Com negócio avançado, Tite apoia chegada de chinês ao Corinthians

Com negócio avançado, Tite apoia chegada de chinês ao Corinthians

Por Meu Timão

O técnico do Corinthians aprovou a contratação de um chinês, ainda que o jogador não chegue para reforçar o time exatamente dentro das quatro linhas do gramado. A assessoria de imprensa do clube confirmou que o negócio, revelado pela GE.Net na manhã da última terça-feira, está adiantado.

"O Rosenberg (Luis Paulo Rosenberg, diretor de marketing) coloca aquilo que é importância para o clube como entidade, para ter intercâmbio e abrir situações de marketing, que transcendem o lado de dentro do campo", comentou Tite, mostrando-se preparado a levar adiante a ideia incomum.

A intenção do departamento de marketing é explorar a força de sua fornecedora de material esportivo no país asiático (o mais populoso do mundo) para expandir a marca Corinthians mundialmente. "Nós temos uma coisa muito forte para internacionalizar a marca do clube que é a Nike, que é a maior vendedora de material esportivo na China", empolga-se Rosenberg.

O atleta procurado não teria dificuldade para se adaptar ao clube, pois, conforme a reportagem antecipou, ele sabe falar português. Pelo projeto, o chinês poderia ser escalado nos minutos finais de partidas fáceis da equipe ou nem mesmo entrar em campo. Tite, entretanto, diz que gostaria de avaliar a qualidade do "reforço" se sua contratação for efetivada pela diretoria.

"A partir do momento em que ele estiver aqui, vou ter uma condição de avaliação maior. Isso (ideia de contratar um chinês) é de dimensão maior, da grandeza do Corinthians", comentou.

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Mais:

  • Gustavo Scarpa está negociando com o Corinthians para 2018

    Arquirrival perde força, e Corinthians volta ao páreo pela contratação de Scarpa

    ver detalhes
  • Flávio Adauto não é mais diretor de futebol do Corinthians

    Em nota oficial, Corinthians anuncia saída de Adauto e Piovesan

    ver detalhes
  • Andrade permanece à frente do Corinthians apenas até fevereiro de 2018

    Corinthians estima superávit em 2018; clube pretende arrecadar R$ 50 milhões em vendas

    ver detalhes
  • Alessandro falou sobre o planejamento do Corinthians para 2018

    Alessandro explica busca de reforços e comenta volta de dois emprestados: 'Díficil'

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes