Naming Rights ou Cota de participação? Meu pensamento

Fórum do Corinthians
Tópico popular Entenda as regras

Renato #838 @rrp2003 em 15/04/2014 às 08:13

Galera, tudo bem? Estamos a passos ou minutos de termos a Nossa Arena pronta, tão sonhada Arena moderna e que comporte a capacidade do interesse do nosso torcedor, foram anos e anos de sofrimento, de zoação, de sonhos, de maquetes e eis que surge ela, linda e imponente, talvez com um designer que desagrada a muitos, confesso que no começo achava feia, mas ela é tão moderna, tão inovadora que até no começo dá essa sensação mesma, o belo aos olhos dos feios, feio lhe parece, concordam?

Pois bem, estamos, é o que parece, sofrendo para vender o nome do estádio, mas lembro que há alguns anos atrás, um Corinthiano que vive nos USA queria lançar um projeto de auto-financiamento da construção de um estádio. A ideia era dividir o estádio em cotas como se fossem ações, cada torcedor compararia X Cotas e teria direito a ser 'Dono do Estádio' pelo período de 20 anos. Nesse período o Corinthians ficaria com todos os recursos e renda geradas pelo estádio e ao final do período devolveria o valor da Cota + Juros e correções do período. Apesar da ideia ser simples, o torcedor não tinha a 'credibilidade', não que ele era bandido, longe disso, é que não tinha a chancela do Corinthians, como um documento da diretoria etc. E acabou não prosperando.

Agora é que eu gostaria de saber de vocês, HOJE, com o estádio CONSTRUÍDO, se o Corinthians lançasse 400 mil títulos de propriedade a R$ 1 mil, ou 200 mil títulos a R$ 2 mil, com validade de 20 anos e no final do período o Corinthians devolvesse para o seu torcedor R$ 2 mil + o INCC do período, PERGUNTO, você compraria o título para se tornar sócio proprietário do estádio nesse período? E ainda o Corinthians poderia explorar comercialmente o estádio inclusive com a venda do nome. O que acham? Utopia? Difícil implementar?

2.105 visualizações e 54 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhor resposta

Adilson Amaral #1.289 @adilsonamaral em 15/04/2014 às 12:33

Excelente ideia... Se fosse tudo documentado, assinado, eu compraria o título de 1 mil e o Timão não precisaria me devolver.. Faria por amor..

Últimas respostas

Renato Rodrigues Pinheiro #838 @rrp2003 em 16/04/2014 às 09:44

Jean, essa seria apenas uma alternativa para arrecadar o dinheiro para pagar todos os empréstimos, calar a boca de quem fala que o estádio não é nosso e a diretoria ganharia tempo para, COM CALMA, negociar o nome do estádio, camarotes, lojas, estacionamento etc.. E, na medida que conseguisse esses negócios + a arrecadação que, como diz o Andrés, será uma mina de ouro, iria recomprando os títulos dos torcedores, não necessariamente precisaria esperar 20 anos, coloquei esse prazo por conta do Naming Right!

Jean #3746 @jean.pierry1 em 15/04/2014 às 19:44

" "

Calma gente deixa Naming Rights mesmo nossa arena foi planejada a parte o povão agente lota os camarotes todo corinthaino é igual independentemente da classe social vai encher também o estádio se paga sozinho...

O Andrês e o Rosemberg são pessoas inteligentes vamos esperar...

Só de saber que a arrecadação será nossa montando bom time agente enche todo jogo porque nenhum corinthiano aguenta ficar muito tempo longe

Publicidade

Robson Lourenço Dos Santos #3.446 @robson.loureno em 16/04/2014 às 09:33

Compraria e não queria receber de volta

Tiago Costa #849 @tiago.costa1 em 16/04/2014 às 00:56

Eu também compraria uma cota dessas. Com certeza!

Renato Rodrigues Da Cunha Neto #1.050 @natoneto em 15/04/2014 às 23:20

Eu compraria

Silas Gomes #4.859 @silasgomes em 15/04/2014 às 21:19

É um assunto pra se analisar!

Jean Pierry #3.746 @jean.pierry1 em 15/04/2014 às 19:44

Calma gente deixa Naming Rights mesmo nossa arena foi planejada a parte o povão agente lota os camarotes todo corinthaino é igual independentemente da classe social vai encher também o estádio se paga sozinho...

O Andrês e o Rosemberg são pessoas inteligentes vamos esperar...

Só de saber que a arrecadação será nossa montando bom time agente enche todo jogo porque nenhum corinthiano aguenta ficar muito tempo longe

Mooloko Mauricio #468 @mooloko em 15/04/2014 às 15:19

Também to nessa. Abraço.

Adilson #1289 @adilsonamaral em 15/04/2014 às 12:33

" "

Excelente ideia... Se fosse tudo documentado, assinado, eu compraria o título de 1 mil e o Timão não precisaria me devolver.. Faria por amor..

Renato Rodrigues Pinheiro #838 @rrp2003 em 15/04/2014 às 14:17

Grande Alexandre, é de Corinthiano com esse senso crítico que queremos na nossa torcida! Forte abraço! VAI CORINTHIANSSSSSSSSSS!

Alexandre #1275 @smart029 em 15/04/2014 às 14:09

" "

Pois é Renato, comentando este caso do Eike, gostaria de saber onde estão aqueles editores de revistas 'especializadas'que tanto elogiaram sua conduta. No caso da Arena Corinthians, as coisas estão claras devido a grande 'fiscalização'púbica que ocorrer sobre o clube. Os números estão abertos, e há uma verdadeira 'chuva 'de criticas. As regras são claras, se o Corinthians não pagar. Perde o estádio para o fundo. Gostaria de desafiar qualquer um no Brasil, se há alguma obra com este mesmo esquema. Infelizmente, nos dias atuais, a imprensa diplomada e a não diplomada, não apresenta os fatos como deveriam ser apresentados. As obras e todos os números são públicos. Interessante, é que nunca observei a indignação da imprensa, quando o BNDES emprestou dinheiro ao setor privado para as privatizações e concessões de ferrovias. Quando a Nova Dutra assumiu a via Dutra, foi beneficiada comum empréstimo de 80% do capital investido. Fora outros grandes empréstimos ao esquema de 'privatização a brasileira ' os quais não observei qualquer jornalista protestar. O BNDES empresta dinheiro para empresas que praticamente não geram qualquer emprego. Não vamos esquecer que atualmente há um alto índice de automação. Também não observo qualquer critica quanto a este fato. Me desculpe alongar com estas questões, mas nem todos torcedores são tão ignorantes quanto a imprensa imagina. Está na hora de demonstrar que temos conhecimento suficiente para não engolir criticas sem base.

Retornando a sua ideia, acredito que é válida e que poderiamos seguir este caminho.

Abraço

Ígor Pietro #2.524 @igorpietro em 15/04/2014 às 14:09

Perfeito!

Alexandre Siqueira #1.275 @smart029 em 15/04/2014 às 14:09

Pois é Renato, comentando este caso do Eike, gostaria de saber onde estão aqueles editores de revistas 'especializadas'que tanto elogiaram sua conduta. No caso da Arena Corinthians, as coisas estão claras devido a grande 'fiscalização'púbica que ocorrer sobre o clube. Os números estão abertos, e há uma verdadeira 'chuva 'de criticas. As regras são claras, se o Corinthians não pagar. Perde o estádio para o fundo. Gostaria de desafiar qualquer um no Brasil, se há alguma obra com este mesmo esquema. Infelizmente, nos dias atuais, a imprensa diplomada e a não diplomada, não apresenta os fatos como deveriam ser apresentados. As obras e todos os números são públicos. Interessante, é que nunca observei a indignação da imprensa, quando o BNDES emprestou dinheiro ao setor privado para as privatizações e concessões de ferrovias. Quando a Nova Dutra assumiu a via Dutra, foi beneficiada comum empréstimo de 80% do capital investido. Fora outros grandes empréstimos ao esquema de 'privatização a brasileira ' os quais não observei qualquer jornalista protestar. O BNDES empresta dinheiro para empresas que praticamente não geram qualquer emprego. Não vamos esquecer que atualmente há um alto índice de automação. Também não observo qualquer critica quanto a este fato. Me desculpe alongar com estas questões, mas nem todos torcedores são tão ignorantes quanto a imprensa imagina. Está na hora de demonstrar que temos conhecimento suficiente para não engolir criticas sem base.

Retornando a sua ideia, acredito que é válida e que poderiamos seguir este caminho.

Abraço

renato #838 @rrp2003 em 15/04/2014 às 10:00

" "

Valeu Alexandre, não sei se você acompanhou a derroca do Eike Batista! Mas aconteceu com os investidores algo que nos investidores da Arena Corinthians não aconteceria, o Eike vendeu ilusões (faturamento, produção, logística, etc.) o nosso 'produto' é REAL, existe, é a ARENA construída. O Andrés grita para todos ouvirem que ela é uma Mina de Ouro, que em 7 anos vai pagar os empréstimos, poxa, sendo isso baseado em números qual seria o risco para o Torcedor? ZERO. Além do mais, no final dos 20 anos se acontecesse uma ZEBRA e o Corinthians não conseguisse recomprar as cotas, nós, sócios proprietários, poderíamos explorar a Arena Comercialmente e o Corinthians seria um inquilino no nosso estádio, mas isso se acontecesse um DESASTRE e o Corinthians em 20 anos não conseguisse nos pagar!