Ave, Julio César: Timão vai à final!

Ave, Julio César: Timão vai à final!

O Corinthians, jogo que valeu a vaga as finais do Paulistão, empatou com o Palmeiras, pelo placar de 1X1, com gols de Leandro Amaro e Willian. A partida, no Estádio do Pacaembu, foi tensa, e muito disputada, marcando essa que é uma das maiores rivalidades do futebol mundial. Nas cobranças de pênaltis, Julio Cesar defendeu um dos pênaltis, e o Corinthians vai à final.

No primeiro tempo, o Palmeiras começou melhor, tomando a iniciativa do jogo, e não dando oportunidades ao Timão sequer finalizar. Aos 13 min, Valdívia recebeu passe de Cicinho da linha de fundo e chutou forte, mas Júlio César fez ótima intervenção e evitou o primeiro gol. Tudo tendia para uma vitória palmeirense, mas o panorama do jogo mudou, quando Valdivia, ao "chutar o vácuo", contundiu-se, e teve que ser substituído. O nervosismo do Palmeiras cresceu, e o time deixou de predominar, chegando ao auge quando Danilo foi expulso, depois de um carrinho frontal sobre Liedson, que só não se quebrou por ter levantado o pé, defensivamente. O Corinthians melhorou na partida, mas não conseguiu tirar proveito da vantagem de jogar com um homem a mais.

No segundo tempo, o Palmeiras surpreendeu, partindo para o ataque, e surpreendendo o Corinthians. Aos 5 min, Julio César foi obrigado a fazer uma defesa espetacular de Julio César. A postura ofensiva do adversário surpreendeu o Corinthians, que, aos 7 min, viu Marcos Assunção cobrar escanteio para Leandro Amaro, de cabeça, abrir o placar: Palmeiras 1X0.

O técnico Tite, incontinenti, sacou Alessandro para a entrada de Ramirez, e Dentinho, por Willian. Teve estrela: aos 18 min, Após cobrança de escanteio, Willian cabeceou, a defesa do Palmeiras ainda tirou a bola, mas ela há havia ultrapassado a linha: 1X1. Mordido, o Palmeiras não arregou. E não desistiu de buscar o ataque. Aos 25 min, Marcos Assunção fez bela ijogada na área e Luan finalizou de primeira, mas Júlio César salvou a meta corintiana, em outra grande defesa. Tite, percebendo que o time ainda não estava tão bem quanto podia se esperar, tirou Bruno César e colocou Morais. O time melhorou, passou a ameaçar mais, deixando ao Palmeiras os contra-ataques. No final do jogo, o Corinthians passou a acuar o Palmeiras em seu campo, mas não conseguiu evitar os pênaltis. Nas cobranças, Julio César defendeu o sexto chute palmeirense, e o Corinthians vai a final contra o Santos.

Enviado por: Dirceu Felipe de Barros

Veja Mais:

  • Em vídeo, Gabriel reitera desculpas por gesto obsceno: 'Não faz parte do meu caráter'

    Em vídeo, Gabriel reitera desculpas por gesto obsceno: 'Não faz parte do meu caráter'

    ver detalhes
  • Clayson comemora gol sobre o São Paulo, o primeiro dele pelo Timão

    Na raça! Clayson decide, Corinthians empata no Morumbi e mantém invencibilidade contra rival

    ver detalhes
  • Líder do Brasileirão, Corinthians empatou com o São Paulo por 1 a 1 neste domingo

    Com tropeço do Grêmio, Corinthians vê rivais se aproximarem na tabela; veja classificação

    ver detalhes
  • Clayson assegurou empate fora de casa ao Timão

    Cássio brilha, mas reserva é eleito o melhor do Corinthians no clássico; Jadson destoa

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes