Palmeiras 0 x 1 Corinthians - Final - Copa do Brasil Sub-17 2017

Copa do Brasil Sub-17 2017 - Palmeiras 0 x 1 Corinthians

https://www.meutimao.com.br/jogo/30-11-2017/copa_do_brasil_sub-17_2017/palmeiras-0-x-1-corinthians

02:00

2017-11-30T17:00:00

Pacaembu

Endereço: Praça Charles Miller, 0, São Paulo, SP, Brasil

Palmeiras 0 X 1 Corinthians

Copa do Brasil Sub-17 2017
30 de novembro de 2017, 17:00
Palmeiras 0 x 1 Corinthians
Pacaembu

Sobre a Partida

Corinthians leva decisão para os pênaltis, mas fica com o vice da Copa do Brasil Sub-17

A tarde fria desta quinta-feira selou a temporada do Sub-17 do Corinthians. Diante do Palmeiras, no Estádio do Pacaembu, o Timão triunfou no tempo regulamentar da partida, com gol de Mascarenhas, mas, nos pênaltis, foi superado por 4 a 3. Assim, o Timão, até então campeão do torneio, fica com o vice da Copa do Brasil de 2017.

No duelo de ida, disputado na Arena de Itaquera, na última semana, a garotada fez embate equilibrado mas, no finzinho da etapa complementar, o arquirrival levou a melhor e venceu por 1 a 0. Com isso, os jogadores alvinegros tinham de vencer por pelo menos dois gols de diferença.

Leia também:
Adauto nega propostas por dupla e traça perfil de possíveis reforços: 'Espírito de Corinthians'
Pedrinho e mais dois: escalação para coletiva indica jovens no Corinthians contra Sport

Para a finalíssima, o técnico Marcos Soares mandou o Timãozinho a campo, dispondo do tradicional esquema tático 4-2-3-1, desta maneira: Maltos, Luan (Piracicaba), Henrique Luro, Ronald (capitão) e Lucas Pires (Felipe Carvalho); Du (Vitinho) e Guilherme Gallegos; Welliton (Mascarenhas), Adson (Hugo) e Lucas Piton (Gabriel Gallegos); Giovanny.

O coletivo do Parque São Jorge encerra o torneio tendo disputado dez partidas - distribuídas em seis vitórias, três empates e apenas uma derrota. Londrina, Grêmio, Vitória e Chapecoense são os times superados pelos corinthianos.

Primeiro tempo

Os instantes inicias foram marcados por pressão corinthiana. O atacante Lucas Piton e o meio-campista Adson trabalharam juntos e levaram certo perigo pelo lado esquerdo do campo. Na sequência, os donos da casa responderam com chute que parou nas mãos do goleiros Maltos.

Aos dez minutos, o atacante Guilherme Viana se livrou da defesa alvinegra e, dentro da pequena área, cruzou rasteiro, mas não encontrou ninguém. Os mandantes passaram a criar mais e, numa dessas investidas, o volante Du cometeu falta no atacante Alan e recebeu cartão amarelo.

A cobrança da infração, não fosse a ótima defesa de Maltos, seria revertida em gol para os arquirrivais, que não deram mais espaço aos corinthianos. Diante de tal cenário, os visitantes tiveram de administrar a imposição alviverde.

Aos 27 minutos, porém, o Timão se mandou em contra-ataque de Lucas Piton, que chutou a gol, mas viu Magrão afastar. O atacante Giovanny aproveitou o rebote, entretanto colocou força demais no pé e a pelota se mandou por cima do travessão. Alan e Tomás, meio-campista do Palmeiras, devolveram o susto. E ficou por isso mesmo.

Mais uma vez, o goleiro Maltos fez defesas salvadores

Mais uma vez, o goleiro Maltos fez defesas salvadoras para o Sub-17 do Timão

Rafaela de Oliveira/Meu Timão

Segundo tempo

As equipes voltaram do vestiário e, ao menos nos primeiros minutos da etapa complementar, o ritmo do confronto foi de menos aceleração. A criação, comedida, aconteceu nos dois lados. Quando solicitada, a defesa alvinegra, comandada pelo zagueiro Ronald, se mostrou sólida e bem postada.

Aos 27 minutos, o atacante Rafael Mascarenhas foi mandado a campo por Marcos Soares e, para a loucura da Fiel, que não pôde comparecer ao estádio por se tratar de torcida única, marcou para o Corinthians em seu primeiro toque na bola. Com tudo igual no placar agregado, a decisão se encaminhou para os pênaltis.

O meia-atacante Vitinho, também recém-chegado ao Dérbi, arrastou a marcação até a linha de fundo, mas acabou não encontrando espaço para finalizar com efetividade. Os palmeirenses sentiram o tento corinthiano e, inclusive, finalizaram duas vezes para fora, demonstrando nervosismo.

Ainda houve tempo para que os opositores cobrassem falta pertinho do gol de Maltos. A infração, porém, foi cobrada com desespero e deu ao Timão a chance do contra-golpe. O atacante Piracicaba recebeu bom passe, mas não conseguiu aproveitá-lo. Fim de jogo e penalidades!

Pênaltis

Nas penalidades, a estrela da Maltos, que já havia defendido quatro penalidades diante do Grêmio, não brilhou da mesma forma. Vitinho, Rafael Mascarenhas e Giovanny marcaram para o Timão, mas Ronald e Piracicaba não conseguiram converter. O arqueiro alvinegro defendeu o pênalti cobrado por Aníbal, mas não foi suficiente.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida: Palmeiras 0 x 1 Corinthians

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!