Tiago Nunes 'perdeu' o grupo ou o grupo do Corinthians se perdeu?

Vitor Chicarolli

Jornalista formado pela Universidade Anhembi Morumbi, tem 22 anos e trabalhou no Diário Lance!. Atualmente, acompanho diariamente o Corinthians pelo Meu Timão.

ver detalhes

Tiago Nunes 'perdeu' o grupo ou o grupo do Corinthians se perdeu?

Coluna do Vitor Chicarolli

Opinião de Vitor Chicarolli

18 mil visualizações 229 comentários Comunicar erro

Tiago Nunes 'perdeu' o grupo ou o grupo do Corinthians se perdeu?

Tiago Nunes não consegue encontrar um padrão para o Corinthians. Mas o problema parece ser mais grave

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Menos de um ano depois da conturbada demissão de Fábio Carille, o Meu Timão voltou a repercutir nesta sexta-feira o relacionamento frio entre o elenco do Corinthians e o técnico Tiago Nunes. E a pergunta que fica é: de novo essa situação no CT Joaquim Grava?

Aos que não se lembram, Carille perdeu o controle do grupo na temporada passada e teve dificuldades para dar a volta por cima no clube. Não à toa, acabou sendo demitido após a frustrante eliminação na Sul-Americana e uma amarga sequência no Brasileirão.

Com Tiago Nunes, esse tema de que os jogadores estão incomodados com o ambiente de trabalho vem desde o início do ano, com a polêmica cartilha, e ganhou ainda mais destaque nas últimas semanas, após duras declarações e algumas escolhas específicas durante os jogos.

De certa forma, eu entendo o que se passa na cabeça de cada atleta. Ninguém gosta de ter uma relação fria com o chefe de convívio diário. Além disso, também tenho vários (!!) questionamentos sobre o trabalho de Tiago Nunes.

Porém, não podemos esquecer que esses mesmos profissionais representam mais de 35 milhões de torcedores espalhados pelo mundo. Às vezes, é necessário deixar os problemas pessoais de lado para priorizar o profissional.

É o que a Gaviões da Fiel, maior organizada alvinegra, disse em nota oficial emitida nesta sexta-feira: as cobranças não são por títulos, mas sim por desempenho e vontade.

Com todas essas questões que estão longe de serem esclarecidas, fico com receio de qual será o futuro corinthiano se o próximo comandante não agradar a equipe.

Aliás, a troca de treinador fará o time melhorará imediatamente? Quem é o maior culpado nessa história? Perguntas que somente o futuro deve responder...

Veja mais em: Elenco do Corinthians, Tiago Nunes e Fábio Carille.

Este texto é de responsabilidade do autor e não reflete, necessariamente, a opinião do Meu Timão.

Coluna do Vitor Chicarolli

Por Vitor Chicarolli

Jornalista formado pela Universidade Anhembi Morumbi, tem 23 anos e trabalhou no Diário Lance!. Fala de Corinthians diariamente no Meu Timão.

O que você achou do post do Vitor Chicarolli?