Fórum do Corinthians

Admito: Sou burro! Mas pelo menos não apoio a contratação do Davó

Tópico Épico Entenda as regras
Foto do perfil de Carlos

Ranking: 11.072º

Carlos 85 posts

Publicado no Fórum do Meu Timão em 06/01/2020 às 00:25
Por Carlos Almeida (@carlostimaoofc)

Burrice tem limite amigos...

Olha os números desse cidadão. Nada contra a pessoa, mas tudo contra a negociação.

Não é jogador para o Corinthians! Está claramente sendo contratado por esquema.

'Vamos apoiar' apoiar é o caramba! É óbvio que ele não vai jogar, assim como vários e vários...

535 visualizações e 23 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhores respostas

Foto do perfil de Claudio Ferreira Santos

Ranking: 32º

Claudio 21900 posts

@claudiofsantos em 06/01/2020 às 00:49

Esquemas, negociatas, taxinhas e comissões...Maldita diretoria corrupta!

Foto do perfil de Sérgio Libanori

Ranking: 234º

Sérgio 6892 posts

@sergio.libanori em 06/01/2020 às 01:11

Você não é burro... Burro é quem apóia essa contratação absurda...

Últimas respostas

Foto do perfil de Rafael Oliveira

Ranking: 185º

Rafael 8053 posts

@rafilskisccp em 06/01/2020 às 13:41

Eu até dou risada desses caras que falaam ' vamos criticar menos, vamos apoiar mais ', sei que tem doença mental!

Publicidade

Foto do perfil de Vagner Silva

Ranking: 26º

Vagner 26644 posts

@vagner.silva13 em 06/01/2020 às 13:31

Tem quem diga que é uma aposta kkkkk

Foto do perfil de Bermandes Farias

Ranking: 6.868º

Bermandes 220 posts

@bermandes.farias em 06/01/2020 às 13:00

Burro é quem defende corrupto!

Foto do perfil de Peterson Martins

Ranking: 406º

Peterson 4790 posts

@peterson.martins3 em 06/01/2020 às 12:56

3 anos atrás você apoiaria a contratação de Michael do Goianésia?

Matheus D'avó é 3 anos mais jovem

2,5 milhões de reais

Você garante que não vai dar certo também?

__

Se Corinthians paga metade do que ofereceu ao Goiás na época ao Goianésia pelo Michael

11 milhões de reais

Você estaria chorando e criticando modinha

Foto do perfil de Rafael Amorim

Ranking: 182º

Rafael 8094 posts

@rafael.amorim4 em 06/01/2020 às 10:56

Não vai nem entrar em campo, tal qual Luidy, Bruno Paulo etc.

Foto do perfil de Catchato

Ranking: 1.428º

Catchato 1690 posts

@disiplina em 06/01/2020 às 09:58

Entendi, não é nada contra ele, mas ele e todo mundo sabe que se não fosse esquemas, AGORA ele não jogaria no Timão, SE caso ele melhorase, aí sim laaaaa pra frente TALVEZ poderia ser CITADO, mais além do nível dele, o Corinthians precisa de jogadores bons nesse momento, não precisa ser inteligente para saber disso, dizer que esse negócio vai dar certo é no MÍNIMO burrice..

Foto do perfil de Jose Roberto De Camargo

Ranking: 1.285º

Jose 1833 posts

@jose.roberto.de.cama em 06/01/2020 às 09:51

Com certeza, isso é coisa de empresário.

Só pode ser.

#davonaodavonao.

Acorda Corinthians!

Vai Corinthians!

Foto do perfil de Lucas Fontenele

Ranking: 13.939º

Lucas 50 posts

@lucas.fontenele em 06/01/2020 às 09:43

Apoiar, ou não, a negociação não te torna mais, ou menos, inteligente.

Foto do perfil de Francisco Fcprlh

Ranking: 1.558º

Francisco 1561 posts

@franciscoparrilha em 06/01/2020 às 09:24

O que me impressiona é a cara de pau dessa diretoria.

Todo mundo está vendo que isso é uma negociata para extorquir o clube.

Eles nem se importam com a chiadeira da torcida fazendo acusações de esquema com empresários.

Parece que perderam a vergonha de vez.

Foto do perfil de Willian Vieira

Ranking: 836º

Willian 2649 posts

@willian.vieira4 em 06/01/2020 às 06:48

Exatamente. Apoiar um jogador desses é concordar com a diretoria que a nossa base não serve pra nada. Todo mundo sabe que esse Davó não vale isso. E que no máximo ele vai jogar alguns minutos da Florida Cup e depois ser emprestado.

Tá mais ainda na cara que é esquema, porque em agosto ele já foi comprado pela Elenko e agora a Elenko está cobrando 3x mais do que pagou, e o Corinthians nem questiona isso.

Essa foi a cereja do bolo de Andrés em sua parceria com os empresarios lá dentro pra sua chapa se perpetuar no poder.