Não vai faltar gás para Liedson

Não vai faltar gás para Liedson

O início arrasador de Liedson, com sete gols em cinco jogos, não é surpresa para ninguém no Parque São Jorge. O ponto de interrogação sobre sua contratação era outro. Como ele chegou no meio de uma temporada europeia, havia dúvidas se o atacante de 33 anos, agora o mais velho do elenco, teria fôlego para jogar bem o calendário brasileiro. Liedson mostrou disposição nos primeiros testes físicos, logo depois que assinou contrato até o meio do ano que vem, e não vem sendo poupado de nenhum treino, como acontecia com Roberto Carlos e Ronaldo.

Preparadores físicos do Corinthians dizem que Liedson tem um preparo físico invejável para um jogador de sua idade. O jogador, por exemplo, praticamente manteve o peso do tempo de sua primeira passagem pelo clube, há oito anos, de 67 kg.

Numa de suas últimas entrevistas, Liedson chegou a comentar que uma das razões de seu bom retorno estaria no fato de ele estar no meio da temporada na Europa, enquanto os outros jogadores estão em início de ano. Mas descartou que isso o atrapalhe no meio do ano.

“No Brasileiro, a maioria dos jogos é disputada apenas no fim de semana, e não teremos outra competição. Terei, portanto, tempo suficiente para me recuperar”, comentou o jogador.

Liedson tem gás suficiente para jogar futebol por muito mais tempo, dizem os especialistas. Ele sequer pensa em se aposentar em 2012, em junho, quando termina seu contrato com o Corinthians. Pretende negociar com o clube uma renovação. Outra possibilidade que não está descartada é seu retorno para a Europa. A intenção é jogar pelo menos mais três anos e pendurar as chuteiras com 37 anos.

O técnico Tite atribuiu as boas atuações do atacante ao fato de ele “se sentir em casa” no Corinthians. “Ele já conhece a pressão daqui, está totalmente ambientado. Fica tudo mais fácil.”

Outra característica de Liedson que agrada a Tite: ele não deixa de assumir a responsabilidade de ser o principal jogador do time, mas ao mesmo tempo é um jogador de grupo, descartando o rótulo de “estrela.”

“Estou fazendo os gols. Mas minha importância é igual à dos outros. Nós, atacantes, ajudamos na defesa, o meio de campo marca e também chega ao ataque. E a nossa defesa está indo muito bem. Ou seja, todo o elenco está de parabéns, disse Liedson, após a vitória sobre o Prudente, sábado, por 4 a 0.

Tite admitiu ter ficado surpreso com o entrosamento de Liedson com os outros jogadores de ataque, como Dentinho, Jorge Henrique e Morais. “Entrosamento vem de repetição e eles não tinham jogado juntos. Mas a sintonia deles, a forma de jogar, talvez tenha se ajustado”, afirmou o treinador.

Quando Tite fala em sintonia ele quer dizer velocidade, por isso tem armado o time com o trio de ataque. E tem dado certo.

Fonte: Jornal da Tarde

Enviado por: will2s

Veja Mais:

  • Paulo Roberto e Danilo treinaram com bola nesta terça e estão à disposição para pegar Grêmio

    Volta de Paulo Roberto, susto de Pedrinho e possível escalação: o treino do Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians/Audax fez nova vítima da Libertadores feminina: Santa Fe

    Corinthians/Audax vence 'bicho papão' e se classifica com melhor campanha da Libertadores feminina

    ver detalhes
  • Em reedição da final de 2016, Corinthians e Sorocaba se enfrentam pelo título da LPF

    De virada, Corinthians/Unip vence Sorocaba e sai na frente na final da Liga Paulista

    ver detalhes
  • Gabriel está de volta ao Corinthians após cumprir suspensão

    Trio volta, e Corinthians relaciona 24 jogadores para enfrentar Grêmio; veja lista

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes