Andres diz que PM não permitiu mais ingressos ao Corinthians

Andres diz que PM não permitiu mais ingressos ao Corinthians

Por Meu Timão

O presidente do Corinthians, Andres Sanchez, não se opôs à decisão do Ministério Público, que determinou que carga de ingressos destinados para a torcida corintiana no jogo contra o Palmeiras, válido pela semifinal do Campeonato Paulista, fosse de apenas 5%, ou de 2.400 entradas para seus torcedores.

"O Corinthians tentou uma negociação com o Palmeiras, para ter também o tobogã. Mas o Ministério Público e a Polícia Militar sugeriram que fosse só os 5%. Então fomos obrigados a ceder, uma vez que entendemos que o poder público deve ser respeitado", disse Andres Sanchez,por meio de sua assessoria.

O mandatário alvinegro também afirmou que os ingressos serão disponibilizados para a compra primeiro para os sócios do Fiel Torcedor e depois as entradas serão vendidas nos postos de vendas das torcidas organizadas dos clubes.

Segundo ele, essa medida é para evitar que haja confusão e violência na hora da compra dos bilhetes por parte dos torcedores.

Fonte: Folha

Veja Mais:

  • Paulo Roberto e Danilo treinaram com bola nesta terça e estão à disposição para pegar Grêmio

    Volta de Paulo Roberto, susto de Pedrinho e possível escalação: o treino do Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians/Audax fez nova vítima da Libertadores feminina: Santa Fe

    Corinthians/Audax vence 'bicho papão' e se classifica com melhor campanha da Libertadores feminina

    ver detalhes
  • Em reedição da final de 2016, Corinthians e Sorocaba se enfrentam pelo título da LPF

    De virada, Corinthians/Unip vence Sorocaba e sai na frente na final da Liga Paulista

    ver detalhes
  • Gabriel está de volta ao Corinthians após cumprir suspensão

    Trio volta, e Corinthians relaciona 24 jogadores para enfrentar Grêmio; veja lista

    ver detalhes

E o Ministério Público aparece mais uma vez...

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes