Marcelinho se aposenta, mas fica à disposição do Corinthians

Marcelinho se aposenta, mas fica à disposição do Corinthians

Por Meu Timão

Algumas fãs não conseguiram conter as lágrimas ao abraçar Marcelinho Carioca

Algumas fãs não conseguiram conter as lágrimas ao abraçar Marcelinho Carioca

Foto: Fernando Pilatos/Gazeta Press

Marcelinho Carioca se aposentou. Enquanto distribuía autógrafos na loja Poderoso Timão do Brás, em São Paulo, o ídolo do Corinthians confirmou à Gazeta Esportiva.Net que não deverá disputar sequer o Campeonato Paulista em 2010: "Não jogo mais futebol. Parei".

A maioria dos torcedores que assediava Marcelinho durante a tarde de segunda-feira estava curiosa sobre o futuro do ídolo. Aos que imploravam um retorno ao Corinthians, ele respondia com um largo sorriso e um afago. "Estou à disposição. Vamos ver. É algo que não depende de mim", o atleta disse para um garoto.

Marcelinho não disfarça que gostaria de defender novamente o Corinthians. O ex-meia do Santo André firmou um acordo para representar o clube que o consagrou em 2010, ano do centenário, mas na condição de garoto-propaganda. Participará de amistosos, um deles o seu jogo de despedida, e de ações de marketing.

"Vou encerrar a minha trajetória no Corinthians, mas ainda estamos estudando a melhor forma de fazer isso. Devo ficar treinando à parte, fora do clube, pois estão me trazendo para fazer amistosos. Eles vão me passar a programação certinha. Até agora, só sei que serei o embaixador do centenário. Acho que com contrato válido por um ano", afirmou.

Político como um bom embaixador, Marcelinho se preocupou em ressalvar que o seu retorno ao Corinthians não representará nenhum problema ao técnico Mano Menezes - que ele sempre faz questão de elogiar. "Quero que o Mano monte o time dele com tranquilidade, fazendo a pré-temporada direitinho, sem nenhuma pressão por eu estar no clube."

"A princípio, não estou indo para o Corinthians para jogar. Nem me preocupo com isso. Essa decisão é do clube, não minha. Não quero dar opinião para não polemizar com ninguém. Só a iniciativa de me homenagear já foi uma coisa linda e inteligentíssima por parte do Andrés Sanchez [presidente], do Mário Gobbi [diretor de futebol], do Luis Paulo Rosenberg [diretor de marketing] e do Caio Campos [gerente de marketing]. Ser embaixador do clube que você ama não tem preço", discursou.

Ao menos fora de campo, o retorno de Marcelinho Carioca provavelmente dará retorno ao Corinthians. Os donos da loja Poderoso Timão do Brás, por exemplo, cochichavam que os lucros irão disparar quando a novidade for anunciada oficialmente. "E já pensou como seria se ele voltasse ao Corinthians jogando?", especulou um dos empresários.

Além de fazer publicidade para o Corinthians, o ex-jogador Marcelinho Carioca irá se dedicar à política (é pré-candidato a deputado federal pelo PSB) e ao complexo esportivo que construiu em Atibaia, interior de São Paulo.

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Mais:

  • Em vídeo, Gabriel reitera desculpas por gesto obsceno: 'Não faz parte do meu caráter'

    Em vídeo, Gabriel reitera desculpas por gesto obsceno: 'Não faz parte do meu caráter'

    ver detalhes
  • Clayson comemora gol sobre o São Paulo, o primeiro dele pelo Timão

    Na raça! Clayson decide, Corinthians empata no Morumbi e mantém invencibilidade contra rival

    ver detalhes
  • Líder do Brasileirão, Corinthians empatou com o São Paulo por 1 a 1 neste domingo

    Com tropeço do Grêmio, Corinthians vê rivais se aproximarem na tabela; veja classificação

    ver detalhes
  • Clayson assegurou empate fora de casa ao Timão

    Cássio brilha, mas reserva é eleito o melhor do Corinthians no clássico; Jadson destoa

    ver detalhes

Marcelinho deve ser embaixador do Corinthians?

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes