de R$ 177 milhões em 2019.

Mas, assim como foi quando Duílio deu entrevista falando sobre a Elenko Sports, a impressão que fica é que o presidente está tentando fazer os torcedores do Corinthians de idiotas. Responder, responder e, na verdade, não responder nada. Os valores não foram explicados, mesmo que estejam lá, no papel, divulgados e confirmados.

Não consigo entender qual é a dificuldade de explicar uma negociação simples. E olha que estamos falando de Ramiro, hein? Um jogador que se mostrou importante e está entre os melhores de 2020.

Imagina tentar falar do Davó...

E mais: veja a declaração de Andrés sobre Ramiro

Veja mais em: Andrés Sanchez e Ramiro.

Este texto é de responsabilidade do autor e não reflete, necessariamente, a opinião do Meu Timão.

Coluna da Mayara Munhoz

Por Mayara Munhoz

Jornalista, 32 anos. Editora do Meu Timão e vivendo Corinthians 24 horas por dia há sete anos.

O que você achou do post da Mayara Munhoz?

x