Andres espera contar com Lula e Ronaldo para eleger Gobbi

Andres espera contar com Lula e Ronaldo para eleger Gobbi

O presidente do Corinthians, Andres Sanchez, espera contar com o ex-presidente Lula e com o ex-atacante Ronaldo na campanha para eleger Mario Gobbi como presidente do clube.

A informação é da coluna Painel FC, assinada por Bernardo Itri e Eduardo Ohata e publicada na edição desta terça-feira na Folha. A íntegra está disponível para assinantes do jornal e do UOL.

De acordo com a coluna, um dirigente próximo de Andres Sanchez, desde que atuavam na base do Corinthians, quis sugerir um nome para disputar a presidência, uma vez que o mais comentado não lhe agrada. Diz ter ouvido do presidente corintiano que não haverá mudança de planos e que, com seu prestígio, elege qualquer um. Mais: que a campanha terá Lula e Ronaldo. Além disso, com o lançamento do Itaquerão, Andres acredita eleger até uma cadeira.

Andres Sanchez confirmou que vai apoiar a candidatura de Mario Gobbi na madrugada do último domingo antes do desfile da Gaviões da Fiel no sambódromo do Anhembi

"Quem fundou o grupo renovação e transparência no final de 2005 foi o Mario Gobbi, eu, o André Luis, o Manoel Ramos Evangelista e o Elie Werdo. Na minha opinião, um dos cinco teria que assumir para dar sequência ao trabalho e eu acho que a pessoa mais indicada é o Mario [Gobbi] e vamos trabalhar por ele", disse Andres Sanchez em entrevista à rádio Jovem Pam.

"Vou indicar e trabalhar talvez até mais [para o Gobbi] do que na minha eleição. É uma pessoa muito bem querida no clube. O Mario por tudo o que ele fez no Corinthians nos últimos anos, pelo que ele ajudou a administração, eu acho que é a pessoa mais indicada hoje', declarou o presidente, que foi eleito em fevereiro de 2009 --já estava no cargo desde outubro de 2007, quando foi eleito para um mandato tampão substituindo o interino Clodomil Orsi.

No final de janeiro, a coluna Painel FC informou que Mario Gobbi foi visto por sócios do Corinthians no Parque São Jorge em plena campanha para suceder Andres Sanchez.

Além dele, a coluna informou na época que Paulo Garcia também se apresentava no clube como candidato.

Mario Gobbi foi diretor de futebol do Corinthians até 7 de dezembro logo após o término do Campeonato Brasileiro. Ele foi substituído por Roberto de Andrade, que também tem seu nome cogitado para concorrer ao cargo de presidente do Corinthians.

As eleições presidenciais do Corinthians devem ocorrer em dezembro.

Fonte: Folha

Enviado por: will2s

Veja Mais:

  • Cássio foi mais uma vez chamado por Tite

    Cássio é convocado por Tite e desfalca Corinthians em até três jogos no Brasileirão

    ver detalhes
  • Pablo segue com a situação indefinida para 2018

    Bordeaux endurece com agente de Pablo e avisa: para outro clube o valor é dobrado

    ver detalhes
  • Carille viu seu time tropeçar de novo no segundo turno do Campeonato Brasileiro

    Chances de título do Corinthians seguem caindo; matemáticos colocam arquirrival de vez na briga

    ver detalhes
  • Corinthians/Audax atropelou Cerro Porteño em solo paraguaio

    Mulherada do Corinthians/Audax goleia donas da casa e se classifica para final da Libertadores

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes