CBF recebe documentos para liberar Defederico

CBF recebe documentos para liberar Defederico

Por Meu Timão

93 visualizações 0 comentários Comunicar erro

Defederico vem treinando normalmente no Parque São Jorge

Defederico vem treinando normalmente no Parque São Jorge

A CBF confirmou nesta sexta-feira à tarde que recebeu da Associação de Futebol Argentino (AFA) o documento liberando a transferência do meia Matías Defederico para o Corinthians.

Para poder jogar, argentino ainda precisa aparecer em boletim informativo nesta sexta-feira

Sem o documento, a entidade não poderia incluir Defederico no BID (Boletim Informativo Diário). E os jogadores que não forem inscritos até esta sexta-feira não poderão disputar o restante do Campeonato Brasileiro.

O que impedia a inscrição de Defederico era uma autorização da Justiça – o Huracán (ARG) está em concordata e só pode vender jogadores com permissão judicial – e o pagamento de certas taxas pelo clube argentino.

O último obstáculo a ser superado foram as taxas. A última só foi paga nesta tarde na Argentina. O Corinthians enviou o advogado Luiz Felipe Santoro para agilizar a liberação do jogador.

Com a inscrição, Defederico está liberado para estrear domingo contra o São Paulo.

Fonte: Lancenet

Veja Mais:

  • Sornoza pode se tornar o quinto reforço do Corinthians para 2019; Fluminense quer atletas

    Sornoza aceita oferta do Corinthians, mas contrapartida com dupla de emprestados emperra

    ver detalhes
  • Ex-Fluminense, Richard foi anunciado oficialmente pelo Corinthians nesta segunda-feira

    Saiba mais sobre o volante Richard, quarto reforço do Corinthians para 2019

    ver detalhes
  • Trio ganhou espaço no segundo semestre e reencontra treinador em outro patamar

    Jogadores ganham espaço no segundo semestre e reencontram Carille em outro patamar no Corinthians

    ver detalhes
  • Richard é o novo jogador do Corinthians

    Corinthians anuncia contratação de Richard

    ver detalhes

Será que vai dar tempo dele jogar contra o São Paulo?

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes