Timão mais perto de Alex: 'O acerto está próximo', diz o gerente Edu

Timão mais perto de Alex: 'O acerto está próximo', diz o gerente Edu

Por Meu Timão

O meia Alex, do russo Spartak Moscou, está bem perto de acertar um contrato de três anos com o Corinthians. A proposta alvinegra já está com o clube europeu e o acerto pode acontecer a qualquer momento. Edu Gaspar, gerente de futebol do Timão, não se arrisca a fazer uma previsão. Mas está otimista.

- A proposta já está com os russos há algum tempo. Não sei dizer se vai se concretizar amanhã, depois ou daqui uma semana. Se eu fizesse uma previsão, estaria mentindo. O que sei é que o acerto com o Alex está próximo. As coisas estão bem encaminhadas – declarou o ex-volante.

Edu Gaspar evita também cravar os valores, mas não nega que os russos pediram € 7 milhões (R$ 16,7 milhões) e que o Corinthians pode aceitar pagar em torno de € 6 milhões (R$ 13,9 milhões). Segundo o gerente, os valores reais são parecidos.

- Eu saí do clube hoje e não tinha nada concretizado. Mas eu posso dizer que os valores estão perto disso. Só não posso dizer ao certo – acrescentou Edu.

Revelado no Guarani, o meia Alex ganhou destaque nacionalmente no Internacional. Aos 29 anos, ele pretende deixar a Rússia para jogar no Timão.

Fonte: Globo Esporte

Veja Mais:

  • Clayson foi escolhido por Carille para, mais uma vez, substituir Jadson

    Corinthians encerra preparação, e Carille mantém escalação sem Jadson para jogo deste sábado

    ver detalhes
  • Jadson começa a partida deste sábado no banco de reservas

    Com retorno de Jadson, Corinthians divulga lista de relacionados para jogo contra Vitória

    ver detalhes
  • Fagner já tem 208 jogos, sete gols e dois títulos pelo Corinthians

    Fagner fala sobre fazer história no Corinthians, revela papo com Léo Príncipe e manda recado à Fiel

    ver detalhes
  • Carille em coletiva na manhã desta sexta-feira, no CT Joaquim Grava

    Carille vê rivais fazendo pegadinha e refaz as contas para o hepta do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes