Fernando Garcia não tem participação na Art Sports, diz diretor

Teleco

@Teleco1910 é um torcedor comum que gosta de conversar sobre o Corinthians. Ele não conseguirá responder aos comentários aqui, mas está sempre cornetando em 140 caracteres no Twitter.

ver detalhes

Fernando Garcia não tem participação na Art Sports, diz diretor

Coluna do Teleco 1910

Opinião de Teleco

4.0 mil visualizações 154 comentários Comunicar erro

Fernando Garcia não tem participação na Art Sports, diz diretor

A Art Sports tem 20% de Guilherme Arana.

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A Art Sports é frequentemente associada a Fernando Garcia, da Elenko. No entanto, Eduardo Cornacini, diretor da Art Sports, diz que as empresas não tem ligação, apenas sociedade em alguns atletas. Fiz algumas perguntas a Eduardo sobre este assunto e sobre a atuação da Art Sports no Corinthians.

Eduardo, qual a participação de Fernando Garcia na Art Sports?

Fernando Garcia não tem nenhuma participação na Art Sports e Nílson Moura (presidente da Art Sports) não tem qualquer participação na Elenko.

Mas vocês tem atletas em comum, não?

Existia a parceria em quatro jogadores: Malcom, Guilherme Arana, Gabriel Speto Streffezza e Lucas Matos.

Para Malcom e Arana, dividimos direitos de agenciamento e porcentagem dos direitos econômicos. A Art Sports tem 20% dos direitos de Guilherme Arana (o Corinthians tem 40%, a Elenko 25% e os 15% restantes supostamente são do próprio jogador). O contrato de Speto e Lucas Matos acabaram e a parceria foi desfeita para ambos, hoje a Art Sports agencia os dois sozinha.

Já para Cléber (zagueiro hoje no Hamburgo) e Petros (no Betis), temos apenas porcentagens dos direitos econômicos, o agenciamento é da Elenko.

No site da Art Sports vejo muitos atletas na base do Corinthians.

Realmente, temos muitos jogadores de base, ainda mais no Corinthians, mas tirando os quatro citados acima, nenhum deles é em parceria com Fernando Garcia.

E por que tantos jogadores do Corinthians?

Para te falar a verdade, por volta de três anos atrás pegamos alguns jogadores da mesma categoria, e demos a sorte de ser uma safra muito boa: Cassini, Malcom, Arana, Speto, Márcio Ferrari (PC)... E quando vimos todos nossos jogadores estavam em bons momentos, jogando em suas respectivas categorias.

Hoje posso te falar que fazemos um trabalho diferenciadíssimo na base, o mesmo trabalho que é feito com jogadores profissionais em outros lugares fazemos com jogadores da base. Uma coisa leva à outra, e no boca-a-boca os próprios jogadores e seus pais comentaram de como a representação estava sendo feita para seus pares; cresceu muito o número de jogadores agenciados pela Art Sports.

Então você colocou todos estes jogadores no Corinthians?

Não, posso te dizer que quando começamos a trabalhar com eles 60% já estavam no clube e se juntou a nós pelas boas referências sobre nosso trabalho.

E quando começou esta parceria com Fernando Garcia?

Já representávamos os quatro jogadores citados acima desde os quinze anos, após uma Copa Votorantim. Pouco antes de estourarem no sub-17 fomos procurados pela Elenko e fizemos um acordo bom para todas as partes.

Coluna do Teleco 1910

Por Teleco 1910

@Teleco1910 é um torcedor comum que gosta de conversar sobre o Corinthians. Ele não conseguirá responder aos comentários aqui, mas está sempre cornetando em 140 caracteres no Twitter.

O que você achou do post do Teleco?