Real Problema da Armação do Corinthians

Fórum do Corinthians
Tópico popular Entenda as regras

Felipe #7.118 @felipe.roza em 24/08/2018 às 11:10

É a velocidade de transição.

Foi implantada uma filosofia no grupo de jogar 'seguro', que é: Não se desesperar, não entregar a bola para o adversário, manter a calma, rodar bem a bola, não forçar jogada, etc...

Só que enquanto os jogadores ficam rodando a bola com 'calma' o outro time se fecha e qualquer time pé rapado que o Corinthians enfrenta da a impressão que é uma super retranca e o time acaba nem chutando uma bola ao gol.

É um problema ofensivo que vem desde a época do Carille (Sim, também era assim) mas a única diferença é que o Carille sabia organizar um time defensivamente e o Loss conseguiu bagunçar até isso.

Sempre esbarramos na situação do Corinthians conseguir a bola, os volantes ficarem com a bola tendo que dar saída por um meio campo super congestionado, ou a bola é entregue até os alas (Pedrinho e Clayson) que ficam espremidos na linha de lado tendo que enfrentar sozinhos uma marcação tripla sem nenhuma aproximação.

Na minha visão eu colocaria 2 meias rápidos (Vital e Araos) próximos ao (apenas um) volante, que se movimentariam bastante, agilizava a saída de bola e também conseguia encostar nos alas e no centroavante (nem lembro a última jogada de pivô que vi nesse time) treinando principalmente linhas de passe e triangulações.

O time jogou bem umas partidas esse ano que atuou no 4-1-4-1. Eu apostaria nisso...

Vai Corinthians!

690 visualizações e 16 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhor resposta

Marcelo Gonçalves Lage #5.751 @marcelo.goncalves.la em 24/08/2018 às 15:03

Cara, a coisa mais irritante é ver o time SEMPRE tocando bola pra trás! A bola volta para o Cássio o tempo todo! Ou, o Henrique / PH tem que armar/bicar a bola... Aí fica difícil!

Últimas respostas

Guilherme Calil #421 @guilherme.calil em 24/08/2018 às 15:49

Jogando com dois meia de verdade...aquele meia raiz que não fica sambando com a bola no pé estilo JADSON/RENATO Augusto...e DOIS ATACANTES ponta firme e com tesão de jogar bola...JO/ROMERO pór exemplo...

CLAYSON/VITAL/PEDRINHO/MARQUINHOS Gabriel são denominandos meia atacantes que não são nem meias, pior ainda atacantes...

É o que mai tem no futebol moderno...essa nomenclatura MEIA ATACANTE que na verdade não nem uma coisa nem outra, apenas um pretexto para o jogador ficar ciscando ede vez em quando chutar a gol.

Publicidade

Itamar Fulano #35 @sr.fulano em 24/08/2018 às 15:49

O PROBLEMA É O EXCESSO DE MEIAS NO CAMPO!

Olha amigo o que você falou tem sentido.

Mas acho que o maior problema é as características dos jogadores.

Vejo muitas pessoas como você falando em jogar o Araos e o Vital, mas ai também joga o Pedrinho o Jadson.

ESSE É O PROBLEMA QUE POUCOS PERCEBEM!

É muito meia jogando junto.

Pedrinho não é ponta, também é meia.

O PROBLEMA QUE OS MEIAS SE MOVIMENTAM MENOS ACABAM TENTANDO ARMAR, ENFIAR UMA BOLA UM PASSE DIFERENTE, MAS PRA ISSO PRECISA DE GENTE QUE SE MOVIMENTE, INFILTRE E DÊ PROFUNDIDADE.

Mas só com meias um fica esperando o outro. Vira um jogo só de toque horizontal e burocrático.

POR ISSO QUE MESMO MAL O CLAYSON ACABA TENDO OPORTUNIDADES!

É o jogador mais agudo, que joga verticalmente!

POR MAIS QUE VEJO MUITOS FALAREM QUE NOSSO ELENCO É BOM, ELE É DESEQUILIBRADO!

Aquele ponta ou segundo atacante de verdade só temos um que é o Clayson, e até ele mesmo era meia antes, mas pelo menos consegue fazer bem essa função.

Temos também o Sheik, mas infelizmente já não tem idade.

Fora isso temos.:

Pedrinho.

Vital.

Jadson.

Araos.

Todos são meias, podem ser usados até como volantes como Araos e o Vital, ou armadores, ou dos lados como o Vital e o Pedrinho.

Mas todos eles tem a características de meia.

NOS PRECISAMOS DE ATACANTES DE VERDADE! MAIS INCISIVOS, QUE JOGAM VERTICALMENTE! NÃO FICAM OLHANDO E ESPERANDO OS OUTROS, QUE SE MEXEM E INFILTRE.

Acho que esse tem sido o maior problema de criação.

O problema não esta quem arma, mas sim da falta de alguém que de opção pra quem vai armar.

O pior que não temos muitas opções.

Andrey Torres #826 @andrey.torres em 24/08/2018 às 15:45

Saudade de quando o Chição dava um bico pra frente, o Ronaldo dominava tirava o Zagueiro e metia gol de Cobertura no Fabio Costa no estádio do Adversário.

Marcelo Gonçalves Lage #5.751 @marcelo.goncalves.la em 24/08/2018 às 15:03

Cara, a coisa mais irritante é ver o time SEMPRE tocando bola pra trás! A bola volta para o Cássio o tempo todo! Ou, o Henrique / PH tem que armar/bicar a bola... Aí fica difícil!

Eu Eu #720 @campina em 24/08/2018 às 14:53

O problema e que o Jadson tá gordo e o Pedrinho pipoca

Marcio Nascimento #178 @marcio.valcar em 24/08/2018 às 14:39

Com certeza

Felipe Lacerda #611 @lipao88 em 24/08/2018 às 14:22

Excelente analise!

Felipe Roza #2.756 @feups21 em 24/08/2018 às 14:15

Verdade man

Sergio Campos #777 @asrdecampos em 24/08/2018 às 13:02

Concordo.

Carlos Eduardo Maximo @carlos.eduardo.maxim em 24/08/2018 às 12:56

Gostei muito da análise. Bem pertinente. Eu faria um pouco diferente: 4 - 3 - 2 -1. Colocaria o Ralf ou Gabriel a frente da zaga para ajudar na saída dos laterais e usaria dois volantes que sabem sair para o jogo : Araos e Douglas; Usaria na Armação Vital e Pedrinho ou Jason e na frente o Jonathas ou Romero.

É uma ideia. Do que jeito que tá é que não pode ficar.

1 a 10 de 15 respostas