A conta não fecha e agora, puta irresponsabilidade

Fórum do Corinthians
Tópico Épico Entenda as regras

Rodrigo #2.105 @rodrigoaraujoc em 08/03/2016 às 11:09

No final de 2014, até meio de 2015 eu falei que a situação do estádio era preocupante, agora com os números apresentados, isso não se confirmou e sim é muito pior do que eu imaginava, o estádio precisa de 130 milhões líquidos para se pagar, o ano passado com todo investimento em divulgação de camarotes e cativas, disputando Libertadores, foi arrecadado líquido um pouco mais de 30 milhões, ou seja faltam 100 milhões.

Eu não sou contra nem a favor de diretor, jornalista, ou qualquer pessoa, e muito menos do estádio, só sou realista, quando escrevi nesse tempo atrás vinha sempre uns otimistas que criticavam com o que eu estava falando, eu falei então vamos esperar o fim de 2015 e ai agente volta a conversar.

E agora vem algumas informações muito importantes, e que é possível que não tenha dinheiro já em abril para pagar as parcelas, isso que nem está pagando os empréstimos ponte de 60 milões por ano.

O Andrés Sanchez fez muito pelo Corinthians, acho que ele tem seus méritos, sou grato e tenho até uma certa admiração, mas hoje já está provado que ele não pode decidir mais nada no Corinthians, ele não pode ter poder de decidir coisas tão importantes, pois ele tem atitudes irresponáveis, não sei se por ser apaixonado pelo Corinthians, ou pela ignorância mesmo, além disso ele mente a todo momento com informações e números falsos.

Ele como presidente nos tirou do fundo do poço em 2008, e junto com várias pessoas competentes em volta o Corinthians conquistou tudo na sequência, só que depois apareceu que ele deixou de arrecadar mais de 50 milhões de impostos e isso trouxe muitos problemas no último ano, o imbecil que ele elegeu Mario Gobbi, contrata o Pato outra irresponsabilidade, 40 milhões por 60 % e 800 mil por mês, porém tudo isso é pequeno perto do que está para acontecer.

Se realmente não tiver nenhuma sacanagem ai no meio com Odebrecht e espero que não tenha, teremos que pagar 130 milhões por ano ou seja faltam 100 milhões, sendo otimista que feche os naming rights, arredondando são 60 mi/ ano, faltariam ainda 70 mi, se aumentar a arrecadação com camarotes um pouco, e outros, faltaria ainda 60 mi, pode ser um pouco mais um pouco menos mas faltará 60 mi por ano para se pagar, isso sem contar o que deixa de arrecadar, ou seja é muito preocupante, isso porque foi feito um plano onde o estádio arrecadaria 400 milhões por ano, e que seria pago em 6 anos, segundo o Andrez, não existe crise que faça algo ser tão diferente do planejado, hoje eu posso dizer foi um negócio muito mal feito e que sinceramente espero que pelo menos tenham sido feitas por alguém que entende, não no boteco em um guardanapo, ou seja uma puta irresponsabilidade, que se não houver algum milagre nesse meio do caminho, nos afetará por muitos anos tecnicamente, com a opnião pública, com a nossa credibilidade.

Sinceramente não sei o que vai acontecer e qual seria uma saída, o certo é que, estádio para compensar tem que ser algo muito bem feito, com despesas baixas, arrecadação o mais alta possível, investimos em um puta prédio (que não arrecada quase nada), um puta acabamento, um puta teto, um puta gramado, e deixamos de investir em mais arquibancadas, afinal temos a maior torcida e isso era lucro garantido, e para piorar o estádio nem está impecável, falta um monte de coisas, nem iluminação no símbolo externo tem, o telão gigante não serve para nada, e outras coisas, é triste demais ver isso.

E o pior é ver um time do tamanho do atlético PR, o inter, o grêmio com estádio, sem naming rights e sem incentivos fiscais e conseguindo pagar, simplesmente porque fizeram um negócio viável.

Sei que quase ninguém vai ler por causa do tamanho do texto mas eu precisava escrever, para desabafar.

2.595 visualizações e 111 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhores respostas

Rafael Oliverio @rafaollie em 08/03/2016 às 16:35

Desculpa cara, entendo sua revolta, também me revolto com o preço final da Arena mas de onde você tirou que o valor é de R$130mi por ano?

As parcelas são de R$5mi por mês, ou seja, R$60mi por ano.

Resultado líquido de 2015: R$34mi + os R$20mi dos NR = R$54mi

Faltam R$6mi por ano, 10% da conta.

Ajustes nas despesas e nas receitas deverão ser feitas para fechar essa conta.

Mas concordo que a Arena ficou MUITO mais cara do que deveria.

Eduardo Mansano #1.866 @eduardomansano em 08/03/2016 às 17:52

De onde você arrumou os 130 milhões?

Cara como você viajou na maionese...

Que postagem tendenciosa...

Últimas respostas

Rodrigo Santos #1.299 @rodrigo.santos76 em 14/03/2016 às 01:21

Somente rumores que será 420, ninguém sabe a real.

Cesar #21 @caesar1977 em 08/03/2016 às 20:53

" "

Meu sabe nada.

Se a vê da dos NR ocorrer serão 420mi

Mais 400mi das Cids você já fecha a conta.

Hoje na apresentação você não tinha essa soma. Acorda.

Vira gremista então...

Trocaram a Arena grêmio pela antiga e aro que ficou mais barato.

Só o terreno deles valia a construção.

Portanto menos

Publicidade

Baltazar Oswaldo Silva #5 @baltazar.1954 em 09/03/2016 às 03:30

https://www.meutimao.com.br/forum-do-corinthians/bate-papo-da-torcida/253641/reuniao_do_conselho_deliberativo_0703_oficial

Gustavo Kayser #1.566 @kayser em 09/03/2016 às 00:50

Vi diversas notícias falando que a partir de 2016 as parcelas seriam de 10 milhões mensais, o que daria 120 milhões de reais por ano.

'Na primeira parcela, o Timão terá que desembolsar R$ 5 milhões de reais referente ao empréstimo do BNDES. E, à partir de 2016, serão R$ 10 milhões mensais para pagar com empréstimos realizados.' Fonte: http://fiel.vc/u4

'O Corinthians começou a pagar o financiamento em julho e já acumulou dinheiro suficiente para quitar as parcelas até outubro do ano que vem. A partir do mês seguinte, o valor sobe para R$ 10 milhões.' Fonte: http://fiel.vc/u5

'A partir do ano que vem, a conta vai aumentar. Serão mais R$ 5 milhões por mês – R$ 10 milhões no total –, porque o Corinthians vai começar a pagar também despesas referentes à Copa do Mundo e juros acumulados durante as obras.' Fonte: http://fiel.vc/u6

' Independentemente da quantia inaugural do parcelamento, a partir de julho o Corinthians terá de pagar pelo menos 5 milhões de reais por mês. No fim de 2016, as prestações subirão para 10 milhões.' Fonte: http://fiel.vc/MTM1OTQ=

Rafael @rafaollie em 08/03/2016 às 16:35

" "

Desculpa cara, entendo sua revolta, também me revolto com o preço final da Arena mas de onde você tirou que o valor é de R$130mi por ano?

As parcelas são de R$5mi por mês, ou seja, R$60mi por ano.

Resultado líquido de 2015: R$34mi + os R$20mi dos NR = R$54mi

Faltam R$6mi por ano, 10% da conta.

Ajustes nas despesas e nas receitas deverão ser feitas para fechar essa conta.

Mas concordo que a Arena ficou MUITO mais cara do que deveria.

Dinho Lal #2.166 @dinholal em 09/03/2016 às 00:36

Eu ia responder isso, mas iria demorar muito mas é isso que você falou brother, tá certo!

Rafael @rafaollie em 08/03/2016 às 16:35

" "

Desculpa cara, entendo sua revolta, também me revolto com o preço final da Arena mas de onde você tirou que o valor é de R$130mi por ano?

As parcelas são de R$5mi por mês, ou seja, R$60mi por ano.

Resultado líquido de 2015: R$34mi + os R$20mi dos NR = R$54mi

Faltam R$6mi por ano, 10% da conta.

Ajustes nas despesas e nas receitas deverão ser feitas para fechar essa conta.

Mas concordo que a Arena ficou MUITO mais cara do que deveria.

Cesar Magalhães #21 @caesar1977 em 08/03/2016 às 20:53

Meu sabe nada.

Se a vê da dos NR ocorrer serão 420mi

Mais 400mi das Cids você já fecha a conta.

Hoje na apresentação você não tinha essa soma. Acorda.

Vira gremista então...

Trocaram a Arena grêmio pela antiga e aro que ficou mais barato.

Só o terreno deles valia a construção.

Portanto menos

Edilson O Capeta #484 @zausccp em 08/03/2016 às 18:01

Cara você falou tudo.

E vou destacar um trecho: ' investimos em um puta prédio (que não arrecada quase nada), um puta acabamento, um puta teto, um puta gramado, e deixamos de investir em mais arquibancadas, afinal temos a maior torcida e isso era lucro garantido'

Além de pisarem e cuspirem na nossa história ao construirem um estádio menor que o do spfw, inter e Grêmio, ainda estão dando essse prejuízo historico para o clube.

Eduardo Mansano #1.866 @eduardomansano em 08/03/2016 às 17:52

De onde você arrumou os 130 milhões?

Cara como você viajou na maionese...

Que postagem tendenciosa...

Diego R. #2.237 @diegorocha em 08/03/2016 às 17:52

Ano passado de 93 milhões de lucro somente 27 milhões sobraram? Tem alguém enriquecendo com essa arena e não é o Corinthians!

Marco Aurélio #868 @marco.aurelio76 em 08/03/2016 às 17:52

Arena terá ‘nova marca’ como nome e acordo renderá 20 milhões ao ano
Posted on 7 de março de 2016 by bastidoressccp
56de02d9f3f02

O contrato de naming rights está acertado e resta apenas pequenos detalhes referente ao patrocínio master para ser assinado. Essa foi a informação que alguns conselheiros do clube receberam hoje, no Parque São Jorge, por parte do ex-presidente Andrés Sanchez, em conversas particulares após a reunião extraordinária convocada para mostrar os números do estádio e falar sobre os problemas que foram noticiados pela imprensa nos últimos dias, como a queda da parte do teto do setor Norte e possíveis infiltrações nas lanchonetes.

Como revelado anteriormente, a ideia era que o acordo fosse divulgado no primeiro dia de março, porém, o atraso em relação as negociações do nome que ocupará o espaço principal da camisa inviabilizou a data, decepcionando os torcedores, que aguardam o contrato há mais de dois anos. Segundo informações obtidas pelo BastidoresSCCP, Andrés garantiu que a proposta aceita pelo clube é de R$ 20 milhões por ano e tudo será assinado “nos próximos dias”. Outra confirmação é que o nome que estampará o estádio por 20 anos não é conhecido no mercado e nem do público, já que o comprador, um pool de empresas do setor financeiro, lançará em conjunto uma nova marca. A ideia é que a visibilidade da Arena e do Corinthians ajudem a abreviar o conhecimento da “nova empresa” junto ao grande público. As empresas envolvidas, porém, não foram adiantadas pelo ex-presidente, já que há uma cláusula impedindo qualquer vazamento de informações.



A proximidade do acerto é tanta que o alto comando do clube já conta com essa receita na projeção desse ano. Também está acertado que o contrato envolve a gestão do Fiel Torcedor, já que OMNI, que atualmente administra o programa de sócio-torcedor do Timão, foi vendida para as três empresas. A ideia das instituições financeiras que compõem o negócio é aproveitar a base vinculada ao Fiel Torcedor, que hoje tem mais de 130 mil pessoas fidelizadas, para oferecer serviços como microcrédito e capitalização. Além disso, cartão de crédito e outros produtos também estão em estudo para serem ofertados. A expectativa é alcançar pelo menos 4% de toda a torcida corintiana, chegando a quase 1,2 milhão de pessoas.

A OMNI, aliás, foi um dos alvos do protesto feito pela Gaviões da Fiel, principal organizada do clube, na entrada da reunião, que ocorreu justamente no o espaço chamado de Teatro OMNI. A empresa, que é responsável pelo Fiel Torcedor, tem direito 45% da arrecadação bruta do programa. Durante o protesto, os torcedores chegaram a cobrir com pedaços de pano o nome da empresa da placa em cima da sala de reunião. Com faixas, bateria e cerca de 60 integrantes, a torcida fez diversas cobranças. Entra os dizeres: Andrés Sanchez, cadê as contas do estádio?”, “setor Oeste é para cortesia, privilégios e milionários”, “Conselho Omisso, queremos dignidade” e “Quem vai pagar o Pato?”. Os torcedores também cobraram para os conselheiros pagarem ingressos e pela diminuição do preço. O presidente da Assembleia Legislativa, o deputado Fernando Capez (PSDB), voltou a ser alvo da Gaviões. Ele é conselheiro vitalício do clube e está sendo investigado no escândalo de fraude na compra de alimentos para merendas escolares. A organizada quer a exclusão dele do clube.

Outras cláusulas confirmada são: a interação que existirá entre as empresas e os torcedores, que serão responsáveis por dar o novo nome da Arena, por meio de uma votação popular. Todas as alternativas, obviamente, contarão com o nome da nova marca; e a troca dos nomes dos atuais setores da Arena por denominações dos produtos da instituição financeira.

http://www.bastidoressccp.com.br/2016/03/07/arena-tera-novo-nome-no-mercado-e-rendera-20-milhoes-ao-ano/

Eduardo Cano #184 @educano em 08/03/2016 às 17:46

Em pensar que com 500 milhões poderia ter feito um estádio sem a copa...isso que é lamentável...