Técnico do Goias, próximo adversário do Corinthians, fecha as portas para o São Paulo

Técnico do Goias, próximo adversário do Corinthians, fecha as portas para o São Paulo

Por Meu Timão

Técnico do Goiás diz que não trabalha com homossexuais

A queda de rendimento do Goiás parece ter aumentado a irritação de Hélio dos Anjos. Após a classificação nos pênaltis para as oitavas de final da Copa Sul-Americana, ao bater o Galo após o 1 a 1 no tempo normal nesta quarta-feira, o treinador se exaltou ao responder se a chegada de Fernandão teria prejudicado o time.

- Ficam pedindo um jogador expoente. Aí quando vem, começam a criticar. O Fernando sei lá o quê, que o grupo está com ciúme. Homem com ciúme é viado. Não trabalho com homossexual, trabalho com homem – desabafou.

O técnico pode receber uma punição do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por suas declarações. Mas o STJD só poderá agir caso algum atleta se sinta ofendido e entre com uma queixa na procuradoria. Outra possibilidade seria a procuradoria do tribunal, após analisar o caso, decidir que este foi um ato que merece punição, denunciando o treinador.

É mais um técnico que fecha as portas para o São Paulo.

Veja Mais:

  • Fagner é titular absoluto da lateral direita no Corinthians

    Fagner anuncia renovação com Corinthians: 'Não estou na idade de ficar arriscando'

    ver detalhes
  • Romero e Danilo participaram do treino desta quarta-feira no CT Joaquim Grava

    Curinga suspenso, pacotão de baixas e escalações alternativas: a reapresentação do Corinthians

    ver detalhes
  • Sub-17 do Corinthians vai a campo nesta quarta-feira, pela final da Copa do Brasil

    Na Arena, Corinthians recebe Palmeiras em primeiro jogo da final da Copa do Brasil Sub-17

    ver detalhes
  • Arana deve trocar Corinthians pelo Sevilla nos próximos dias

    Corinthians estabelece condição para vender Arana ao Sevilla; entenda os valores

    ver detalhes

Hélio dos Anjos deveria aceitar assim como o Ricardo Gomes?

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes