Citadini para Presidente, base 100% Corinthians!

Fórum do Corinthians
Tópico Épico Entenda as regras

Tiago #9.354 @tiago.oyakawa em 16/12/2014 às 00:58

TEXTO DE ALBERTO HELENA JR.

Estava ouvindo o Roque Citadini, um dos tantos candidatos à presidência do Corinthians, na Jovem Pan do meu querido Wanderley Nogueira. E, como sempre, me diverti com suas tiradas inteligentes. Fazia falta o Citadini na cena do futebol paulista, tão empertigado e vazio, quando não, safado.

Não sei se daria bom presidente. Mas, pelo quadro que se apresenta em Itaquera (ou ainda será no histórico Parque São Jorge? ), não creio que seria pior do que os demais pretendentes ao trono alvinegro.

Um deles, por exemplo, empresário de sucesso, dono da Kalunga, confessou na mesma Jovem Pan outro dia que seu irmão tinha obtido os direitos do garoto Malcom, recém-promovido ao time titular, como ressarcimento de empréstimo feito por ele ao Corinthians. O mesmo cidadão que perambula pela Europa, Malcom e mais quatro outros meninos da base a tiracolo, em busca de um porto seguro para a rapaziada.

Esse tipo de promiscuidade, a meu ver, é absolutamente deletério para qualquer clube de futebol, embora seja cada vez mais frequente.

Ainda outro dia, o recém-eleito presidente do São Paulo, Carlos Miguel Aidar, por razões semelhantes, foi obrigado a expulsar de Cotia o seu antecessor Juvenal Juvêncio, sua própria cria e aliado da véspera, diga-se.

Sem tocar nesse assunto tão melindroso, Citadini, contudo, foi direto ao assunto: se eleito, a primeira medida que adotará será a de baixar uma regra rígida – só fica nas categorias de base o jogador cujos direitos pertençam 100 por cento ao clube.

Afinal, esse é o sentido de se investir fortunas em toda aquela parafernália dos centros de treinamentos de base: revelar jogadores para o clube, não para os eventuais investidores. Seja para aproveitá-los no time de cima, seja para negociá-los com outros clubes.

Nisso, estou 100 por cento com o Citadini.

2.180 visualizações e 94 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

João . #308 @joaovitalfn em 16/12/2014 às 13:37

Na verdade temos um grande olheiro: O Mauro.

Mas e só criar uma equipe. Gente viajando e olhando cada um desses jogadores. A verdade é que temos poucas empresas de empresários que possuem olheiros esparramados por todo o Brasil. Eu sou filho de um ex-olheiro. Já cansei de ir com meu pai ver o jogo de um fulaninho que pode vingar, e te afirmo tem muito moleque bom que não chega a jogar por falta de oportunidade. Basta garimpar por ai. Te afirmo que se achará bons jogadores. Liédson e Vavá só foram encontrados aos 22 e 18 anos respectivamente... é de se pensar.;)

Bira #307 @deodato em 16/12/2014 às 13:33

" "

A lei é o caminho, pois pensa comigo, existe um Corinthians com um quadro de olheiros limitado. Quantos empresários tem no Brasil? Milhares, impossível bater essa galera. Todo joguinho de moleque, se disponta, já tem um empresário no alambrado falando com a família. Olha no Google, times europeus pegando os moleques com 8 anos, você acha que empresário não pega também?

Publicidade

Bira Deodato #307 @deodato em 16/12/2014 às 13:33

A lei é o caminho, pois pensa comigo, existe um Corinthians com um quadro de olheiros limitado. Quantos empresários tem no Brasil? Milhares, impossível bater essa galera. Todo joguinho de moleque, se disponta, já tem um empresário no alambrado falando com a família. Olha no Google, times europeus pegando os moleques com 8 anos, você acha que empresário não pega também?

João #308 @joaovitalfn em 16/12/2014 às 13:08

" "

Ai vai entrar o sistema de captação. Buscar jogadores com 8-10 anos nas periferias e pequenos centros. Levar para o clube e fazer um contrato ali mesmo, clube-pai-atleta. Vamos ficar 8 anos sem revelar ninguém, oras estamos a 5... Não faz mal esperar um pouco mais. Lembrando que logo vem a lei da Fifa e acaba com isso de vez. Começar agora é já dar um passo gigantesco para o futuro.

Bira Deodato #307 @deodato em 16/12/2014 às 13:32

Cara você fala do Corinthians é porque acompanhamos mais nosso time, mas quem lê um pouco das noticias fora vê como a mídia da enfoque mais no nosso do que dos outros. O aliciamento de jogadores pelo SP, mostra um clube de certa forma desesperado, o Palmeiras faz quanto tempo não revela um grande jogador? O Santos revela, mas e os diversos casos obscuros de venda de jogadores dele, o Neymar saiu numa transação de centenas e cadê a grana, tão sem grana. O problema é na lei que dá permissão.

renee #2573 @renee em 16/12/2014 às 13:11

" "

Mas no caso do Timão pareci que apenas só a lei não servi: A prática de Garcia, porém, fere o estatuto do clube, que condena a participação de conselheiros ou mandatários em direitos de atletas. O ato deveria ser punido com a perda da posição no conselho ou cargo, ainda que o cargo seja vitalício. Pelo visto precisamos sim do clube e dos diretores pra fazer valer isso!

All Colatra #76 @all.colatra em 16/12/2014 às 13:31

É complicado fazer isso nos dias de hoje, do mesmo jeito que enxergo como algo positivo, também vejo que poderíamos perder muitos jogadores pois seus empresários não aceitariam isso, é algo difícil de se fazer.

Vejo coisas positivas no Citadini, mas também vejo coisas negativas, no momento prefiro a continuidade no trabalho com o Roberto de Andrade sendo eleito, acho que ele tem vários defeitos mas ainda é a opção mais confiável de bom trabalho, mas que vença o melhor.

De resto, não sei o que é empertigado KKKKKKK vou procurar no Google rs

Thiago Trabuco Bassan #2.484 @thiagobassan em 16/12/2014 às 13:25

Citadini, não para presidente mas para diretor que se mete em todos os assuntos, nisso ele faz e faz bem feito, defende a causa, não acredito também que ele seria um bom presidente, porém não existe uma laranja que não seja podre nesse saco para ele acompanhar...

Cleidson De Almeida E Sousa #37 @cleidson em 16/12/2014 às 13:19

Aí acaba a base kkkkkkkkkkkkkkk mas ele tem razão.

Renee George Silveira #2.573 @renee em 16/12/2014 às 13:11

Mas no caso do Timão pareci que apenas só a lei não servi: A prática de Garcia, porém, fere o estatuto do clube, que condena a participação de conselheiros ou mandatários em direitos de atletas. O ato deveria ser punido com a perda da posição no conselho ou cargo, ainda que o cargo seja vitalício. Pelo visto precisamos sim do clube e dos diretores pra fazer valer isso!

Bira #307 @deodato em 16/12/2014 às 12:29

" "

Não cabe ao clube, não é o presidente que vai mudar, a lei que muda

João . #308 @joaovitalfn em 16/12/2014 às 13:08

Ai vai entrar o sistema de captação. Buscar jogadores com 8-10 anos nas periferias e pequenos centros. Levar para o clube e fazer um contrato ali mesmo, clube-pai-atleta. Vamos ficar 8 anos sem revelar ninguém, oras estamos a 5... Não faz mal esperar um pouco mais. Lembrando que logo vem a lei da Fifa e acaba com isso de vez. Começar agora é já dar um passo gigantesco para o futuro.

Bira #307 @deodato em 16/12/2014 às 01:16

" "

Fácil falar quero ver fazer. O Fabricio Oya, craque que pode no futuro valer milhões, 40% de uma transação de 50 mi wagner ribeiro só firma contrato de tiver uma parte. A Base vai ficar sem ninguém afinal que menino não tem empresário?

Robson Oliveira #12 @robson.oliveira4 em 16/12/2014 às 12:36

Pros empresários é muito fácil, só vender a parte deles e pronto. Os clubes é que vão ter que se virar pra arrumar dinheiro e comprar os restantes, e na situação financeira que estão hoje...

Bira #307 @deodato em 16/12/2014 às 12:35

" "

Penso diferente, quem vai ter que se preparar são os empresários. Nesse momento o clube por mais que desca esse filtro, vai acabar sem craques na base, vai sobrar só jogador que empresário não tem interesse. Se não há interesse, não é bom. Chegando lá na frente ae sim sou a favor. Abraço

Bira Deodato #307 @deodato em 16/12/2014 às 12:35

Penso diferente, quem vai ter que se preparar são os empresários. Nesse momento o clube por mais que desca esse filtro, vai acabar sem craques na base, vai sobrar só jogador que empresário não tem interesse. Se não há interesse, não é bom. Chegando lá na frente ae sim sou a favor. Abraço

Robson #12 @robson.oliveira4 em 16/12/2014 às 12:31

" "

A lei vai valer pra todos, mais cedo ou mais tarde todos os clubes terão de fazer isso. Quem não se preparar desde já (a FIFA deu esse tempo justamente pra se preparem) vai acabar se complicando lá na frente