Andres diz que PM não permitiu mais ingressos ao Corinthians

Andres diz que PM não permitiu mais ingressos ao Corinthians

Por Meu Timão

1.0 mil visualizações 0 comentários Comunicar erro

O presidente do Corinthians, Andres Sanchez, não se opôs à decisão do Ministério Público, que determinou que carga de ingressos destinados para a torcida corintiana no jogo contra o Palmeiras, válido pela semifinal do Campeonato Paulista, fosse de apenas 5%, ou de 2.400 entradas para seus torcedores.

"O Corinthians tentou uma negociação com o Palmeiras, para ter também o tobogã. Mas o Ministério Público e a Polícia Militar sugeriram que fosse só os 5%. Então fomos obrigados a ceder, uma vez que entendemos que o poder público deve ser respeitado", disse Andres Sanchez,por meio de sua assessoria.

O mandatário alvinegro também afirmou que os ingressos serão disponibilizados para a compra primeiro para os sócios do Fiel Torcedor e depois as entradas serão vendidas nos postos de vendas das torcidas organizadas dos clubes.

Segundo ele, essa medida é para evitar que haja confusão e violência na hora da compra dos bilhetes por parte dos torcedores.

Fonte: Folha

Veja Mais:

  • Corinthians está conversando para tentar trazer Romarinho de volta

    Corinthians entra em contato com Al-Ittihad para contratar Romarinho; jogador se pronuncia na Arábia

    ver detalhes
  • Romero segue treinando a parte e não será relacionado aos jogos do Corinthians enquanto não resolver sua situação contratual

    Carille comenta situação de Romero e explica mudanças pelos lados do Corinthians

    ver detalhes
  • Mauro Boselli pode estrear pelo Corinthians

    Após Manoel, Boselli tem nome registrado no BID e pode estrear pelo Corinthians

    ver detalhes
  • Argentino teve excelente aproveitamento em vídeo publicado pela Corinthians TV

    Corinthians TV acompanha treino de finalização de Mauro Boselli; veja aproveitamento

    ver detalhes

E o Ministério Público aparece mais uma vez...

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes