Isso é ser desonesto?

Fórum do Corinthians
Tópico Lendário Entenda as regras

Rodrigo #1.914 @hexa2015 em 17/09/2017 às 21:04

Quando o Maycon fez a falta no jogador do Palmeiras aquele jogo, o Keno foi o responsável por acusar que o Gabriel tinha feito a falta. Mentiroso! Mas a mídia não falou dele, só falou do erro do juiz.

Quando anularam o gol do Jô contra o Coritiba, ele ficou calado, enquanto a mídia dizia que foi um lance difícil.

Quando o Luís Fabiano fez o segundo gol do Vasco no primeiro turno, a bola bateu na mão dele também, ele ficou calado e a mídia falou que era lance normal, acho que nem falaram nada.

Quando anularam o gol do Jô contra o flamerda, a imprensa ficou calada. Erro absurdo, típico de jogo que, esse sim deveria ser invalidado.

Quando o Jô sofreu o pênalti hoje, o jogador do Vasco logo disse que não fez nada, não vi ninguém criticando o jogador dizendo que ele foi desonesto por mentir.

No jogo contra o São Paulo, o jogador do São Paulo teve que intervir o árbitro, porque o juiz ia prejudicar o Jô por algo que ele não fez.

Jô é o jogador mais prejudicado do campeonato junto com o Corinthians, ele cansou de ser trouxa, de ficar na dele quando erram contra. Chega de injustiça, esse gol foi pelo pênalti não marcado, foi pelo gol contra o Coritiba invalidado, e foi pelo gol INJUSTAMENTE TIRADO contra o time da rede globo, o time que, do nada, todo jogador (segundo a fox sports) queria estar. Era para o nosso time estar com 57 pontos, se não fosse a arbitragem e era para o Jô ser o artilheiro isolado do campeonato. Mas ELE é o desonesto.

Estou desabafando porque muitos de nós ficamos quietos com os erros que nos prejudicaram no campeonato e mesmo assim, não abaixamos a cabeça e conquistamos a liderança até o momento!

Espero que essa mensagem possa chegar dentro do clube (sei que não vai), mas cansamos dessa diretoria nunca fazer nada quando tentam nos denegrir... CHEGA DE DAR ENTREVISTAS PRA ESSAS EMISSORAS QUE QUER NOS FERRAR!

Abraço!

1.290 visualizações e 44 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Últimas respostas

Rodrigo Cozer #1.914 @hexa2015 em 18/09/2017 às 22:18

Cada um que aparece por aqui, tnc man. Séloco

Fernando #1906 @fernando.camilo2 em 17/09/2017 às 23:54

" "

Cara nem dá ideia, apenas um anti que acredita em terra plana... Olha o nível

Publicidade

Mario Ayres #208 @marioayres em 18/09/2017 às 12:35

Jô o atacante mais prejudicado no campeonato, agora tem que passar por desonesto.

Bruno P. Camilo #2.053 @bruno.p.camilo em 18/09/2017 às 12:26

Jô 'tomou de volta' o gol e os 2 pontos tirados dele contra o Coritiba.

Se ontem o 4 árbitro tinha obrigação de ver e anular o gol, contra o Coritiba o bandeirinha tinha obrigação de ver e validar o gol em posição regular.

Se não existe meio pênalti, meio gol, meio impedimento, se a 'mulher ou tá grávida ou não ta', se o que importa é o resultado, então não existe meio erro.

Mesmo que o erro do gol anulado em Curitiba foi um lance 'mais difícil', teve o mesmo valor do erro de ontem contra o Vasco, porque no fim o resultado do erro foi o mesmo, um a favor e um contra.

Se a justifica do gol de mão do L. Fabiano no primeiro jogo foi que não alterou o resultado final da partida. Então se o que importa sempre no futebol é o resultado final, bota o gol de ontem na conta do gol mal anulado em Curitiba.

O resto é choro.

Francisco Marques Da Cruz #1.592 @cruz.francisco em 18/09/2017 às 12:24

Fair Play? Num jogo deste? Num lance como este? Fala sério mano, brincadeira tem hora! Por acaso o tal Guerrero foi ao Darunco (isto mesmo Darunco) dizer que os dois gols dos mulambos estavam em impedimento lá no Maracanã? Por acaso o tal Mina (mina de Ruindade) foi ao soprador dizer que em seu gol ele estava impedido? O jogador dos Bambis foi ao apitador dizer que estava impedido? O Luis Fabiano foi ao apitador dizer que tocou com a mão na bola ao fazer o gol para o Vasquinho? Não! Nenhum deles foi! Então porque raios o Jô teria que chamar o arbitro e dizer que a bola toco no seu ombro? Não, não precisa explicar! Eu só queria entender! Se me convencer que estes caras iriam avisar aos apitadores? Daí então vou dizer ao Jô o quanto ele foi desonesto no jogo de ontem! Até lá que rufem os tambores, que soem as trombetas, eu quero é mais! Jô não importa o que eles pensem, digam ou falem, VOCÊ REPRESENTA A MAIOR E MAIS FIEL TORCIDA DO PAÍS! PORTANTO SÓ RESPONDA A TODOS: '' DEIXEM DE CHORORÔ E SIGAM O líder!''

Heleno Araujo #1.132 @helenoaraujo em 18/09/2017 às 12:19

Quando homens bons se calam diante do mal, já fizeram mal o suficiente. Você fez muito bem em verbalizar o que milhões de corinthianos estão sentindo neste momento. O ódio contra o Corinthians, é algo que vai além do futebol, é o ódio a tudo o que ele representa, sobretudo, para as pessoas que torcem por ele.

Wildson Gomes #277 @wildson.gomes.pinto em 18/09/2017 às 12:07

Alaan Marcilio Batista #7.922 @batismao em 18/09/2017 às 12:05

Concordo, especialmente no que tange a responsabilidade ser pessoal e intransferível por tudo que fazemos ou dizemos. O fato é que os conceitos são diferentes, mas, não necessariamente reprováveis, pois, conforme, a entrevista concedida pelo Jô (ainda no calor da partida) ele se joga para dentro do gol buscando atacar a bola, não acreditando que pudesse ter tocado com a mão dado a velocidade e a forma como se deu a jogada, logo, ele agiu sem intenção alguma de por a mão na bola, tendo a certeza que o lance foi perfeitamente normal, e, eu acredito na versão do nosso jogador, pois, havia quem pudesse julgar a atitude dele, (assistente atrás do gol) e, ainda assim, deram o gol como legal. No outro caso, envolvendo o zagueiro R. Caio, o jogador atinge seu colega de time, e, se acusa por tal ato, sendo que, o lance se dá de maneira inequívoca, ou seja, não há qualquer dúvida de que o zagueiro machuca o goleiro na disputa da bola. Posso parecer condescendente com a atitude do Jô aqui, mas, tenho a certeza que ele não desrespeitou o Fair Play, e, a sua conduta profissional até aqui demonstra que ele é um jogador de caráter, me fazendo crer na sua palavra, logo, não me resta duvida sobre seu posicionamento acerca do episodio, mas, sobre aqueles que ainda pairam essa incerteza, In dubio para o reo

Wilker Cavalcante #6.335 @wilker.cavalcante em 18/09/2017 às 11:56

Se deixar de dar entrevistas pras emissoras anti não vão nunca mais dar entrevistas kkkk

Fora que esquece que a globo da aquela graninha salgada todo ano e manda no calendario brasileiro, você acha mesmo que a diretoria vai abrir a boca contra o que eles falaram? Olha o que o Fantástico fez contra o Jô, lamentável isso…

Vão ter de dar pelo menos o direito de resposta dele em algum programa ae….

Ricardo Gomes #33 @ricardo.gomes3 em 18/09/2017 às 11:26

Olha se futebol for marcar td certinho e foram usar tecnologia para marcar tudo o jogo começa as 16 hrs e terminar a meia noite no mínimo

Luiz Barea #5.047 @barea em 18/09/2017 às 11:16

Falou tudo, apoiado.