Esse não é o gringo da favela, Pedrinho legitimo alagoano da Fiel!

Fórum do Corinthians
Tópico Épico Entenda as regras

Antonio #154 @marcelojovanelli em 20/03/2017 às 17:57

'Eu sai de casa com 13 anos, quando fui jogar no Vitória. No começo foi muito difícil, afinal ficar longe de casa com essa idade é complicado. Por cerca de dois meses eu chorava todo dia, queria voltar para casa, mas meus pais me diziam para ficar, me lembravam que era meu sonho. Com a ajuda de Deus e dos meus pais eu fiquei lá', disse Pedrinho.

Passou um ano e eu estava mais adaptado, mas acabei dispensado. Ali eu pensava que essa vida de futebol não era para mim. Foi então que meu pai me disse: 'Você tem um grande futuro, Deus reservou grandes coisas para você'. Acabei ficando quatro meses parado em Maceió, até surgir uma chance no São Paulo. Mas lá eu passei apenas uma semana e fui dispensado. Com dois 'não' nas costas, eu queria desistir, não aguentava mais ser reprovado', declarou

Passados outros quatro meses, surgiu a oportunidade de um teste no Corinthians e apesar de poucas chances, Pedrinho aproveitou. 'Eram três dias de teste e nos dois primeiros treinei muito pouco. No terceiro dia era um amistoso exatamente contra o Vitória e um tempo dele seria apenas para os atletas em teste. Porém, na hora da escalação, de onze jogadores de linha eu fui o único a ficar fora, e de novo veio aquela sensação de que não iria dar certo.'

Ali parecia que mais uma vez viria a decepção, só que o destino reservava um momento especial para o camisa 10. 'O Márcio [Zanardi, técnico da categoria Sub-17 do Timão hoje] me chamou, faltavam cinco minutos. Logo que entrei o Renan [Areias, volante do Sub-20 alvinegro que também integra o grupo que disputa a Nike Academy Cup 2016] me tocou a bola e eu chutei de longe, com um pouco de raiva. A bola foi na gaveta e esse é um dos gols mais importantes que fiz, ele mudou minha vida. Depois disso, o Márcio me aprovou', conta Pedrinho.

A partir daí, as coisas começaram a mudar para o jovem. Ainda no Sub-15, teve a chance de se vingar do São Paulo após ser dispensado de lá. 'Logo que cheguei tivemos uma final contra o São Paulo lá em Cotia e puder dar a volta por cima e ser campeão exatamente em cima deles.'

Pedrinho é nosso, garoto vindo de baixo, criado em nossa terra.não é marqueteiro, Fiel revejam seus conceitos de mitos, estamos no Brasil e não na Turquia!

1.076 visualizações e 48 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhor resposta

Cecel Rodrigues #10 @cecelzinho em 21/03/2017 às 11:40

Pow Man... Mais o Kazim mostrou que quer ser ídolo aqui...

E não mostrou fora de campo, mostrou dentro de campo e então onde temos que rever os conceitos...

Não importa se é da Turquia ou de Alagoas, quem tiver dando o melhor de sim para o Timão merece respeito e ser admirado

Últimas respostas

André Anjos #11 @andre.anjoss em 21/03/2017 às 23:03

Agora fica esse mimimi só porque o cara nasceu lá fora.

Tevez é argentino e destruiu jogando aqui.

Claudio #80 @claudio.ferreira.san em 21/03/2017 às 11:32

" "

Exatamente!

Publicidade

Antonio Marcos Floriano Goes #4.140 @tonymarcos em 21/03/2017 às 16:27

Essa comparção pra que... Uma hora o gringo uma pode render...não amarelo para o adversário

Cecel Rodrigues #10 @cecelzinho em 21/03/2017 às 16:22

Uma pena é ver torcedores assim cm você...

Antonio #154 @marcelojovanelli em 21/03/2017 às 15:41

" "

Que pena, você e Kazim vão sonhar juntos, nada mais que isso!

Deco 20 #138 @deco20 em 21/03/2017 às 16:14

Pedrinho vai longe!

Antonio Aparecido Corinthians #154 @marcelojovanelli em 21/03/2017 às 16:10

Gostar não, eles endeusam um jogador medíocre, gostar eu gosto de todos meus amigos, mas chegar ao ponto de endeusar um gringo ruin de bola desses, é doença!

Pádua #208 @paduaalves em 21/03/2017 às 15:28

" "

Muito bonita a história do Pedrinho, só não entendi essa sua tentativa de criticar a toricida por gostar do Kazim.

Antonio Aparecido Corinthians #154 @marcelojovanelli em 21/03/2017 às 15:41

Que pena, você e Kazim vão sonhar juntos, nada mais que isso!

Cecel #10 @cecelzinho em 21/03/2017 às 15:25

" "

Acho bom você rever conceitos mesmo...

Faz assim, ver o jogo contra o palmares novamente, ver os outros jogos dele...

Média de gool é irrelevante se ele jogar bem e honrar o manto sim.

Agora como eu disse, não importa se é turco ou Alagoano, interessa e se tiver jogando bem..

Pádua Alves #208 @paduaalves em 21/03/2017 às 15:28

Muito bonita a história do Pedrinho, só não entendi essa sua tentativa de criticar a toricida por gostar do Kazim.

Cecel Rodrigues #10 @cecelzinho em 21/03/2017 às 15:25

Acho bom você rever conceitos mesmo...

Faz assim, ver o jogo contra o palmares novamente, ver os outros jogos dele...

Média de gool é irrelevante se ele jogar bem e honrar o manto sim.

Agora como eu disse, não importa se é turco ou Alagoano, interessa e se tiver jogando bem..

Antonio #154 @marcelojovanelli em 21/03/2017 às 15:02

" "

Amigo veja o que você escreveu (Mais o Kazim mostrou que quer ser ídolo aqui) NÃO interessa um jogador querer ser ídolo, tem que fazer por onde e ter condições técnicas dentro de campo e fora de campo ser cativante, um jogador que em 15 anos de carreira, fez 63 Gols, media ridícula de menos 5 Gols por ano, pergunto, Kazim dentro de campo tem condições técnicas de ser ídolo? Ser marqueteiro como ele, é suficiente pra ser ídolo? Não faça piadas sem saber se você pode agradar a todos, a maior imoralidade do futebol brasileiro entre clubes e você dizer que Kazim QUER SER ídolo DO CORINTHIANS, nesse momento, Socrates deve ter virado no tumulo de tanta vergonha, o máximo que Kazim vai conseguir, é ser um MARQUETEIRO bonachão, tipo, gringo da favela, isso ARREPIA os menos entendidos, nada mais!

Antonio Aparecido Corinthians #154 @marcelojovanelli em 21/03/2017 às 15:02

Amigo veja o que você escreveu (Mais o Kazim mostrou que quer ser ídolo aqui) NÃO interessa um jogador querer ser ídolo, tem que fazer por onde e ter condições técnicas dentro de campo e fora de campo ser cativante, um jogador que em 15 anos de carreira, fez 63 Gols, media ridícula de menos 5 Gols por ano, pergunto, Kazim dentro de campo tem condições técnicas de ser ídolo? Ser marqueteiro como ele, é suficiente pra ser ídolo? Não faça piadas sem saber se você pode agradar a todos, a maior imoralidade do futebol brasileiro entre clubes e você dizer que Kazim QUER SER ídolo DO CORINTHIANS, nesse momento, Socrates deve ter virado no tumulo de tanta vergonha, o máximo que Kazim vai conseguir, é ser um MARQUETEIRO bonachão, tipo, gringo da favela, isso ARREPIA os menos entendidos, nada mais!

Cecel #10 @cecelzinho em 21/03/2017 às 11:40

" "

Pow Man... Mais o Kazim mostrou que quer ser ídolo aqui...

E não mostrou fora de campo, mostrou dentro de campo e então onde temos que rever os conceitos...

Não importa se é da Turquia ou de Alagoas, quem tiver dando o melhor de sim para o Timão merece respeito e ser admirado

Caio . #789 @caio.testa em 21/03/2017 às 13:29

Que comparação mais escrota...rs