Portuguesa x Corinthians

Pelo Campeonato Paulista, o Corinthians vai empatando contra a Portuguesa

Acompanhe ao vivo

Tá chegando a hora da onça beber água

Fórum do Corinthians
Tópico popular Entenda as regras

Eduardo #5.744 @ma.ri.a.no em 13/11/2015 às 17:19

Eu quero ver a imprensa anti corinthiana, se adaptar ao termo correto de como chamar a nossa arena e não usar mais o termo itaquerão,

Tem neguinho que vai pagar muito caro por tudo que ofenderam e desmereceram nossa arena...vou ficar de camarote vendo isso...kkkk

956 visualizações e 21 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhores respostas

Juliano Fonseca #3.987 @zedafiel em 13/11/2015 às 17:37

Eu não discuto mais com neguinho que critica a Arena. Os Anti sabem que não tem estádio no Brasil igual. Alguém leu um tópico aqui no Meu Timão de quem tem o melhor estádio na América Latina? O nosso é comparado a um do México que é maravilhoso também mas quando você compara os detalhes a Arena do Timão é imbatível. A diferença é que o estádio mexicano é mantido pelo NR. Quando nós fizermos isso e a economia estabilizar vamos ter um time ainda melhor! Não é desejo.. é o que realmente vai acontecer. Como disse o Citadini que particularmente eu não gosto: Não nascemos gigantes. Somos gigantes porque a nossa torcida nos fez assim! Abraços

Vitor Meister #1.504 @vitor.hugo52 em 13/11/2015 às 18:23

O que importa é que a maior rede (Globo) cumpra com o seu papel.

O resto, que morra de fome.

Últimas respostas

Freddy Krueger "mito" #3 @kruege em 14/11/2015 às 09:06

Auditora financeira revela que Rede Globo esta devendo mais de 3 bi e pode ir á falência

A astronômica dívida da Globo, segundo relatório da Price Waterhouse Coopers – Auditores Independentes, assinado por William J.N. Graham, no início de 2002 era de TRÊS BILHÕES, QUINHENTOS E OITENTA E TRÊS MILHÕES DE DÓLARES. Ou seja, mais de DEZ BILHÕES de reais. Onde as três maiores empresas devedoras são: Globopar, Globo Cabo, Net Sat, que representam cerca de 90% da dívida e onde aparece com destaque até a irresponsável e perdulária Editora Globo, de crônico e sistemático prejuízo, com cerca de 3% do total da dívida.
A única empresa da Rede Globo que, com muita dificuldade, poderia fazer frente a esta fabulosa dívida, e que é lucrativa de verdade, é a TV Globo. Entretanto, nem a TV Globo, com seus seiscentos milhões de dólares anuais, pouco ou nada poderia fazer para salvar o Império Globo da falência. Pois se dos seiscentos milhões de dólares a TV Globo reservar 120 milhões por ano, cerca de 20% (vinte por cento), para amortizar principal e juros, levaria mais de trinta anos para amortizar a fantástica dívida que sufoca e mata a Globo aos poucos.

Encalacrada com uma fabulosa e irresponsável dívida para viabilizar o delírio do domínio do país e dos meios de comunicações pela TV a cabo, a Globo, correndo desesperadamente atrás de dinheiro, viu no BNDES a saída mais rápida e viável para a sua aflição. Mas como sempre com artifícios e ilegalidades, a começar pelo fato do BNDES não poder se relacionar com a Globo Cabo pois a legislação não permite associação do BNDES com empresa de telecomunicação. Mas ardilosamente, fraudulentamente, a Globo Cabo está registrada como empresa de tecnologia e não como empresa de telecomunicação, que de fato é.
Choveram denúncias e mais denúncias contra a participação do BNDES na operação para salvar a Globo da falência, e em meio a uma seara desordenada de denúncias e oposições à questão BNDES, o jornalista Hélio Fernandes, em 14/03/2002, na Tribuna de Imprensa foi categórico: “Deveriam ouvir Roméro Machado, que publicou o imperdível “Afundação Roberto Marinho”. Ali está contada de forma irrespondível, a força que a Organização sempre teve na Justiça”. E, de fato, numa seqüência de denúncias sérias e fundamentadas foi colocado nos meios de comunicação a impossibilidade e a ilegalidade da associação Globo / BNDES. E com isso a operação salvação da Globo foi parcialmente abortada. Mas é bom manter os olhos permanentemente abertos, pois a Globo continua com uma dívida impagável e o governo (federal, principalmente) vive sempre debaixo de muitos escândalos. E numa dessas a Globo faz o que sempre fez… negocia favores de salvação do PT em troca de sua própria salvação.

Vitor #1504 @vitor.hugo52 em 13/11/2015 às 23:36

" "

Sem querer puxar sardinha, eu também não sou fã da globo, mas ela é a maior emissora da América Latina e a segunda que mais lucra anualmente no mundo.

Então é grande sim.

Publicidade

Fábio Rogério Gomes Garcia #1.037 @fabiogarcia em 14/11/2015 às 00:17

Temos que ajudar, enchendo o twiter dos programas de mensagens cada vez que eles falarem Itaquerão.

Vitor Meister #1.504 @vitor.hugo52 em 13/11/2015 às 23:36

Sem querer puxar sardinha, eu também não sou fã da globo, mas ela é a maior emissora da América Latina e a segunda que mais lucra anualmente no mundo.

Então é grande sim.

Freddy #3 @kruege em 13/11/2015 às 20:36

" "

Rede Globo ganha para chamar o estádio de Arena Corinthians... E de grande essa emissora maldita não tem nada!

Coluna Corinthia #153 @zizzo.bettega em 13/11/2015 às 22:17

Eu faço a minha parte, sempre chamo e escrevo Allianz Pasto.

Tiago #2515 @tiago.calil em 13/11/2015 às 18:07

" "

Vai continuar a msm coisa. Poucos jornalistas chamam a arena pepa pelo nome.

Coluna Corinthia #153 @zizzo.bettega em 13/11/2015 às 22:13

Vamos criar uma notificação padrão de desagravo, num texto bem legal e bem humorado, toda vez que alguém ouvir usarem Itaquerão, ou Arena sem o nome do detentor, a gente enche de mensagens o veículo empregador do sujeito. Parecido com o que foi feito com o Cabeça de Bezerro. Quero ver se nãom vão se ligar.

Freddy Krueger "mito" #3 @kruege em 13/11/2015 às 20:36

Rede Globo ganha para chamar o estádio de Arena Corinthians... E de grande essa emissora maldita não tem nada!

Vitor #1504 @vitor.hugo52 em 13/11/2015 às 18:23

" "

O que importa é que a maior rede (Globo) cumpra com o seu papel.

O resto, que morra de fome.

Antonio Jose De Oliveira #1.490 @o.corinthiano em 13/11/2015 às 20:30

A imprensa esportiva, especificamente a do futebol, vivem falando em profissionalização de arbitragem, de clubes, mas eles mesmos agem como amadores.

Será que é tão difícil entender que, se o Corinthians e outros clubes conseguirem vender os nomes de seus respectivos estádios, isso trará maior receita, não só para os clubes, mas pra muitos setores envolvidos no futebol.

Inclusive as emissoras vão ter um aumento de receitas, consequentemente o futebol brasileiro poderá voltar um dia, a ser respeitado realmente como merece.

André Moretti #67 @ice.cube em 13/11/2015 às 20:05

É só não ler a UOL, a Folha de SP, e não assistir a Record.

Korujinha 1000° #57 @elaine.vitor1 em 13/11/2015 às 19:57

Os jornalistas antis tendo que escrever nas suas materias o nome correto...hauhauhuaa

Mário Lúcio De Rezende #4.920 @antivirus em 13/11/2015 às 19:45

É só exigirmos como clausula contratual do direitos de TV. Quem quiser transmitir o jogo do Timão tem que chamar pelo nome (NR) da ARENA.

1 a 10 de 20 respostas