Flamengo e nosso rival?

Fórum do Corinthians
Tópico popular Entenda as regras

Augusto #1.073 @halloween em 29/11/2016 às 00:26

Flamengo e nosso rival?

Que eu saiba nossos rivais são Palmeiras, São Paulo e Santos .

Mais uma vez a mídia falando coco de sempre!

NUNCA serão MULAMBADA

304 visualizações e 20 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Últimas respostas

Diogo Ricardo #878 @diogo.ricardo em 29/11/2016 às 05:53

Qualquer um que tenha a possibilidade de disputar um campeonato contra seu time é considerado riba. Agora arqui rival é diferente

Publicidade

Marco Tulio Vieira #669 @marco.tulio.vieira em 29/11/2016 às 04:53

Não tem tanta rivalidade assim não colocaria o inter como grande rival também

Bruno Japa #147 @brunosaito em 29/11/2016 às 04:36

Jamais! É um clássico nacional, sim, pelo tamanho das torcidas, mas rival é demais.

Welly Kwon #1.869 @welly.kwon em 29/11/2016 às 04:34

Pra mim msm rival é apenas as peppas mas na minha opinião Corinthians x Flamengo é o maior clássico do Brasil e um dos maiores da América.

Guilherme Santarem De Albuquerque #774 @guilherme.santarem.d em 29/11/2016 às 03:51

Pra falar a verdade nem o Santos eu considero tanto rival. A torcida do Santos é tão pequena que nem acho pessoas pra zoar depois do clássico.

Pra mim, rival mesmo é Palmeiras e São Paulo!

Itamar Fulano #180 @sr.fulano em 29/11/2016 às 03:07

Acho um pouco de exagero amigo. Desse jeito vai parecer complexo de perseguição. Como em todos os meios de comunicação vai ter os que gostam, odeiam e são imparciais. Da mesma forma que você diz que tem jornalistas que são São Paulinos, Palmeirenses, Santistas e outros. Também existem os que são corintianos e vejo os torcedores de outros times dizer o mesmo que você só que a respeito do Corinthians, que a Globo é corintiana que o Corinthians é o time da mídia. Então não acho que é bem assim, em todo o setor vai ter todo tipo. Acho que essas má noticias de agora é culpa do próprio Corinthians, o time é fraco e com problemas de corrupção e propina até investigação na policia federal e uma gestão ruim, o clube perdeu a moral perante a mídia. Chutar cachorro morto é fácil, ele não reage, esse é o problema. Ninguém respeita, quem não se faz respeitar.

Se o Corinthians melhorar sua gestão, equilibrar os problemas do estádio, quero ver o que vão falar? O clube pode se impor, não temos que colocar a culpa nos outros, pelos próprios erros. Hoje em dia o maior rival do Corinthians é o próprio Corinthians.

Veterano #783 @veterano.1977 em 29/11/2016 às 02:54

" "

Devemos ter cuidado com esta coisa de rivais.

A quarenta anos atrás ia-se nos estádios e não havia divisão de torcida. O que mudou de lá para cá. A mídia esta fazendo uma campanha para isolar e enfraquecer o Timão. De que forma? Estão colocando todas as torcidas contra nós.

A realidade é que eles estão com medo que sejamos no Brasil o que o Boca é na Argentina, onde tem mais de 40 por cento da população na torcida.

Vários meios de comunicação só contratam e colocam para opinar jornalistas anti-Corinthians. Eles fomentam o ódio contra nós, noticiam meias verdades e não elogiam nossos acertos.

Na Globo colocam um anti para narrar nossos jogos (Cléber Machado não é só santista, é anti). Por que não colocam o Milton Leite para narrar nossos jogos?
Os comentaristas da Globo mostram o ódio pelo Corinthians em cada comentário.

Na Band temos o Milton Neves, o Denílson e a Renata Fan. Onde os dois últimos seguem os passos do primeiro. Na minha opinião são pessoas pequenas que promovem o ódio, desmerecem nossas conquistas e são extremamente parciais. Desde a morte do Dr Osmar de Oliveira eu não assisti mais nenhum programa deles. Gostaria que o Ronaldo Giovaneli saísse de lá para outra emissora melhor.

Na Gazeta o tal de Flávio Prado segue o caminho do primeiro e principal jornalista esportivo, já falecido, que era o Peirão de Castro, santista que odiava o Timão.
Santista deve ter ódio do Corinthians devido a goleada de 11 a 0 que sofreram no passado. Gostaria de saber se o Flávio Prado é parente daquele Prado que foi centroavante do São Paulo em 1969? Quando o Benê, do Timão, marcou um gol no último minuto e tirou o título do São Paulo. Depois o Prado foi mandado embora, se não me engano?

Por muitos anos a Record, cujo dono era Paulo Machado de Carvalho, dirigente sãopaulino, foi formadoras de jornalistas esportivos sãopaulinos, alguns até hoje trabalham em algum meio de comunicação.

UOL e FOLHA (a primeira pertence a segunda) são anti também.

Nenhuma delas fala mal da atual gestão do Clube. Por que para elas, quanto pior melhor. Um dia um dirigente do Atlético Mineiro falou que o Corinthians tinha que ser mal administrado para nivelar todos os clubes. Se fosse bem administrado será imbatível. Roberto de Andrade está conseguindo mais do que isto. Esta colocando o Corinthians abaixo dos demais...

Nosso hino começa com uma frase que se torna bem apropriada para o momento.

Salve o Corinthians...

Itamar Fulano #180 @sr.fulano em 29/11/2016 às 02:55

Também acho boa essa nova rivalidade. Ela vem mais por questão de hegemonia de ter maior torcida e mais espaço na mídia nacional, do que futebol em campo. Mas eu acho positivo, isso movimenta o mercado em outras capitais, bom para o investimento de empresas no futebol. Espero pegar mais vezes o Flamengo e golear eles e eliminar eles em competições. Isso aumenta mais a raiva contra o Corinthians e os rivais começam dar mais importância ao Corinthians, assim ganhamos espaço na mídia direto e indiretamente. Temos a ganhar com isso.

Marcos #77 @marcaotimao em 29/11/2016 às 02:14

" "

Não vejo problema nessa nova rivalidade, é bom até. Sai do estado, se os dirigentes dos dois clubes forem espertos, isso ainda arruma um trocado a mais (principalmente de transmissão da TV já que são as maiores audiências).

Enfim não há problema em ter essa rivalidade do outro lado da Dutra.

Veterano 1977 #783 @veterano.1977 em 29/11/2016 às 02:54

Devemos ter cuidado com esta coisa de rivais.

A quarenta anos atrás ia-se nos estádios e não havia divisão de torcida. O que mudou de lá para cá. A mídia esta fazendo uma campanha para isolar e enfraquecer o Timão. De que forma? Estão colocando todas as torcidas contra nós.

A realidade é que eles estão com medo que sejamos no Brasil o que o Boca é na Argentina, onde tem mais de 40 por cento da população na torcida.

Vários meios de comunicação só contratam e colocam para opinar jornalistas anti-Corinthians. Eles fomentam o ódio contra nós, noticiam meias verdades e não elogiam nossos acertos.

Na Globo colocam um anti para narrar nossos jogos (Cléber Machado não é só santista, é anti). Por que não colocam o Milton Leite para narrar nossos jogos?
Os comentaristas da Globo mostram o ódio pelo Corinthians em cada comentário.

Na Band temos o Milton Neves, o Denílson e a Renata Fan. Onde os dois últimos seguem os passos do primeiro. Na minha opinião são pessoas pequenas que promovem o ódio, desmerecem nossas conquistas e são extremamente parciais. Desde a morte do Dr Osmar de Oliveira eu não assisti mais nenhum programa deles. Gostaria que o Ronaldo Giovaneli saísse de lá para outra emissora melhor.

Na Gazeta o tal de Flávio Prado segue o caminho do primeiro e principal jornalista esportivo, já falecido, que era o Peirão de Castro, santista que odiava o Timão.
Santista deve ter ódio do Corinthians devido a goleada de 11 a 0 que sofreram no passado. Gostaria de saber se o Flávio Prado é parente daquele Prado que foi centroavante do São Paulo em 1969? Quando o Benê, do Timão, marcou um gol no último minuto e tirou o título do São Paulo. Depois o Prado foi mandado embora, se não me engano?

Por muitos anos a Record, cujo dono era Paulo Machado de Carvalho, dirigente sãopaulino, foi formadoras de jornalistas esportivos sãopaulinos, alguns até hoje trabalham em algum meio de comunicação.

UOL e FOLHA (a primeira pertence a segunda) são anti também.

Nenhuma delas fala mal da atual gestão do Clube. Por que para elas, quanto pior melhor. Um dia um dirigente do Atlético Mineiro falou que o Corinthians tinha que ser mal administrado para nivelar todos os clubes. Se fosse bem administrado será imbatível. Roberto de Andrade está conseguindo mais do que isto. Esta colocando o Corinthians abaixo dos demais...

Nosso hino começa com uma frase que se torna bem apropriada para o momento.

Salve o Corinthians...

Itamar Fulano #180 @sr.fulano em 29/11/2016 às 02:17

Não foi o marketing futebolístico. é só entender o contexto histórico, como eu coloquei aqui mesmo. O Flamengo e os Flamenguistas antes de 1990 não via o Corinthians como uma ameaça. Embora o Corinthians sempre foi grande, a mídia antes se resumia mais dentro de SP para os times paulistas. O Flamengo como tinha carioca teve do seu lado a vantagem de o RJ ter sido a capital do Brasil e com a rádio Nacional transmitir os seus jogos para várias regiões do Brasil, por isso a grande torcida do Flamengo fora do RJ, com o início da Globo ela continuou isso. Mas o Corinthians começou a mostrar a sua força, conquistou títulos nacionais, Libertadores, mundial e sua torcida crescendo cada vez mais e começa roubar o espaço em âmbito nacional. O Flamengo e os Flamenguistas, começam a ver no Corinthians uma ameaça.

ESSA RIVALIDADE VAI CRESCER SIM, MAS POR UMA DISPUTA DE HEGEMONIA NACIONAL DE TIME MAIS POPULAR. É UMA RIVALIDADE NOVA, MAIS POR QUESTÕES COMERCIAIS E DE EXPRESSÃO NACIONAL DO QUE EM FUTEBOL DENTRO DO CAMPO.

mauricio #30 @mx1972 em 29/11/2016 às 01:10

" "

Engraçado, até o início dos anos 90, Corinthians e Flamengo eram torcidas unidas, trocavam até camisas quando os clubes se enfrentavam.

Mas aí o marketing futebolístico cresceu, passaram a alimentar as rivalidades interestaduais, e deu no que deu.

Marcos Gomes #77 @marcaotimao em 29/11/2016 às 02:14

Não vejo problema nessa nova rivalidade, é bom até. Sai do estado, se os dirigentes dos dois clubes forem espertos, isso ainda arruma um trocado a mais (principalmente de transmissão da TV já que são as maiores audiências).

Enfim não há problema em ter essa rivalidade do outro lado da Dutra.

1 a 10 de 19 respostas