Timão "tem dinheiro" e FluminenC tem dívidas. O pequeno imbróglio acerto Dourado

Fórum do Corinthians
Tópico popular Entenda as regras

Greg #7.097 @greg.rolim em 09/01/2018 às 17:11

Todo mundo sabe que o Fluminense está endividado. Dispensou jogadores, está sofrendo com ações judiciais por falta de pagamentos salariais. Precisa de grana.

Já o Corinthians, apesar de não estar aquele paraíso financeiro, tem uma grana pra gastar e precisa de um centroavante.

Surge o nome de Henrique Dourado. Interesse de ambas as partes. A tal lei da oferta e da procura. Neste caso, da corda no pescoço e da procura.

O Fluminense até ontem, aceitaria proposta por 50% dos direitos do atleta. Hoje se fala em liberação somente por 100%.

E aí? Virou leilão?

A diretoria vai cai nessa aí?

Vamos ver quem é a parte mais 'necessitada' da história.

Loucura financeira por jogador? Sou contra. Já nos demos muito mal com isso, né Pato?

920 visualizações e 19 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhores respostas

Marcelo Figueiredo #23 @timao.sc em 09/01/2018 às 17:27

O SCCP pode ter dinheiro, mas não para o futebol, não para pagar dividas do futebol...como nos últimos anos, pouco se investiu no futebol, o que fizeram foi superfaturar elenco, contratar jogador e não aproveitar, renovar com jogador tecnicamente fraco sem necessidade...pagar comissões antissimas...a logica seria o time desse ano ser melhor que do ano passado, mas perdeu seu principal jogador e até agora nada de reposição, isso que já precisava reforços não saindo ninguém..como sempre, jogam tudo nas mãos do treinador pra que ele faça milagre..uma hora vai dar M...

Lucas Pereira Da Silva #43 @lucas.ps.timao em 09/01/2018 às 17:36

Fluminense só está valorizando o Henrique Dourado pra ver se consegue mais $$, mas eles não te poder no negócio pois estão com a corda no pescoço.

Últimas respostas

Maria Das Graças #2 @gracinhado.timao em 11/01/2018 às 10:55

Sim.

Freddy #3 @kruege em 10/01/2018 às 21:50

" "

Verdade.

Publicidade

Freddy Krueger "mito" #3 @kruege em 10/01/2018 às 21:50

Verdade.

Maria #2 @gracinhado.timao em 10/01/2018 às 08:35

" "

Simples assim.

Maria Das Graças #2 @gracinhado.timao em 10/01/2018 às 08:35

Simples assim.

Freddy #3 @kruege em 09/01/2018 às 23:01

" "

Sem duvida.

Essa imprensa é um lixo!

Freddy Krueger "mito" #3 @kruege em 09/01/2018 às 23:01

Sem duvida.

Essa imprensa é um lixo!

Maria #2 @gracinhado.timao em 09/01/2018 às 18:21

" "

Ai onde está quem garante que as notícias de ontem eram verdadeiras a imprensa quer audiência e qualquer coisa envolvendo o Timão é bingo.

Fiel Ao Corinthians 77 #3.429 @fielsccp77 em 09/01/2018 às 18:26

Tem casos que é preciso investir, mas 100% pelo Dourado acho loucura!

Maria Das Graças #2 @gracinhado.timao em 09/01/2018 às 18:21

Ai onde está quem garante que as notícias de ontem eram verdadeiras a imprensa quer audiência e qualquer coisa envolvendo o Timão é bingo.

Luan S. #465 @luan.fps em 09/01/2018 às 18:01

Se o Corinthians negocia diretamente com o Fluminense, e este só possui 50% do jogador, como exigem uma negociação por 100%? É ilógico. Eles não tem esse poder para exigir essa negociação, se só possuem metade do passe.

É só o Corinthians pagar os 9 milhões (valor referente aos 50% que o Fluminense detém) e pronto. Não tem essa conversa do Fluminense exigir 100% pra vender, a não ser que a parte detentora dos outros 50% esteja de acordo, que não deve ser a situação, já que o Fluminense deve pra todo mundo.

Jessé Amâncio De Sousa #4.137 @jesseamancio em 09/01/2018 às 17:59

Podemos comprar os diretos do Flu e ainda abocanhar uma parte dos diretos do Mirassol. Se ele tiver o mesmo desempenho nessa temporada, com certeza receberemos uma boa grana em 2019.

Lucas Pereira Da Silva #43 @lucas.ps.timao em 09/01/2018 às 17:36

Fluminense só está valorizando o Henrique Dourado pra ver se consegue mais $$, mas eles não te poder no negócio pois estão com a corda no pescoço.

Marcio Nascimento #302 @marcio.valcar em 09/01/2018 às 17:29

Vamos aguardar pra ver

1 a 10 de 18 respostas