Corinthians não teme 'calote' do Panamericano

Corinthians não teme 'calote' do Panamericano

302 visualizações 0 comentários Comunicar erro

Patrocinador da barra da camisa do uniforme corintiano e com contrato vigente até fevereiro de 2011, o banco Panamericano, de propriedade do Grupo Sílvio Santos, vem passando por uma crise financeira sem precedentes, mas não dará calote no Timão.

Responsável pela entrada de R$ 7 milhões anuais nos cofres do Alvinegro, o banco continuará honrando seus compromissos até o término do vínculo assinado com a diretoria do clube. Pelo menos é isso o que imagina o vice-presidente jurídico do Corinthians, Sérgio Alvarenga.

Em contato com a reportagem do R7 nesta quarta-feira (17), Alvarenga afirmou não temer problemas nos três meses restantes do contrato.

- A obrigação continua vigente, independentemente da crise, e o banco continua existindo. Acredito que eles honrarão o compromisso e não será necessário tomar qualquer medida no campo jurídico.

O Panamericano ainda tem de acertar os três meses restantes do contrato e pagará cerca de R$ 1,7 milhão ao Corinthians, mas a chance de renovar o vínculo para 2011 é praticamente nula.

Fonte: Portal R7

Enviado por: will2s

Veja Mais:

  • Felipe Ezabella durante a eleição no Parque São Jorge

    Preferência da opinião pública e manutenção do DNA da chapa: Ezabella comemora primeira eleição

    ver detalhes
  • Mauro da Silva (auxiliar), Duílio Monteiro Alves (diretor-adjunto de futebol) e Alessandro (gerente) durante um dos treinos no CT

    Diretoria assume dificuldade por um 9: 'Futebol na América do Sul pagando salários de Europa'

    ver detalhes
  • Veja gols e lances de Matheus Matias, novo reforço do Corinthians

    VÍDEO: Veja gols e lances de Matheus Matias, novo reforço do Corinthians

    ver detalhes
  • Duilio Monteiro Alves, diretor-adjunto de futebol do Corinthians

    Diretor do Corinthians sobre renovação de Balbuena: 'Não podemos dar um passo maior do que a perna'

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes