Corinthians consegue 25% de desconto em terraplenagem do Fielzão

Corinthians consegue 25% de desconto em terraplenagem do Fielzão

2.9 mil visualizações 0 comentários Comunicar erro

A terraplenagem do “Fielzão”, futuro estádio do Corinthians, indicado por São Paulo para abrir a Copa do Mundo de 2014, custará 25% menos do que o orçamento inicial. O clube pechinchou com a construtora Odebrecht, responsável pela obra, porque pode ser obrigado a arcar com o valor ao final do serviço, em setembro. O custo ficou em torno de R$ 22 milhões, menos do que os R$ 30 milhões orçados no começo.

O clube e a empresa assinaram acordo somente para a terraplenagem. O restante da obra, que a princípio ficaria com a própria Odebrecht, pode ser repassado para outra construtora, já que o orçamento de R$ 1,07 bilhão assustou o Corinthians. O clube já procurou a Serpal, empresa que tem como um dos sócios Juan Quirós, ex-presidente da Apex (Agência Brasileira de Promoção de Exportações) no governo Lula, para que um outro orçamento seja feito. A Camargo Corrêa, que já faz uma obra quase ao lado do terreno do futuro estádio em Itaquera, Zona Leste de São Paulo, também foi consultada.

Corinthians consegue 25% de desconto em terraplenagem do Fielzão

Fonte: IG

Enviado por: Felipe Ernani Lancieri Fernandes

Veja Mais:

  • Maycon (à esq.) não fica após Copa; Rodriguinho e Jadson devem receber ofertas

    Andrés diz que Corinthians deve perder três titulares durante janela de transferências

    ver detalhes
  • Walmir e Carille batem papo durante treino; ambos deixam Corinthians rumo ao Al-Wehda

    'Pego de surpresa', braço-direito de Carille diz ter poucas informações sobre clube saudita

    ver detalhes
  • Balbuena foi capitão na última partida entre os dois times

    Corinthians defende bom retrospecto contra o Internacional neste domingo; veja números

    ver detalhes
  • Bicicleta de Bale inspira zoeira entre corinthianos na web: 'Parecia o Romero!'

    Bicicleta de Bale inspira zoeira entre corinthianos na web; confira melhores tweets

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes