Causos de Gilmar Fubá transformam programa de Neto em atração humorística

Causos de Gilmar Fubá transformam programa de Neto em atração humorística

Por Meu Timão

1.8 mil visualizações 0 comentários Comunicar erro

Gilmar Fubá jogava pelo Corinthians em 1996

Gilmar Fubá jogava pelo Corinthians em 1996

Gilmar Fubá foi um dos convidados desta sexta-feira no programa vespertino “SP Acontece”. O ex-volante do Corinthians fez todo mundo gargalhar com uma série de causos da época em que ainda jogava. Confira a seguir uma breve seleção das histórias de Fubá, que deixaram o apresentador Neto desnorteado de tanto rir.

A BMW

“Quando fomos campeões mundiais pelo Corinthians, depois de dois dias, caiu R$ 190 mil na conta. Aí eu fui lá, passei o cartão, vi aquilo tudo de dinheiro, nunca tinha visto tanto na conta, e pensei: ‘Acho que depositaram errado’. Fiquei quietinho. Fui no banco e falei: ‘Quero tirar tudo isso de dinheiro’. Mas a mulher disse que precisava avisar com antecedência, essas coisas. Depois de cinco dias eu peguei uma mala, fui lá, peguei todo o dinheiro e fui comprar uma BMW. Cheguei lá de calção e havaianas, e disse: ‘Quero comprar aquela BMW’. O cara enrolou e perguntou como eu ia pagar. Abri a mala cheia de dinheiro e ele falou: ‘Fecha isso aí, fecha isso aí’. Paguei a BMW e levei embora. Chegou em São Mateus, não tinha nem garagem para ela. Minha mãe ficou preocupada e disse: ‘E agora, onde vai pôs esse carro?’. Eu disse para deixar ali na rua mesmo, mas a minha mãe foi dormir lá dentro. ‘Toma conta aí então’, eu falei. Eu tinha que descansar direito para treinar. Mas a BMW é confortável!”.

No Qatar

“Cheguei lá e não sabia falar árabe, não sabia nem falar português direito. Mas eu ficava quatro, cinco horas conversando com os árabes. O Osvaldo de Oliveira ficava doido comigo. No final, eu fui até o capitão do time, sem saber nada. Tinha um iraniano lá que aprendia fácil o português. E eu ensinava ele a falar português. Aí um dia eu tava no DM e ele perguntou o que eu tinha, eu falei: ‘migué’. Expliquei o que era migué para ele em português. E um dia ele tava deitado lá no DM, e chegou um fisioterapeuta brasileiro, que perguntou para o Osvaldo o que ele tinha: ‘Esse aí tá de migué’. O iraniano levantou e começou a dizer: ‘migué não!’”.

Evaristo de Macedo

“Fomos jogar contra a Inter de Limeira, estava eu e todo mundo no banco. E o Evaristo jogou no Barcelona, no Real Madrid, então para ele, ele é o melhor do mundo. E ele chegava lá e dizia: ‘Olha esse Vampeta, como ele pode ser jogador de seleção? Olha esse Rincón, esse Gamarra, eles são muito ruins!’. A gente só ria no banco. Aí ele olhou para nós no banco e falou: ‘Vocês estão rindo do quê? Vocês são reservas deles!’”.

Joel Santana

“Em 97, a gente estava para cair para a segunda divisão, com a batata assando, aí ele chamou todo mundo, mas só a comissão e os jogadores, disse que a diretoria ia ficar de fora. Então a gente estava sentado, ouvindo ele falar: ‘A culpa não é de vocês não, a culpa é da diretoria’. Mas o diretor chegou e ele não viu. Os caras estavam cutucando ele para falar que o diretor estava chegando. Quando ele olhou para trás e viu o diretor, ele disse: ‘A culpa é dessa diretoria, que contratou todas essas merdas aí’. Olha a pipocada que ele deu na hora”.

Mirandinha 1

“Antigamente a gente jogava o Campeonato Paulista no Parque São Jorge. Então, o alambrado fica pertinho do banco de reservas. E tinha uns torcedores chatos para caramba ali atrás. O Evaristo no banco e o torcedor: ‘Tira o Mirandinha, tira o Mirandinha!’. O Evaristo só quieto. ‘Tira o Mirandinha!’. Aí o Evaristo olhou para trás e falou: ‘Do jeito que eu estou sofrendo, você vai sofrer também’. Aí o Evaristo começou a gritar: ‘Faz cagada, Mirandinha, faz cagada, Mirandinha!’. E ele não tirou o Mirandinha”.

Mirandinha 2

Tem uma história dele engraçada de quando ele foi para Belém do Pará, jogar no Paysandu. Aí no jogo de estreia dele ele fez dois gols, o Mirandinha. Aí acabou o jogo e os caras falaram para ele: ‘Ô, Mirandinha, no jogo de estreia já fez dois gols, que prazer!’. E ele disse: ‘Para mim, é um prazer imenso fazer dois gols na terra onde Jesus nasceu, que é Belém’”.

Fonte: UOL

Veja Mais:

  • Titular diante do Botafogo, Roger é 'baixa inesperada' para clássico no Morumbi

    Roger sofre entorse e desfalca Corinthians no Majestoso; veja três possibilidades de escalação

    ver detalhes
  • Por que o Morumbi é o Salão de Festas do Corinthians | 68

    VÍDEO: Por que o Morumbi é o Salão de Festas do Corinthians | 68

    ver detalhes
  • Clayson reforça Timão no primeiro clássico pós-Copa do Mundo; Roger está fora

    Sem Roger, Loss relaciona Douglas e ganha retorno de atacante para clássico contra São Paulo

    ver detalhes
  • Douglas foi apresentado na tarde desta sexta-feira no CT

    Apresentado no Corinthians, Douglas se diz 200% curado de doença e já se coloca à disposição

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes