Neco, Ídolo do Corinthians

Atacante

Neco

Biografia

Primeiro grande ídolo do Corinthians, Neco começou no terceiro quadro do Corinthians em 1911. Em 1914, no seu primeiro título de campeonato paulista, foi o artilheiro da competição marcando 12 gols. Em 1915 o Corinthians se ausentou de competições oficiais e Neco jogou pelo time do Mackenzie. Mas como bom corinthiano, Neco não esqueceu o time do coração e organizou um assalto ao patrimônio do Corinthians, levando tudo na madrugada e escondendo dos cobradores.

Em 1916 o Corinthians voltou a liga paulista de futebol e Neco pode então voltar a defender seu time do coração, sagrando-se novamente campeão paulista. Além desses dois títulos citados Neco ainda ganhou o tri em 1922/23/24 e os títulos do paulista de 1928 e 1930.

Ainda foi artilheiro da liga no campeonato de 1920, marcando 24 gols.

Certa vez achando que juiz e dirigentes do time adversário estavam prejudicando o Corinthians no jogo, Neco tirou o cinto do calção e saiu correndo, querendo dar cintadas nos mesmos.

Neco é o jogador que atuou no Corinthians por mais anos e foi o primeiro - e por muitos anos o único - a ter um busto no Parque São Jorge.

Junto com Amilcar Barbuy, Neco foi o primeiro jogador do Corinthians a ser convocado pra seleção brasileira, tendo participado de 14 jogos e anotando 9 gols e sagrando-se campeão do torneio sul-americano (atual Copa América) de 1919, torneio em que dividiu a artilharia com Friedenreich, anotando 4 gols cada.

Além de ser jogador, Neco foi também treinador do Corinthians em algumas passagens (1927 e 1937/38) e conquistou o título de 1937.

Relembre de outros ídolos que jogaram no Corinthians

O que você mais lembra do Neco no Corinthians?

  • 1000 caracteres restantes