Carta do Cássio

Fórum do Corinthians
Tópico popular Entenda as regras

Felipe #4.584 @felipe.mendes.braga em 02/08/2017 às 09:59

<i>Não sou um cara muito extrovertido. Tenho um jeito mais tranquilo, discreto, mas nem por isso deixo de demonstrar o que sinto. E nessa mensagem eu quero conseguir transmitir exatamente meu sentimento de gratidão.
Sou um cara privilegiado, abençoado por Deus. Quando cheguei aqui no Corinthians, pouca gente me conhecia ou lembrava de mim. Era natural, quase não joguei no Brasil e fiquei cinco anos na Holanda, também com poucos jogos na bagagem. Mas eu vim. Era o Corinthians. Vim na hora. Sabia que era minha chance. Precisava de uma oportunidade. E ela veio. Era tudo ou nada. Ia ser tudo. Eu estava pronto. E deu certo.

Cada lance contra o Emelec foi inesquecível. Seguimos em frente. A torcida parecia carregar o time no colo. No Pacaembu lotado, a defesa no lance contra o Diego Souza mudaria minha vida. Na hora nem percebi o tamanho daquilo. Só fui ter noção depois, a cada pedido de autógrafo, a cada história que o corintiano contava sobre o que ele sentiu naquele momento, a cada foto que uma criança pedia encostando a sua mão na minha. Só poderia dar no que deu: o título da Libertadores. Aquilo foi pra sempre.
E o Mundial no Japão? O estádio parecia o Pacaembu. Como pode tanta gente atravessar o mundo pra ver o Corinthians jogar? Jogar e ganhar. Fomos campeões do mundo. Eu sei que joguei muito aquele dia. Joguei pela minha mãe, pela minha vó, pela minha família. Joguei por mim. Joguei por nós todos. Nós conquistávamos o mundo. Sai de Veranopolis e ajudei o Corinthians a ser campeão do mundo. Que ano...
Vieram mais títulos, graças a Deus, mas vieram também minhas dificuldades. Minha sinceridade que às vezes me faz falar o que não devo... Não tenho problema em admitir que erro. Erro muitas vezes. Aliás, goleiro quando erra, normalmente não tem conserto. Aprendi e aprendo muito com meus erros. Sou um ser humano como você. Sinto, sofro, me desconcentro, perco o foco. Perdi a posição, me reinventei, trabalhei, reciclei. E esperei. A chance veio de novo. Agarrei. Acho que a vida é meio parecida com o futebol. Tem altos e baixos, vitórias e derrotas. Sei que tudo isso me fez um cara melhor. Como jogador e como homem. Sou pai de um menino e vem uma menina por aí. É muita gratidão que tenho para passar.
300 jogos depois, olho pra trás e me vejo contando essa história. Sei que poucos jogadores chegaram aos 300 jogos pelo Corinthians. É uma honra. Sei que isso só aconteceu porque muita gente me ajudou: técnicos, jogadores, o Mauri (Lima, preparador de goleiros), os outros goleiros, as comissões técnicas, cada funcionário e, principalmente o torcedor que me abraçou e que lotou os estádios ou torceu de casa. Eles sabem que tem um cara que representa cada um deles dentro de campo. Um cara que deixou a vida no campo nos 300 jogos que fez pelo Corinthians. Que honra. Só tenho que agradecer. Muito obrigado. E vai Corinthians!</i>

Como disse Galvão na final do mundial: Gigaaaaante Cássio!

310 visualizações e 11 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhor resposta

Rafael Capra #2.996 @rafael.capra em 02/08/2017 às 10:17

Grande Cássio, GIGANTE Corinthians! Gratidão é um sentimento puro, verdadeiro, sincero e infelizmente, para poucos. Parabéns, ídolo!

Últimas respostas

Maria Das Graças #2 @gracinhado.timao em 02/08/2017 às 11:02

Também.

Rafael #2996 @rafael.capra em 02/08/2017 às 10:30

" "

Sim. Raro não apenas no futebol.

Publicidade

Wagner Luiz Teixeira #1.365 @wlteixeira em 02/08/2017 às 10:49

Muito bom ver o Gigante Cássio jogando em alto nível novamente que permaneça por muito tempo no Timão.

Parabéns Cássio

Anderson De Almeida Mendes #6.261 @anderson.de.almeida. em 02/08/2017 às 10:47

Estou pra entrar numa reunião e agora estou chorando... Pode isso Arnaldo?

Lucas 023 #296 @lucas.schoba em 02/08/2017 às 10:35

Pra mim o maior goleiro do Corinthians!

Rafael Capra #2.996 @rafael.capra em 02/08/2017 às 10:30

Sim. Raro não apenas no futebol.

Maria #2 @gracinhado.timao em 02/08/2017 às 10:25

" "

Gratidão principalmente no futebol hoje é algo bem raro?

Wellington Sitta Rodrigues #1.982 @wsitta em 02/08/2017 às 10:30

Sem palavras..Ídolo! Que o Pablo, e outros jogadores que ninguém se lembrava ou conhecia, tenham a mesma gratidão! Não só no Corinthians, mais em qualquer lugar, gratidão, esta é a palavra...Se todos fossem assim, estaríamos vivendo em um mundo 100% melhor..

Giganteeeeeee Cássio...não apenas como goleiro, mais também como homem!

Maria Das Graças #2 @gracinhado.timao em 02/08/2017 às 10:25

Gratidão principalmente no futebol hoje é algo bem raro?

Rafael #2996 @rafael.capra em 02/08/2017 às 10:17

" "

Grande Cássio, GIGANTE Corinthians! Gratidão é um sentimento puro, verdadeiro, sincero e infelizmente, para poucos. Parabéns, ídolo!

Maria Das Graças #2 @gracinhado.timao em 02/08/2017 às 10:24

Bela carta?

Rafael Capra #2.996 @rafael.capra em 02/08/2017 às 10:17

Grande Cássio, GIGANTE Corinthians! Gratidão é um sentimento puro, verdadeiro, sincero e infelizmente, para poucos. Parabéns, ídolo!

Milgrau 1000° #1.789 @milgrau.sccp.zl em 02/08/2017 às 10:06

Só o Cássio pra mim fazer ler tudo isso, Vau Corinthians