Importante e preocupante! Repararam como o Corinthians tem perdido mídia com a gestão do Andrés?

Fórum do Corinthians
Tópico popular Entenda as regras

Itamar #33 @sr.fulano em 19/12/2019 às 15:51

Por mais que muitos de nós criticamos programas esportivos e a mídia esportiva.

Não se pode fechar os olhos e ficar alienado, e viver em uma bolha.

POIS É O ESPAÇO NA MÍDIA QUE TORNA UMA MARCA FORTE E GERA INTERESSE DE PARCEIROS E PATROCINADORES.

E tenho reparado uma coisa em canais esportivos de rede nacional e não sei se perceberam isso também.

O CORINTHIANS SEMPRE TEVE MUITO ESPAÇO EM PROGRAMAS ESPORTIVOS, PEGANDO BOA PARTE DA PROGRAMAÇÃO.

Mas de uns meses pra cá vejo como o clube tem sido escanteado.

Flamengo porque tem torcida grande como nós e vive o bom momento tem tomado boa parte das programações, aí normal.

Mas até o Palmeiras tem tido muito mais cobertura e espaço que o Corinthians.

Vejo o Corinthians jogado para final dos programas com mesmo tempo de espaço que times de regiões fora do centro, como Cruzeiro, Atlético-MG, Grêmio, Internacional.

O CORINTHIANS SEMPRE FOI UMA POTECIA DE AUDIÊNCIA E MÍDIA!

E isso influência muito na sua capitação de receita.

MAS O ANDRÉS COM SUA GESTÃO VEM APEQUENANDO DEMAIS O CORINTHIANS.

Acho isso algo que não se deve ignorar.

Nossa história é de sermos protagonistas e não coadjuvantes.

300 visualizações e 24 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Últimas respostas

Guilherme Ginjo #1.742 @guilherme.ginjo em 19/12/2019 às 17:24

Sobre a divida do Corinthians é maior do que a fonte primeira que consultei, uma matéria de outubro da ESPN, no entanto todas as dividas naquela matéria estavam abaixo das noticias mais atuais, incluindo a do Flamengo que ganhando tudo, e com o Maracanã dado, chegará a 500mi. O Palmeiras deve ficar perto disso também. Novamente, poderia sim ser melhor, mas não significa 'apequenamento do corinthians'

Rafael #222 @rafael.amorim4 em 19/12/2019 às 17:17

" " Nossa endividamento estava em 670 milhões no meio do ano. Acredito que termine o ano na casa dos 800 milhões fora o estádio. Tá bem ruim e não é tão simples assim como você fala, ao contrário. Precisa de um choque de gestão urgente.

Publicidade

Rafael Amorim #222 @rafael.amorim4 em 19/12/2019 às 17:17

Nossa endividamento estava em 670 milhões no meio do ano. Acredito que termine o ano na casa dos 800 milhões fora o estádio. Tá bem ruim e não é tão simples assim como você fala, ao contrário. Precisa de um choque de gestão urgente.

Guilherme #1742 @guilherme.ginjo em 19/12/2019 às 17:07

" "

Vocês são corintianos há quanto tempo? Porque o nosso primeiro brasileiro foi em 1990, nosso segundo apenas 8 anos depois. Vocês sofriam tanto nessas épocas? Vale dizer que a torcida do Corinthians só cresceu, todo esse tempo e a invasão corinthiana no Maracanã foi durante uma seca de 20 anos...

Ter períodos sem títulos é, em um país como o Brasil, evidentemente natural. Sobre a administração, claro que poderia ser melhor, mas não é a tragédia alegada, o déficit é administrável, evidentemente com melhoras na gestão (e com melhores desempenhos em campo) pode reduzir bem e há um investimento em patrimônio/infraestrutura que é algo notável, ao mesmo tempo que gera dificuldades nesse momento, mas o legado é inquestionável. São, pelo menos 80 mi a menos de receita por ano (60mi de um ano ruim de bilheteria + 20mi de outras atividades no estádio)

O endividamento do Corinthians, não está longe do endividamento do Palmeiras, por exemplo, ambos na faixa dos 450mi; Flamengo vem logo atrás com 370mi em dívidas. Em 2019, Corinthians e Palmeiras já anunciaram deficits, o Flamengo, mesmo com todos os resultados e arrecadação recorde, apesar de apresentar superávit vai aumentar o seu endividamento. Mais, entre 2017 e 18, vários clubes pediram adiantamento do pay per view e receberam muito menos da cota de 2019. Os clubes que ganharam mais em 2019, foram justamente os que não precisaram do adiantamento (aceitando reduzir o contrato): Corinthians, Flamengo, Grêmio e Palmeiras, só

Enfim, opinar muito além disso é ir na opinião dos jornalistas esportivos, que muda fácil fácil, eu perco a conta de quantos times já foram 'exemplos de administração que dominariam o futebol brasileiro' não acertaram até hoje

Guilherme Ginjo #1.742 @guilherme.ginjo em 19/12/2019 às 17:07

Vocês são corintianos há quanto tempo? Porque o nosso primeiro brasileiro foi em 1990, nosso segundo apenas 8 anos depois. Vocês sofriam tanto nessas épocas? Vale dizer que a torcida do Corinthians só cresceu, todo esse tempo e a invasão corinthiana no Maracanã foi durante uma seca de 20 anos...

Ter períodos sem títulos é, em um país como o Brasil, evidentemente natural. Sobre a administração, claro que poderia ser melhor, mas não é a tragédia alegada, o déficit é administrável, evidentemente com melhoras na gestão (e com melhores desempenhos em campo) pode reduzir bem e há um investimento em patrimônio/infraestrutura que é algo notável, ao mesmo tempo que gera dificuldades nesse momento, mas o legado é inquestionável. São, pelo menos 80 mi a menos de receita por ano (60mi de um ano ruim de bilheteria + 20mi de outras atividades no estádio)

O endividamento do Corinthians, não está longe do endividamento do Palmeiras, por exemplo, ambos na faixa dos 450mi; Flamengo vem logo atrás com 370mi em dívidas. Em 2019, Corinthians e Palmeiras já anunciaram deficits, o Flamengo, mesmo com todos os resultados e arrecadação recorde, apesar de apresentar superávit vai aumentar o seu endividamento. Mais, entre 2017 e 18, vários clubes pediram adiantamento do pay per view e receberam muito menos da cota de 2019. Os clubes que ganharam mais em 2019, foram justamente os que não precisaram do adiantamento (aceitando reduzir o contrato): Corinthians, Flamengo, Grêmio e Palmeiras, só

Enfim, opinar muito além disso é ir na opinião dos jornalistas esportivos, que muda fácil fácil, eu perco a conta de quantos times já foram 'exemplos de administração que dominariam o futebol brasileiro' não acertaram até hoje

Rafael #222 @rafael.amorim4 em 19/12/2019 às 16:46

" " O problema não é só o momento atual, mas sim o nosso futuro a curto e médio prazo. Estamos num caminho terrível: dívidas explodindo, déficits na casa da centena dos milhões, times cada vez mais fracos, enfim... E a torcida totalmente passiva e arrotando arrogância, achando que ainda somos os dominadores. Essa é a grande preocupação. Se as coisas não mudarem AGORA, os próximos anos serão bem complicados. A coisa está degringolando ano após ano.

Itamar Fulano #33 @sr.fulano em 19/12/2019 às 16:55

Sim!

Pois o problema é na raiz.

Nem vou entra no merito de roubou iu não ou corrupção, isso não posso provar.

Mas falo de conceito de gestão.

A forma e filosofia desse grupo administrar é danosa.

Andrés tem uma visão pequena de quantidade e não qualidade.

E isso a médio e longo prazo vai tirando a qualificação da equipe e aos poucos o time se torna intermediário.

E assim vai perdendo espaço.

É um péssimo gestor.

Rafael #222 @rafael.amorim4 em 19/12/2019 às 16:42

" " Exato. Mas o pessoal aqui já tá feliz com contratações, acham que esse é o problema. Enfim, nada vai mudar. Só teremos mudanças quando uma tragedia acontecer ou essa mudança vier de uma interferência externa. Absolutamente nada mudará.

Guilherme Amadori #1.600 @amadori em 19/12/2019 às 16:48

Ué, o Corinthians tá indo pra um caminhi natural. Sem surpresas.

Andre Gois #8.310 @de.degois em 19/12/2019 às 16:46

Isso aqui já é reflexo..

https://globoesporte.globo.com/blogs/blog-do-rodrigo-capelo/post/2019/12/18/novo-modelo-de-distribuicao-aproxima-cotas-de-tv-aberta-e-fechada-no-futebol-brasileiro-em-2019-pay-per-view-desequilibra.ghtml Novo modelo de distribuição aproxima cotas de TV aberta e fechada no futebol brasileiro em 2019. Novo modelo de distribuição aproxima cotas de TV aberta e fechada no futebol brasileiro em 2019. Blog simulou os valores recebidos por todos os clubes da primeira divisão do Grupo Globo e da Turner. Resultado aponta para início de transição, porém ainda... globoesporte.globo.comgloboesporte.globo.com

Rafael Amorim #222 @rafael.amorim4 em 19/12/2019 às 16:46

O problema não é só o momento atual, mas sim o nosso futuro a curto e médio prazo. Estamos num caminho terrível: dívidas explodindo, déficits na casa da centena dos milhões, times cada vez mais fracos, enfim... E a torcida totalmente passiva e arrotando arrogância, achando que ainda somos os dominadores. Essa é a grande preocupação. Se as coisas não mudarem AGORA, os próximos anos serão bem complicados. A coisa está degringolando ano após ano.

Guilherme #1742 @guilherme.ginjo em 19/12/2019 às 16:39

" "

Desde quando? Caros vocês estão avaliando um momento sem a mínima perspectiva histórica, o Flamengo nos últimos 10 anos, 2019 é muito mais coadjuvante que o Corinthians, vamos lá:

Campeonato Brasileiro / Copa BR:
2009 - Flamengo / Corinthians
2010 - Fluminense/ Santos
2011 - Corinthians / Vasco
2012 - Fluminense / Palmeiras
2013 - Cruzeiro / Flamengo
2014 - Cruzeiro / Atlético MG
2015 - Corinthians / Palmeiras
2016 - Palmeiras / Grêmio
2017 - Corinthians / Cruzeiro
2018 - Palmeiras / Cruzeiro
2019 - Flamengo / Atlético PR

Últimos 10 anos do Corinthians: 3 brasileiros, 1 Copa BR + Libertadores, Mundial + Recopa, estádio, CT, CT base + Ronaldo (já que o tópico é sobre mídia)

Flamengo: 2 brasileiros (sendo os duas pontas do recorte de tempo) + 1 Copa BR + Libertadores, CT base ainda a ser inaugurado após uma tragédia (que devemos apenas lamentar)

A linha do tempo não mostra apequenamento nenhum do Corinthians. Pelo contrário, é o time mais constante, com títulos em 09,11,12,15,17, sem contar Paulista. Flamengo ganhou 09,13 e 19 (uma copa BR no intervalo de 10 ANOS). São fatos. Se vai mudar nos próximos 10, bom aí tem uma boa dose de futurologia, no começo dos anos, em meados de 2006 diziam que o Corinthians ia acabar, o futebol do RJ ia virar amador e o São Paulo seria o melhor time do mundo, nada disso aconteceu. Toda administração é digna de críticas, isso não exclui o grupo do Andrés, mas a chiadeira, simplesmente, não se justifica nos dados. Um abraço

Rafael Amorim #222 @rafael.amorim4 em 19/12/2019 às 16:42

Exato. Mas o pessoal aqui já tá feliz com contratações, acham que esse é o problema. Enfim, nada vai mudar. Só teremos mudanças quando uma tragedia acontecer ou essa mudança vier de uma interferência externa. Absolutamente nada mudará.

Itamar #33 @sr.fulano em 19/12/2019 às 16:26

" "

Sim amigo! Sei disso, mas é nesse sentido mesmo que falo.



FOI ASSIM COM O São Paulo E POUCOS PERCEBEM!



Hoje vejo muitos falando que só faz 2 anoa sem títulos, normal.



Mas o pior é que nem brigamos e concorremos.



Com o São Paulo foi assim.



1 ano sem títulos e brigar, tudo bem.



2 anos sem títulos e brigar, normal.



Aí vem 3 anos.



4 anos.



5 anos.



6 anos.



7 anos.



Até 10 anos.



Hoje são coadjuvantes.



ESSA MENTALIDADE ESTA INDO PARA O CORINTHIANS.



Não fanhar títulos as vezes é normal, nem brigar que é o problema.



Antonio G Matos #1.730 @giba.timao em 19/12/2019 às 16:41

Projeção de mídia do parmera é a Crefisa que paga por meio de comerciais vinculados nos canais.

Itamar Fulano #33 @sr.fulano em 19/12/2019 às 16:41

Você falou bem amigo!



Com essa política se torna coadjuvantes mesmo.



Não falo de ganhar títulos todo ano, mas sim não deixar de brigar.



O São Paulo começou assim.



1 ano não brigou, normal.



2 anos não brigou, tudo bem.



Depois 3,4, 5,6, 7... 11 anos. Hoje são coadjuvantes.



Não podemos achar isso algo normal.



Se não mudar esse conceito corre o risco de virar coadjuvante.

Amadeu #182 @colombo em 19/12/2019 às 16:29

" "

Boa! Mas também querem o que? Contratamos um Técnico, que é uma incógnita! Só vai assumir dia 06 de Janeiro de 2020! Deu uma lista de 17 ou mais jogadores e se mandou! Se não tivermos dinheiro para contratar, nem sei se vai assumir dia 06 de janeiro! Presidência e Diretoria, são um fracasso em contratações! As vezes nem acredito que conseguiram contratar o Luan! Faltam 16 dias para o dia 06 de Janeiro, e nem sinal de mais alguma contratação! Só especulações e monitoramento de jogadores, nada DE CONCRETO! Tá osso aguentar tanta lambança! Vai Corinthians...