A Diferença que faz um Grande Treinador

Fórum do Corinthians
Tópico Épico Entenda as regras

Perdigordo @perdigordo em 20/01/2020 às 15:49

Jürgen Klopp chegou ao Liverpool no fim de 2015, substituindo o questionado Brendan Rodgers. Teve 1 temporada e meia para organizar o time e começar a apresentar resultados. Ganhou seu primeiro título com o clube apenas em 2019.

Sem o mesmo poder financeiro dos outro gigantes, trouxe Salah (à época apenas um jogador regular na Roma), Mané (um tiro no escuro vindo de um pequeno inglês) e apostou na base, que hoje dá ao time dois dos melhores laterais do mundo. Firmino, ainda desconhecido, havia chegado meses antes. Encerrou seu planejamento com a contratação de Van Dijk, muito questionado por conta dos valores envolvidos na negociação, mas indiscutivelmente o melhor zagueiro em atividade no planeta.

Atualmente está a incríveis 1.000 dias sem perder um jogo em casa, têm 39 partidas de invencibilidade na fortíssima Premier League e na atual temporada venceu em 21 das 22 rodadas disputadas.

Pep Guardiola chegou ao multimilionário City menos de seis meses depois, em Fevereiro de 2016. Teve muito dinheiro pra investir e montar o elenco que sonhou. Atual bi-campeão inglês, mas nunca passou das quartas de final na Champions League.

Transformou o péssimo finalizador Sterling em artilheiro. Bernardo Silva e De Bruyne viraram referência em suas posições. Há quase um ano joga grande parte de suas partidas sem nenhum zagueiro de origem.

O Manchester United já está no seu quarto técnico desde a aposentadoria de Sir Alex Ferguson em 2013. Gastou muito dinheiro, queimou diversos bons jogadores (Lukaku, Ibrahimovic, Pogba, Alexis Sanchez) e ganhou apenas uma Copa da Inglaterra e uma Copa da Liga desde então.

Moral da História: obviamente estamos falando de 2 gênios. Mas trabalho precisa de tempo, de paciência e de suporte, tanto da torcida quando do próprio clube. Ser treinador hoje em dia é muito mais cuidar apenas 'do campo'. É preciso ser um excelente gestor de pessoas.

Tiago Nunes começa muito bem quando pede para trabalhar com um grupo mais enxuto de atletas. Quando joga limpo e aponta aqueles que tem condições ou não de contribuir com o sua ideia de jogo. Quando mostra humildade e conhecimento em suas entrevistas e, principalmente, quando parece sentir prazer com o que faz e com onde está.

Temos um bom elenco e promissores atletas sub-utilizados anteriormente ou prontos para aparecer no profissional. Agora é aguardar e torcer. O futebol mostra que com TRABALHO e com as pessoas certas não é impossível brigar de igual pra igual com os endinheirados.

Por fim, deixo uma reflexão: 'Bons jogadores em times organizados se tornam craques. Craques em times ruins passam e não deixam saudades.'

1.285 visualizações e 16 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhores respostas

Leo Sccp #1.052 @leo.sccp2 em 20/01/2020 às 16:28

Está coberto de razão, e só uma correção sem querer ser chato, o Manchester United também ganhou uma Europa league recentemente, no entanto parece não ter mudado a má fase do time

Lucas Cruz #5.248 @lucas.cruz3 em 20/01/2020 às 17:16

Liverpool é um dos times mais ricos do mundo, Firmino já estava lá quando Kloop chegou, único da base no time titular é o Arnold (melhor lateral direito do mundo), Robertson foi rebaixado com Swansea se não me engano em 2017, o Kloop não tem política de gastar com jogadores consagrados, mas sim jogadores que tem margem de evolução, foi assim no Borussia.

Últimas respostas

Aelson Oliveira Santos #5.285 @aelson em 20/01/2020 às 21:56

Texto perfeito.

Concordo 100%.

Publicidade

Carlos Almeida @carlosalmeida em 20/01/2020 às 20:19

Ótimo texto, mas a diferença mesmo é todos os times citados conseguem mandar o mesmo elenco por mais de uma temporada

Perdigordo ! @perdigordo em 20/01/2020 às 18:55

Tem razão sobre Robertson, veio do Hull City, já com 23 anos. Mas é o que digo no fim do texto, bons jogadores em times bem treinados se tornam craques... Não precisa pagar fortunas pra trazer atletas já prontos e disputados pelo mercado. Cantillo pode ser um bom exemplo disso.

Lucas #5248 @lucas.cruz3 em 20/01/2020 às 17:16

" "

Liverpool é um dos times mais ricos do mundo, Firmino já estava lá quando Kloop chegou, único da base no time titular é o Arnold (melhor lateral direito do mundo), Robertson foi rebaixado com Swansea se não me engano em 2017, o Kloop não tem política de gastar com jogadores consagrados, mas sim jogadores que tem margem de evolução, foi assim no Borussia.

Perdigordo ! @perdigordo em 20/01/2020 às 18:48

Verdade, tinha esquecido desse título. A fase é tão ruim que acredito que Solskjaer nem termina a temporada por lá. E jogador mais nenhum tem o mesmo desejo em ir pra lá.

Leo #1052 @leo.sccp2 em 20/01/2020 às 16:28

" "

Está coberto de razão, e só uma correção sem querer ser chato, o Manchester United também ganhou uma Europa league recentemente, no entanto parece não ter mudado a má fase do time

Perdigordo ! @perdigordo em 20/01/2020 às 18:42

Entendo. Talvez o que ele esteja fazendo atualmente no Liverpool influencie qualquer avaliação de passagens anteriores mesmo. Mas foi um 'regular' mais no sentido de não ser um destaque na Europa e não de não ser um bom jogador.

Gunter #257 @pracimadelas em 20/01/2020 às 18:18

" "

Só não concordo com o Salah da Roma ser regular. Ele fez uma temporada excepcional lá. No Chelsea eu concordo, foi meia boca, mas na Roma ele superou qualquer expectativa.

Roger Silva #81 @roger.vinicius.silva em 20/01/2020 às 18:19

Fixem esse tópico

Gunter Silvio Vieira Gomes #257 @pracimadelas em 20/01/2020 às 18:18

Só não concordo com o Salah da Roma ser regular. Ele fez uma temporada excepcional lá. No Chelsea eu concordo, foi meia boca, mas na Roma ele superou qualquer expectativa.

Andre Luiz Marinho Thiesen #805 @andre77 em 20/01/2020 às 18:13

Falou tudo irmão... O engraçado é que tem muitos ainda falando que tal time nem precisava de técnico que de qualquer forma seria campeão... Hoje, esta mais do que provado que o maior diferencial do time esta ali orientando e treinando o time...

Nilton Gonçalves #5.358 @nilgoncalves em 20/01/2020 às 18:01

Assino embaixo, análise perfeita.

Lucas Cruz #5.248 @lucas.cruz3 em 20/01/2020 às 17:16

Liverpool é um dos times mais ricos do mundo, Firmino já estava lá quando Kloop chegou, único da base no time titular é o Arnold (melhor lateral direito do mundo), Robertson foi rebaixado com Swansea se não me engano em 2017, o Kloop não tem política de gastar com jogadores consagrados, mas sim jogadores que tem margem de evolução, foi assim no Borussia.

1 a 10 de 15 respostas