Dirigente aposta em Fabuloso ou Adriano no Corinthians

Dirigente aposta em Fabuloso ou Adriano no Corinthians

2.0 mil visualizações 0 comentários Comunicar erro

Para Roberto Andrade, vice de futebol, um deles virá para o Parque São Jorge.O Corinthians conta agora apenas com a esperança para contratar Luís Fabiano ou Adriano. O diretor de futebol Roberto de Andrade garantiu que ambos ainda são vistos como bons nomes para reforçar o ataque da equipe, mas não se mostrou suficientemente animado para negociar com Sevilla, da Espanha, e Roma, da Itália.

Para ter Luís Fabiano, o Corinthians chegou a oficializar uma proposta de € 7 milhões (mais de R$ 15 milhões) ao Sevilla, que prontamente recusou. "Não digo que esteja descartado", avisou Roberto de Andrade. "Eles pretendem receber algo perto de € 12 milhões. Mas as coisas mudam no futebol. No passado, o Sevilla havia rejeitado uma proposta de € 14 milhões do Milan. Cada dia é cada dia. A nossa oferta continua lá, de pé. Só não vamos pagar o que eles querem", complementou.

Já Adriano foi convidado a voltar ao Brasil pelo amigo Ronaldo, que concorda com a obsessão do presidente Andrés Sanchez de contratar um jogador renomado para a sua posição. Na ocasião, Roberto de Andrade chegou a dizer que tinha um acordo com o centroavante da Roma. O Corinthians divulgou uma nota oficial para desmentir a informação do seu diretor de futebol, que acabara de substituir Mário Gobbi no cargo.

"Não procuramos a Roma nem falamos com o Adriano", corrigiu Roberto de Andrade nesta quinta-feira, embora de maneira contraditória. "Ouvimos da presidente da Roma que ela não liberaria o Adriano. Mas isso não significa que não podemos procurá-lo para jogar no Corinthians agora. Tudo muda. Li na mídia italiana que o clube já quer liberá-lo. As coisas se transformam de um dia para outro", esperançou-se.

Quem não está entre os atacantes pretendidos por Roberto de Andrade é o boliviano Marcelo Moreno, que passou com sucesso pelo Cruzeiro e hoje defende o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia. O atleta disse que foi procurado pelo Corinthians por intermédio de um empresário e ficou entusiasmado com a possibilidade de retornar ao futebol brasileiro.

"O Corinthians nunca teve interesse no Moreno. Não cogitamos o nome dele e ninguém está autorizado a falar em nome do nosso clube. Se alguém conversou com o jogador, fez por conta própria, pois o Corinthians é representado por sua diretoria e por seu presidente. Como as pessoas sabem que queremos um centroavante, muita gente acaba se oferecendo para a vaga", ironizou o diretor de futebol corintiano.

Com chances remotas de ter Luís Fabiano ou Adriano, o Corinthians já começou a sondar outros candidatos a reforçar o seu ataque. O técnico Tite lamenta constantemente a ausência de um jogador à altura de Ronaldo (que desfalca o time com frequência) no elenco. "Estamos trabalhando para encontrar esse atleta. Está difícil. Não obtivemos êxito nas negociações até agora, mas continuaremos tentando, sem prazo para acabar. Vamos esgotar todas as possibilidades, na ordem de preferência do treinador", prometeu Roberto de Andrade.

Dirigente aposta em Fabuloso ou Adriano no Corinthians

Enviado por: Gabriel Silva

Veja Mais:

  • Felipe Ezabella durante a eleição no Parque São Jorge

    Preferência da opinião pública e manutenção do DNA da chapa: Ezabella comemora primeira eleição

    ver detalhes
  • Mauro da Silva (auxiliar), Duílio Monteiro Alves (diretor-adjunto de futebol) e Alessandro (gerente) durante um dos treinos no CT

    Diretoria assume dificuldade por um 9: 'Futebol na América do Sul pagando salários de Europa'

    ver detalhes
  • Veja gols e lances de Matheus Matias, novo reforço do Corinthians

    VÍDEO: Veja gols e lances de Matheus Matias, novo reforço do Corinthians

    ver detalhes
  • Duilio Monteiro Alves, diretor-adjunto de futebol do Corinthians

    Diretor do Corinthians sobre renovação de Balbuena: 'Não podemos dar um passo maior do que a perna'

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes