Maycon & Arthur - Clubismo?

Fórum do Corinthians
Tópico Lendário Entenda as regras

Alessandro #673 @alessandro.anderson em 08/03/2018 às 22:23

Muito se especulava que o nosso volante, Maycon de apenas 20 anos, uma das nossas últimas revelações juntamente com Arana e Cia, fosse vendido para o Shakhtar Donetsk por uma valor considerado, digamos, 'mixaria'.

6 milhões de Euros, aproximadamente 24 milhões de reais.

Ele está avaliado no Transfermakrt (site especializado em valores de mercado) por 5 milhões de euros.

Claramente, que a proposta era um pouco abaixo do esperado pelo o que ele representou ao clube em 2017, campeão paulista e brasileiro. E muito abaixo da multa dele, 100 milhões de euros (Valor levantado em 2016).

Lógico que esse valor é só para 'assustar' times de fora, europeus principalmente. Vejo muita gente comparando ele com o Arthur, revelação do Grêmio no último ano. Ele está acertado com o Barcelona e a venda está 'sacramentada' segundo veículos da mídia (Ge, Uol, etc).

Grêmio vai receber 30 milhões de euros e mais 10 como bônus de bonificação/objetivos. No total: 40 milhões de euros/160 milhões de reais.

Arthur foi campeão da Libertadores ano passado e saiu lesionado na reta final. É um bom jogador com excelente potencial. Vários clubes da Europa disputavam (ou disputam ainda...) a contratação dele. Vejo uma diferença nos 2 jogadores, Arthur e Maycon.

(Antes de começar, queria falar que para o pessoal que está lendo, para deixar o clubismo de lado, pelo menos até o fim desse tópico, e para não xingar nos comentários, por favor deixe uma opinião/crítica CONSTRUTIVA, ou seja, não com xingamentos mais sim com sua opinião verdadeira mais com responsabilidade e RESPEITO)

Maycon, subiu da base mais não teve tantas oportunidades, assim foi emprestado para a Ponte Preta. Lá sim, teve bastantes oportunidades e voltou melhor para o Corinthians. Isso tudo foi em 2016. 2017 time em construção depois da decepcionante temporada de 2016; Ganhou uma chance com Carille e não saiu mais do time titular, só no final do ano que ficou no banco para dar o lugar para o Camacho, opção do Carille.

Ficou valorizado assim como quase o time INTEIRO do Corinthians, afinal foi campeão do Paulista e do Brasileirão (Nem preciso contar tudo, porque tudo mundo já sabe né).

Arthur, 21 anos (1 ano mais velho que Maycon). Subiu para o time profissional em 2015, época que o Felipão comandava (e que a gente foi hexa hehe). Subiu porque sempre foi muito bem tanto nas categorias de base (destaques em todas as categorias, foi pra seleção disputar o Sul Americano em 2013 e a Copa do Mundo da categoria) tanto na Copa São Paulo de Futebol Júnior, aonde foi muito bem aliás. Após dois anos no Profissional, em 2017 com Renato Gaúcho no comando da equipe gremista ganhou chance e foi titular absoluto no meio campo gremista. É muito elogiado pela sua visão de jogo e pelos passes precisos, assim foi despertando interesses de várias equipes do futebol europeu.

Resumo:

Maycon é um bom jogador, mais Arthur é melhor na minha opinião, e acredito que em muitos, até corintianos que saibam opinar sem clubismo concordam.

Arthur é um ótimo jogador, sem clubismo, 21 anos, avaliado em 14 milhões de euros, sempre foi destaque na seleção de base, nas copinhas, etc.

Maycon é um bom jogador também, mais não está no 'nível' do Arthur, precisa de um pouco mais de qualidade, a saída de bola por exemplo, muitos criticam, Arthur já está muito mais elevado nessa questão. Faz muito perigo, chega na frente (não tanto claro) e distribui passes precisos, não como um armador igual Jadson. Maycon ás vezes não sai da área de 'proteção', pode até ser uma dica do Carille para ele. Mas para ser um bom jogador mesmo, precisa evoluir em cada quesito para a posição, vejo Arthur muito mais preparado e com mais qualidade técnica.

Agora vocês perguntam: Porque está fazendo um tópico comparando dois jovens jogadores?

Resposta: Para lidar com uma questão que me deixa um pouco 'nervoso' digamos assim. E a questão do clubismo, muitas vezes a emoção deixa a gente um pouco clubista de mais (e não tem nenhum mal nisso, afinal, somos corintianos desde o berço). Mas muitas vezes vejo aqui no fórum vejo que a maioria compara Maycon, POR EXEMPLO, com um Iniesta. Acho isso muito, sei lá, muito fora da realidade. Iniesta é o melhor meio campista da história, pelo menos o que eu vi jogar. Nenhum jogador, meia por exemplo, conseguirá chegar ao nível dele, Maycon quanto Arthur podem ser ambos, excelentes jogadores, titulares em grandes clubes da Europa, Seleção, etc. Por isso criei esse tópico, para pelo menos, tentar ao menos parar com essa coisa de clubismo em relação há jogadores. Claro que temos que valorizar 1000% nossos jogadores afinal, são eles que jogam por NÓS, sim por nós, corintianos. Mas eu vejo muito clubismo em relação a jogadores de outros clubes para o exemplo. Um dia vi um tópico falando mal do Diego, jogador do Flamerda. Dizendo que ele é muito bancado pela mídia, babação e talz. Concordo em PARTES, tem muita babação mesmo, mais ele é bom, já foi da seleção, e da Europa. É um bom jogador, um dos melhores no Brasil atualmente (SEM CLUBISMO). Entenderam o que eu estou tentando explicar?

4.220 visualizações e 123 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhores respostas

Felipe De Moraes #141 @felipemoraes em 08/03/2018 às 22:36

Concordo que o Arthur é mais jogador que o Maycon.

Mas tem uma coisa que me incomoda também, é ridicularizar o Maycon porque o Arthur é melhor.

Me lembra muito a comparação Gabigol x Malcom, onde o garoto era ridicularizado ao extremo, e hoje o Malcom está sendo pretendido por grandes clubes, e o Gabigol, não conseguiu jogar nem em Portugal.

Tatiane Prado #578 @tatiane.prado1 em 08/03/2018 às 23:08

Acho que a dinâmica de infiltração, movimentação e até de finalização do Maycon é melhor, mas daí, o Arthur entra na questão de posse de bola, ele aqui no Brasil, me arrisco a dizer que era insuperável, porque o grêmio sem um camisa 10, nem sente falta, porque de fato ele, controla o ritmo da troca de passes do time, o jogador brasileiro que joga desta maneira (único) é o filho do Mazinho, thiago Alcântara, que joga pela Espanha, Quanto ao Iniesta o Zidane, o francês, foi o maior meio campista que vi jogar próximo desta função de armação entre volantes, /meias/atacantes... Mas o futebol mudou do Guardiola pra cá... Porque ele aproximou o Iniesta do xavi, não mas sendo meias e volantes, e passando chamar jogadores mais completos, como meio campista sem a distinção mais, ou a separação dos que marcam e dos que armam o jogo, tudo em um jogador só:

Vidal, xavi Alonso, kross, modric, pogba, rabiot, verrati, pirlo, Gerrard, lampard e por aí vai.

Últimas respostas

Marco Cordoba #1.696 @marco.cordoba em 13/03/2018 às 18:40

mss geral entendeu os nomes ounnao?

Philippe #149 @phil.dutra em 13/03/2018 às 17:29

" "

Tirando o Modric que não dá pra colocar o acento no C. Pelo celular dá, mas o site não reconhece, aí fica Modri?

Publicidade

Philippe Dutra #149 @phil.dutra em 13/03/2018 às 17:29

Tirando o Modric que não dá pra colocar o acento no C. Pelo celular dá, mas o site não reconhece, aí fica Modri?

Marco #1696 @marco.cordoba em 10/03/2018 às 10:41

" "

Legal que você entendeu todos mesmo com erro na escrita

Philippe Dutra #149 @phil.dutra em 13/03/2018 às 17:28

Já expliquei, o site não reconhece o C com acento, como é na Croácia. Sendo assim, aparece uma interrogação no lugar. Isso acontece em muitos sites. Tem muito teclados que nem dão a possibilidade de colocar acento agudo no C mudo. Vai vendo: Modri?, Modri?, Modri?

Sá #[email protected]% não reconhece... Viu?

Lúcio #8730 @lucio.dantas em 10/03/2018 às 10:54

" "

Bom é você corrigindo o certo para Modri?

Philippe Dutra #149 @phil.dutra em 13/03/2018 às 17:24

Não, é que o site não reconhece o C com acento agudo, como é na croácia. Aí aparece um interrogação no lugar. Quer ver? Vou digitar de novo.

?

Viu? Essa bosta. Kkk

Danny #49 @dannybina em 10/03/2018 às 10:58

" "

Acho que alguém quis corrigir e ainda assim não escreveu certo “modri”

Leandro Newsted #8.951 @leandro.newsted em 10/03/2018 às 23:44

Se o Maycon fosse vendido por 15/20 Mi de euros não seria um abismo, seria a metade. Rs'
O Arthur é mais jogador, mas não tanto assim, acho que nosso esquema limita bem o Maycon, mas enfim, cada um vê de uma forma né...

Lucas #1061 @lfiel em 10/03/2018 às 22:49

" " o abismo de valores deve existir mesmo porque o Artur é muito mais jogador, porém o Maycon deveria ser uns 15/20 milhões de euros

Lucas Fiel #1.061 @lfiel em 10/03/2018 às 22:49

o abismo de valores deve existir mesmo porque o Artur é muito mais jogador, porém o Maycon deveria ser uns 15/20 milhões de euros

Leandro #8951 @leandro.newsted em 10/03/2018 às 22:43

" " Eu já o vi jogar algumas vezes, realmente a bola gruda no pé e é aí que está a diferença entre os dois: a característica. O Maycon é um jogador que passa a bola e se projeta pra receber, como no lance do gol do Rodriguinho contra o Palmeiras se você reparar. Já o Arthur é mais organizador, é um 'volante' que dita o ritmo do time mesmo. Acho que os dois poderiam até jogar juntos. O que eu não concordo é com essa diferença de valores, não há um 'abismo' tão grande entre os dois.

Robson De França Ferreira #4.558 @robson.de.franca.fer em 10/03/2018 às 22:44

Concordo, mas o Artur é do Grêmio...não ganharemos nada com ele...portanto tudo isso é irrelevante.

Leandro Newsted #8.951 @leandro.newsted em 10/03/2018 às 22:43

Eu já o vi jogar algumas vezes, realmente a bola gruda no pé e é aí que está a diferença entre os dois: a característica. O Maycon é um jogador que passa a bola e se projeta pra receber, como no lance do gol do Rodriguinho contra o Palmeiras se você reparar. Já o Arthur é mais organizador, é um 'volante' que dita o ritmo do time mesmo. Acho que os dois poderiam até jogar juntos. O que eu não concordo é com essa diferença de valores, não há um 'abismo' tão grande entre os dois.

Lucas #1061 @lfiel em 10/03/2018 às 22:29

" "

Assiste um jogo do Grêmio que você vai se surpreender, eu tinha a mesma opinião que você, mas esse Artur é craque msm, ele por muitas vezes chega a armar o time, a bola parece que gruda no pé, se fosse para avaliar hoje, o Maycon seria um jogador para Villareal/Mônaco, e o Artur para a maioria dos grandes.

Lucas Fiel #1.061 @lfiel em 10/03/2018 às 22:32

Vinícius Jr, é o mesmo caso do Lulinha, os dois arrebentaram na base, o Corinthians na época tinha proposta de um time tipo Chelsea não lembro o nome, mas pelo nível apresentado na base preferiram não vender.

Douglas @dhenriqueneves em 10/03/2018 às 13:47

" "

Concordo. Mais acho que deveríamos saber vender melhor nossos jogadores.

Aquele Vinicius Jr, não tem nada de especial e nem melhor que o Malcom que vendemos por migalhas.

Lucas Fiel #1.061 @lfiel em 10/03/2018 às 22:30

Não sei que jogo vocês assistem do Maycon, eu assisto e assisto jogo dele, e ele só é comum, não erra feio, é correto porém não acrescenta tanto, já os que vi do Artur esse sim faz algo interessante, joga até de 1 volante e Participa de toda criação de jogada.

Gustavo #1674 @gustavo.henrique204 em 10/03/2018 às 14:48

" "

Arthur é melhor, mas se ele é jogador pra barcelona, o Maycon joga em um chelsea, liverpool fácil, se o novo reforço do barcelona vale 160 milhões, o Maycon vale no mínimo 80 milhões, no mínimo mesmo, 24 milhões quem deveria valer é o Camacho