Sobre falta de lógica, incompetência, e outros demônios

Fórum do Corinthians
Tópico Lendário Entenda as regras

Fábio #999 @fabiomcbaltz em 18/10/2018 às 00:32

O Santos passou boa parte do Brasileirão paquerando o rebaixamento. Era treinado por Jair Ventura, que chegara ao clube praiano com moral alta pelo desempenho no Botafogo, na temporada passada. Comandando Peixe, mesmo com a classificação em primeiro de seu grupo na Libertadores, o treinador teve seu aproveitamento visivelmente inferior ao ano anterior, e o time que tem fama de ser ofensivo não via maneira de vencer, uma vez que o filho do Furacão Jairzinho é renomado por armar retrancas. Foi demitido, portanto.

Durante este processo, o técnico de nosso amado Corinthians era outro chamado de novato, mesmo sem sê-lo. Cometendo praticamente os mesmos erros, mas quase milagrosamente se mantendo entre a quinta e a sétima colocações. Como a vida tem suas obviedades, e paciência tem limites, também foi demitido.

Começa a era da irritação e dos absurdos da falta de raciocínio e bom senso. Ao menos para este aqui que vos escreve.

O que pensava Andrés quando demitiu o treinador que estava em sexto/sétimo quando contratou alguém que foi demitido por passear pelo Z4?

O que pensam os profissionais da mídia esportiva quando elogiam tanto um treinador cujo único mérito é uma arrancada em 2016, que não resultou um título algum, ou sequer uma final?

Na parte tática, mais motivo de fúria criada pela minha falta de paciência com burrice.

Por que nunca dar chances a Matias quando os outros 9 do elenco são escandalosamente ruins?

Por que recorrer à superstição sistematizada mantendo Pedrinho no banco e optando por jogar o primeiro tempo sempre com dez em campo?

Por que insistir com Clayson e Vital? E ao fazê-lo, por que na posição errada?

Por que colocar sempre na beirada o atacante que é artilheiro da temporada, e que marcou gols em seguidos jogos justamente na época em que atuou centralizado?

Por que colocar Jadson de centroavante? Ele é o ÚNICO armador do ELENCO! (Danilo só não encerrou sua carreira por teimosia...)

Por que insistir com Avelar?

Tudo esta burrice é proposital e esquematizada pelos que empregaram o treinador? Ou Jair é genuinamente burro?

Por que a principal organizada do clube, famosa em outros tempos por sua pouca paciência, coincidentemente hoje parece um conclave gigantesco de hare krishnas tamanha é sua complacência e otimismo, mesmo diante de notórios abusos por parte da cartolagem corintiana?

8.235 visualizações e 191 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhores respostas

Tiago Augusto De Oliveira #8.022 @tiholiveira em 18/10/2018 às 01:29

O maior culpado do que estamos vivendo é o Andrés, destruiu o time durante a temporada, aquele bandido, Jair Ventura acabou de chegar numa terra arrasada, não é o maior culpado, maior culpado é o presidente bandido.

Matheus Chagas Santos #4.862 @matheus.chagas.santo em 18/10/2018 às 01:39

Jair não é técnico para comandar o Corinthians, mas se o clube está nessa situação é por culpa exc? Usiva dessa diretoria bandida e desse picareta do Andrés.

Últimas respostas

Fábio Chamusca De Carvalho #999 @fabiomcbaltz em 20/10/2018 às 05:06

O Santos arrancou justamente depois da saída dele de lá.

Loss teve sorte quando perdeu, mas ao menos venceu algumas. Jair simplesmente não vence. São 2 em 10... Se ao menos sofresse de empatite... Mas não. São 5 derrotas...

Jair veio pelo Botafogo de 2016. E só foi treinador lá porque é filho de Jairzinho... Ventura é mais novo que eu, véi... Rsrsrsrs

Espero que pra sorte e sucesso na vida dele, que não, mas a impressão que me dá é que daqui pra 2025 ninguém nem vai saber onde ele está... Pelo menos se continuar assim, né?

Ricardo #831 @ricardo.augusto2 em 18/10/2018 às 21:08

" "

Te respondo facilmente com 4 letras: Tite! Começou aí essa era de teimosia. Toda vez acham que vai surgir um Tite ou um Carille que precisa de sequencia pra mostrar trabalho. E depois do desastroso 2016, a teimosia se tornou mais necessária. Loss só não deixou o time perto do Z4 por incompetência dos times que estavam logo abaixo, o Corinthians perdia ou empatava, mas os outros também. Só os times da sexta posição para cima que ganhavam. Porém, as coisas foram mudando: Santos arrancou e já passou a gente, Atlético PR arrancou, Cruzeiro agora pode arrancar mais também, e a tendência é os times de baixo darem a vida em campo para não caírem. Ou o todo mundo entende a situação, ou é série B ano que vem. Ano que vem metade desse time tem que ir embora. Jair veio pelo trabalho no Botafogo, não no Santos. Veio por ter seu estilo mais conservador na defesa, algo inadmissível no Santos, porém exaltado no Timão.

Publicidade

Fábio Chamusca De Carvalho #999 @fabiomcbaltz em 20/10/2018 às 05:00

Pois é... Sobre tudo isso que comentei. Hehehe

Mesmo sabendo que o mentor da tragedia, o arquiteto da destruição é Andrés, na parte tática o time não era pra estar assim...

O time tem 7 volantes e 12 jogadores ofensivos, entre meias e atacantes. Mas Jair insiste em por mais defensores do que atacantes, argumentando que com este elenco é melhor defender.

Veja:

2 primeiros volantes(Ralf e Gabriel), 5 meias-defensivos de segunda função(Renê, Paulo Roberto, Mantuan, Douglas, Thiaguinho).

Jadson, Pedrinho, Vital, Araos, Rodrigo Figueiredo e Danilo. NENHUM deles marca. Quem tem até disposição, não sabe. E quem passa perto de saber, não aguenta mais. E tem Jadson, que nem quer, nem sabe.

Extremos: Clayson, Romero. Segundo atacante: Sheik, Romero(posição original dele), Diaz(o paraguaio também pode fazer a função que ZAgallo chamava de 1, que aqui era feita por Rodriguinho), centroavante fixo(9 clássico): Roger, Jonathas. Ambos igualmente ruins.

Olhe esta lista e separe você mesmo quem tem boa técnica e história vencedora. E compare com a escalação de Jair. Pra mim não faz sentido.

* No lance de Mantuan pelo Paulista todo mundo só lembra do erro dele, mas esquece que Gabriel deixa Trellez correr do meio de campo até dentro da grande área sem encostar no cara, e que Sidclei(acho que era ele) conseguiu se colocar no contrapé sozinho enquanto corria sem motivo algum em direção a Cássio, sem sequer olhar quem vinha atrás dele. Naquela época, aliás, eu já reclamava muito da condição fisica-tecnica-tatica de Gabriel.

tiago #484 @tiagopexe em 19/10/2018 às 09:05

" "

Vamos lá.

Eu acho que o rebaixamento é a única solução, porque o grande problema do Timão é a gestão administrativa e do futebol, que piorou demais, está corrompida, e faz o clube sangrar. A arrogância tomou conta da diretoria nos últimos anos, isso é fato.

Em relação ao Jair, ele vai pegando o elenco aos poucos, quis entrar com um time mais forte fisicamente, mas desentrosado, esse time do Coringão, não tem um 11 titular desde o início do ano.

Agora, sabe quando vamos melhorar?

Quando pegarem esses contratos de jogadores emprestados como Guilherme ''chinelinho'', Giovanni Augusto, Lucca, Marlone, Gustagol, Moises, etc e vender. N dá para o Coringão, que não tem mais receita de venda de ingresso, se comprometer com salários absurdos para jogadores tiriças, perna de pau.

E as comissões de empresários, como explicam a venda de Arana e Jô.

A única coisa interessante é que já romperam o contrato com a OMNI, porque devem ter visto que sobraria para alguém.

Voltando... Tem alguns jogadores desse elenco que já deu também, respeito o Sheik, Danilo, mas o tempo deles já passou. Vilson ainda está no elenco? Sim, acreditem se quiser.

Então é preciso fazer uma avaliação do elenco, a verdade é que temos vários jogadores para uma mesma função (pelos lados temos Romero, Pedrinho, Clayson, Vital, Jadson, etc) e para jogar centralizado, jogadores que precisam saber armar e dar combate temos quem? Ninguém, o Jadson jogou pelos lados em 2015 e 2017, esse ano ele só está centralizado porque n aguenta mais marcar. Então é esse tipo de decisão que mata o time. Já tivemos Renato Augusto, Paulinho, Elias, Rodriguinho, Maycon, antigamente ziDanilo, Alex...

Sempre tívemos boas duplas de volante, um mais preso e outro que sabe sair para o jogo, e no jogo contra o Cruzeiro, jogamos com dois volantes de marcação, Ralf e Gabriel. Pioramos no que éramos bons.

Então é preciso fazer uma avaliação do elenco, e também negociar quem n está entregando. O Pedrinho também poderia ser negociado, ajudaria demais a pagar as contas da Arena, e aqui, já está claro que n conseguirá esse crescimento físico, ele precisa de um centro de excelência, como Barcelona, que sabe tratar essa situação.

N adianta botar culpa nos jogadores, técnico, para mim, os maiores culpados são os dirigentes.

Se for avaliar, o Mantuan quase f**** o Timão no Paulista, e foi salvo graças a Pedrinho, Maycon, Vital, Rodriguinho que em jogadas individuais fizeram a diferença nos jogos decisivos. Ou seja, n foi o coletivo, mas em jogadas individuais, de inspiração, que esse time conquistou o Paulistão. E se fosse campeão da Copa BR, deveria botar na conta do Pedrinho.

Ou seja, nunca tivemos um time, coletivamente, esse ano.

Fábio Chamusca De Carvalho #999 @fabiomcbaltz em 20/10/2018 às 04:01

Chegamos a um determinado nível de absurdos, que eu simplesmente não consigo usar a palavra 'menos' junto com 'culpado'. Hehehe

Concordo que Jair é só um requinte de crueldade para com a torcida. Veja bem, não ele, a pessoa. O rendimento dele. O fato de não ser o momento pra ele assumir o Corinthians. Não pela situação do elenco, mas sim porque ele é treinador desde 2016, e antes disso só tinha experiencias como assistente pelo Botafogo e CSA, que estão longe de serem consideradas equipes com mesma exigência e expectativa em seus planejamentos. E em nenhuma passagem anterior ele levantou taças ou chegou perto disto. É um treinador inexperiente, sem história de conquistas, sem identificação com o clube.

Nunca me pareceu ser uma pessoa ruim, embora ultimamente tá meio difícil dizer isso sobre alguém. A questão é que ele não tem credenciais para o cargo, e o desempenho dele grita isso. O aproveitamento dele é quase metade do de Loss e isso é algo escandaloso, porque Loss já era bem ruim.

Quem eliminou o Flamengo foi Cássio, Romero, Jadson e Pedrinho. Jair só armou a mesma retranca de sempre.

Mano, Abel, Luxa, Tite(que já ja cai...), Carpegiani, Oliveira... Todos estes teriam condições muito melhores de fazer este time jogar o que sabe... O elenco parece pior porque os treinadores são muito fracos.

Sobre Andrés, acho que a gente nem precisa comentar nada mais... Rsrsrsrs

Rafael #3160 @rch05 em 19/10/2018 às 10:31

" " Cara, eu não discordo de você sobre o Andrés Sanchez, acho que é incompetente, ladrão etc. Aliás, isso é bem claro, como você colocou.
Só acho que o menor dos culpados é o técnico que tem um time ruim a disposição e bem ou mal eliminou o Flamengo. É técnico do tamanho do Corinthians? Provavelmente não, mas quem é? Mano Menezes, talvez?
Enquanto Andrés Sanchez for o presidente, vai ser isso aí mesmo, lamentavelmente. Nos resta apoiar e torcer pros que aí estão, Jair ventura inclusive.
Abraço!

Fábio Chamusca De Carvalho #999 @fabiomcbaltz em 20/10/2018 às 03:33

Entendo o cansaço perfeitamente, Flavio. Rsrsrs... Tenho 42 com disposição de 85. Rsrs
Só não concordo em desistir... Rsrsrs

flavio #359 @botaguaianases em 19/10/2018 às 15:32

" " Eu já tenho 50 anos. Tenho que torcer para o Corinthians e esquecer outros detalhes porque senão vou acabar morrendo sem ter vivido. Deixo as brigas e xingamentos e cobranças e denúncias para os mais jovens que ainda têm bastante caminho a seguir. Quero o Corinthians campeão seja com a diretoria que for. Todos os clubes brasileiros têm problemas e falcatruas e sempre terão e isso ninguém nunca cá vai mudar. O importante para mim é comemorar os títulos. Quero que os jovens continuem lutando por aquilo que acham certo mas para mim o certo é torcer para o coringão e tomar umas geladas. Boa sorte a todos.

Vagner Ferreira De Alencar #2.529 @vagner.ferreira.de.a em 19/10/2018 às 23:40

Veremos no decorrer da história...O Oswaldo foi campeão brasileiro e do mundo com o Timão...sabemos o que aconteceu depois.

Diogo #260 @curto em 18/10/2018 às 15:42

" " é...

O Gastão e foda.
5 campeonatos disputados
3 na conta...

É sorte...

Muita sorte...

Flavio Barbosa #359 @botaguaianases em 19/10/2018 às 15:32

Eu já tenho 50 anos. Tenho que torcer para o Corinthians e esquecer outros detalhes porque senão vou acabar morrendo sem ter vivido. Deixo as brigas e xingamentos e cobranças e denúncias para os mais jovens que ainda têm bastante caminho a seguir. Quero o Corinthians campeão seja com a diretoria que for. Todos os clubes brasileiros têm problemas e falcatruas e sempre terão e isso ninguém nunca cá vai mudar. O importante para mim é comemorar os títulos. Quero que os jovens continuem lutando por aquilo que acham certo mas para mim o certo é torcer para o coringão e tomar umas geladas. Boa sorte a todos.

Fábio #999 @fabiomcbaltz em 18/10/2018 às 12:53

" "

A diretoria errou ao nascer. Este é o ponto 1. Rsrsrsrs

Ponto 2 é que a saída de Carille era tragedia anunciada. Não acho que deveríamos entupir a conta bancaria dele de dinheiro pra que ficasse, de maneira alguma. Mas uma vez que já se sabia que ele sairia, errou feio ao não planejar a mudança. Porque se a ideia era manter Loss desde sempre, pensaram que o raio iria cair várias vezes no mesmo lugar. Sequer observaram a história. Borges, Roger, Oswaldo de Oliveira, Ney Franco, Micale, Andrade e tantos outros nomes que ilustram a galeria de treinadores de uma temporada só, e com um elenco de jovens, ter no comando outro jovem é antes de tudo, uma burrice.

Se acerta no futebol quando se é certo. Assim como tudo na vida. A frase é engraçada e aparentemente redundante, mas é assim que é.

Não sei você, mas eu não acho que ganhar um ou dois títulos seja melhor do que ser campeão. Times brasileiros são geridos de maneira a estarem campeões. Eu quero meu time sendo campeão. Percebe a diferença?

Somos a maior população da América Latina. O Corinthians é um dos times mais populares desta nação. Não há nenhuma razão, senão a incompetência e a desonestidade, que impeça o Corinthians de ser o que queremos que seja.

Rafael Ch #3.160 @rch05 em 19/10/2018 às 10:31

Cara, eu não discordo de você sobre o Andrés Sanchez, acho que é incompetente, ladrão etc. Aliás, isso é bem claro, como você colocou.
Só acho que o menor dos culpados é o técnico que tem um time ruim a disposição e bem ou mal eliminou o Flamengo. É técnico do tamanho do Corinthians? Provavelmente não, mas quem é? Mano Menezes, talvez?
Enquanto Andrés Sanchez for o presidente, vai ser isso aí mesmo, lamentavelmente. Nos resta apoiar e torcer pros que aí estão, Jair ventura inclusive.
Abraço!

Fábio #999 @fabiomcbaltz em 19/10/2018 às 08:29

" "

O título é praticamente um resumo do texto.

A falta de logica na contratação de jogadores, venda dos anteriores e na contratação de um treinador que foi demitido quando treinava um time que estava estagnado em umas DEZ posições ABAIXO da nossa.

A incompetência em gerir o clube, a incompetência pra treinar o elenco e resgatar o melhor desempenho de alguns jogadores que encerraram como campeões o ano de 2017 e iniciaram este como bi-campeões paulistas.

Os outros demônios são justamente os vícios e falhas de caráter presentes em cartolas cujos nomes são conhecidos da torcida.

Não. Anos-luz não. Perdeu pra um time que já havia nos enfrentado este ano quatro vezes, e só havia conseguido uma vitória. Time este que só tem DOIS pontos na nossa frente no Brasileirão.

SE tivessem validado o gol, e SE a gente não tomasse mais um gol e SE conseguíssemos levar pras penalidades e SE tivéssemos vencido, eu escreveria o mesmo texto, mas com uma parte a mais, que falaria sobre a soberba do presidente, sobre como ele iria capitalizar esta vitória enquanto grande parte da torcida, senão toda ela, estaria anestesiada e distraída. A manutenção sistemática de toda a desonestidade e burrice teria continuidade até o ponto em que nenhum título a mais fosse possível... Opa! Pera... Acho que é aqui que nós já estamos, né? Afinal, são muitos 'se' na tua pergunta... Acho que se continuarmos assim, vai chegar uma hora em que estaremos apenas uma rodada de entrarmos na ZONA de REBAIXAMENTO... Opa! Não... Pera!

Tiago Pexe #484 @tiagopexe em 19/10/2018 às 09:05

Vamos lá.

Eu acho que o rebaixamento é a única solução, porque o grande problema do Timão é a gestão administrativa e do futebol, que piorou demais, está corrompida, e faz o clube sangrar. A arrogância tomou conta da diretoria nos últimos anos, isso é fato.

Em relação ao Jair, ele vai pegando o elenco aos poucos, quis entrar com um time mais forte fisicamente, mas desentrosado, esse time do Coringão, não tem um 11 titular desde o início do ano.

Agora, sabe quando vamos melhorar?

Quando pegarem esses contratos de jogadores emprestados como Guilherme ''chinelinho'', Giovanni Augusto, Lucca, Marlone, Gustagol, Moises, etc e vender. N dá para o Coringão, que não tem mais receita de venda de ingresso, se comprometer com salários absurdos para jogadores tiriças, perna de pau.

E as comissões de empresários, como explicam a venda de Arana e Jô.

A única coisa interessante é que já romperam o contrato com a OMNI, porque devem ter visto que sobraria para alguém.

Voltando... Tem alguns jogadores desse elenco que já deu também, respeito o Sheik, Danilo, mas o tempo deles já passou. Vilson ainda está no elenco? Sim, acreditem se quiser.

Então é preciso fazer uma avaliação do elenco, a verdade é que temos vários jogadores para uma mesma função (pelos lados temos Romero, Pedrinho, Clayson, Vital, Jadson, etc) e para jogar centralizado, jogadores que precisam saber armar e dar combate temos quem? Ninguém, o Jadson jogou pelos lados em 2015 e 2017, esse ano ele só está centralizado porque n aguenta mais marcar. Então é esse tipo de decisão que mata o time. Já tivemos Renato Augusto, Paulinho, Elias, Rodriguinho, Maycon, antigamente ziDanilo, Alex...

Sempre tívemos boas duplas de volante, um mais preso e outro que sabe sair para o jogo, e no jogo contra o Cruzeiro, jogamos com dois volantes de marcação, Ralf e Gabriel. Pioramos no que éramos bons.

Então é preciso fazer uma avaliação do elenco, e também negociar quem n está entregando. O Pedrinho também poderia ser negociado, ajudaria demais a pagar as contas da Arena, e aqui, já está claro que n conseguirá esse crescimento físico, ele precisa de um centro de excelência, como Barcelona, que sabe tratar essa situação.

N adianta botar culpa nos jogadores, técnico, para mim, os maiores culpados são os dirigentes.

Se for avaliar, o Mantuan quase f**** o Timão no Paulista, e foi salvo graças a Pedrinho, Maycon, Vital, Rodriguinho que em jogadas individuais fizeram a diferença nos jogos decisivos. Ou seja, n foi o coletivo, mas em jogadas individuais, de inspiração, que esse time conquistou o Paulistão. E se fosse campeão da Copa BR, deveria botar na conta do Pedrinho.

Ou seja, nunca tivemos um time, coletivamente, esse ano.

Fábio Chamusca De Carvalho #999 @fabiomcbaltz em 19/10/2018 às 09:00

Torcer eu também torço. Só que eu não vivo na Idade Média e tampouco são um católico fervoroso daqueles tempos. E nem acredito em poderes Jedi. Rsrsrs Torço mas os fatos me mostram coisas. Ultimamente torço contra a realidade daquilo que Jair tem feito. E antes dele, Loss.

Unanimidade é a palavra-armadilha em sua pergunta, pois qualquer nome que eu cogitar, você negará afirmando não se tratar de uma unanimidade. Hehehe

Abel, Luxa, Cuca, Dorival... Todos estes estiveram disponíveis em certo momento... Daí Andrés achou que ia ser O cara contratando Jair Ventura, que começou a carreira em 2016.

Pedro #11579 @pedro.goncalves19 em 18/10/2018 às 19:43

" " Além do mais, qual nome seria uma unanimidade para o comando técnico do time? Como torcedor eu estou sempre incentivando em qualquer momento, ontem torci demais para que o Jonathas fizesse gols e boas jogadas, infelizmente não é um 9 de primorosa qualidade técnica, mas dou o voto de confiança, assim como confio no trabalho do Jair.
Ah e que fique bem claro, não é o nome de treinador dos meus sonhos para o Corinthians, mas se é o treinador do Corinthians eu estou apoiando sempre pra dar mais confiança.

Fábio Chamusca De Carvalho #999 @fabiomcbaltz em 19/10/2018 às 08:57

Tá. Saquei. Vamos lá. O que ele fez com o Botafogo em 2016(são três anos já...) foi pegar um time fraco, na beira do rebaixamento, e arrancar pra uma vaga na Libertadores. E na temporada seguinte até fez uma campanha digna, é verdade. E acabou aí. Foi só isso. Jogou como time pequeno, treinando um clube que tem uma história bonita, repleta de craques, mas que não vence campeonato algum fora dos limites do Rio. Isso pra não falar da torcida, e da expectativa da imprensa, cujos jornalistas-torcedores geralmente são os tiozinhos românticos, vozes vencidas em todos os programas.

Pedrinho continua jogando aberto pela direita tendo que correr atrás de lateral, o mesmo com Romero. Vital já foi até de volante, Gabriel tem sido escalado como segundo volante(meia de ligação), Jadson já foi de centroavante, e etc e tal... Não vejo onde que ele parou com as invenções de Loss.

Nosso elenco tem 7 volantes e 13 jogadores de frente, entre meias e atacantes. Dos sete volantes, apenas dois são realmente da primeira função. Todos os outros não funcionam bem ali. Os outros são lentos(Renê, PR, Douglas). NENHUM dos nossos meias sabe marcar. Repito: NENHUM. E entre nossos atacantes, somente Sheik e Romero ajudam no processo defensivo.

Então, dito isso, me explique: como que este elenco tem vocação defensiva?

Porque me parece ser justamente o contrário. Desde a saída de Carille, quem chegou achou que a ideia genial era por este time pra somente 'fechar a casinha', quando está obvio que este time vai jogar melhor quando tiver mais meias.

Pedro #11579 @pedro.goncalves19 em 18/10/2018 às 19:42

" " Acabou de chegar em momento conturbado entre o êxtase das finais e baixo rendimento no brasileiro. O time não tem confiança pra jogar, ainda que eu acho que a confiança melhorou com a chegada dele em comparação a era Loss, Ele parou de inventar novas posições aos jogadores, o que EU acho que é o certo. Por fim, o Botafogo, time em que o Jair trouxe bom rendimento pelo 'elenco' que tinha, era uma equipe de características defensivas, assim como o Corinthians vem apresentando há anos, já no Santos, as características são ofensivas e quando ele tentou implantar seu sistema de maior resguardar defesa e depois atacar as coisas não deram certo por lá, até mesmo por características de elenco que o Santos tem.
.