Tcheco 'retorna' ao Corinthians após 11 anos

Tcheco 'retorna' ao Corinthians após 11 anos

Por Meu Timão

1.7 mil visualizações 0 comentários Comunicar erro

Tcheco foi um dos seis reforços contratados pelo Corinthians para 2010

Tcheco foi um dos seis reforços contratados pelo Corinthians para 2010

Aos 33 anos, o meia Tcheco começa uma nova etapa da carreira, que começou no Corinthians e pode terminar no Corinthians. Parece estranho, mas é um fato curioso que faz parte da história do jogador, que foi apresentado nesta quarta-feira oficialmente como novo reforço do clube, em Itu.

Sua carreira começou no Malutrom, clube paranaense fundado em 1994. Tcheco jogou lá de 1999 a 2002, antes de sair para o Coritiba. Em 2005, o Malutrom virou J. Malucelli e, ano passado, após uma parceria, tornou-se Corinthians Paranaense.

- Pode ser destino. Tive oportunidades de ir para o Corinthians, mas não deu certo antes. Quem sabe consigo a história de começar a carreira em um Corinthians e terminar no outro (risos) - disse o jogador.

Em sua História no Sport Club Corinthians Paulista Tcheco quer dar à torcida o título da Libertadores no ano do centenário. Com o Grêmio, ele fracassou ao perder a final para o Boca Juniors (ARG), em 2007, e na semifinal para o Cruzeiro, em 2009.

-Ficou uma obsessão. Quem perde duas vezes, quer ganhar de qualquer jeito. É a data mais importante do Corinthians e temos de fazer um trabalho perto da perfeição para chegar a esse objetivo -ressaltou.

Ele garante que pode ser um dos líderes da nova equipe. Em 2006 e 2007 no Grêmio, sob o comando de Mano Menezes, Tcheco era o capitão. No Corinthians, a faixa pertence ao zagueiro William, com quem também atuou no equipe gaúcha.

-Cada jogador tem um ponto forte. Eu tenho esse padrão de jogo, gosto de falar muito e funcionei muito bem assim no Grêmio.

Uma das principais características do novo Corinthians, segundo o meia, é a ausência de vaidades do elenco. Fato essencial já que o próprio Mano avisou que os jogadores terão de se acostumar a jogar dois jogos e ficar no banco em outros.

Por isso, é possível que alguns jogadores disputem o Paulistão e outros, a Copa Libertadores.

-A Libertadores é a competição principal, mas temos um planejamento para o Paulistão também.

Fonte: Lancenet

Veja Mais:

  • Rodriguinho lamenta oportunidade desperdiçada pelo ataque corinthiano

    Corinthians sufoca Millonarios, não é eficaz e perde na estreia de Loss

    ver detalhes
  • Corinthians pode reencontrar Boca Juniors nas oitavas de final da Libertadores-2018

    Sete cascudos e um novato: os possíveis rivais do Corinthians nas oitavas da Libertadores

    ver detalhes
  • À espera da estreia, reforço do Corinthians faz tatuagem alusiva ao clube

    À espera da estreia, reforço do Corinthians faz tatuagem alusiva ao clube

    ver detalhes
  • Timão pecou em excesso e acabou derrotado pelo Millonarios

    Posse de bola, finalizações... Mesmo derrotado, Corinthians sobra nas estatísticas; confira números

    ver detalhes

Tcheco será titular?

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes