Diretor do Corinthians aconselha marketing do Palmeiras

Diretor do Corinthians aconselha marketing do Palmeiras

Por Meu Timão

A relação entre Corinthians e Palmeiras fora de campo tende a ficar mais próxima. O diretor de marketing corintiano, Luis Paulo Rosenberg, reuniu-se nesta semana com Rubens Reis, principal diretor de marketing palmeirense, para debater projetos. O encontro, no entanto, incomodou membros do departamento de marketing alviverde.

Do almoço que teve com Rosenberg, Reis voltou ao Palmeiras com determinadas ideias que irritaram outros profissionais do clube, como concentrar ações de marketing em torcedores de origem italiana. O diretor corintiano, inclusive, comentou assuntos tratados pessoalmente em e-mail que foi repassado aos membros do marketing palmeirense.

"Nós almoçamos para falar de marketing, de projetos, e foi só isso. Ele é do Corinthians, eu sou do Palmeiras, mas o marketing dos clubes precisa conversar. Eu até falei de um projeto que estava a fim de fazer, de repente, unindo Palmeiras e Corinthians no futuro", conta Reis, desconfortável com a questão, à Máquina do Esporte.

Rosenberg, por sua vez, minimizou a versão de que está aconselhando o marketing palmeirense. "Cada clube tem sua alma, e é com ela que o marketing trabalha: o que vale para o Timão vale zero para o Palestra", explica o dirigente alvinegro. "Se o Rubens precisasse de conselho técnico, teria centenas de profissionais mais bem preparados".

A proximidade entre os clubes não é inédita. Ao participar do G4, entidade composta por Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo, os rivais paulistas já se reuniram diversas vezes. Na maioria das ocasiões, os respectivos presidentes foram aos encontros, mas, no início do grupo, também houve reuniões entre membros do marketing.

Em outro caso recente, o Vasco, quando descendeu à segunda divisão do Campeonato Brasileiro, buscou o marketing do Corinthians para obter novas ideias. Como o clube paulista havia estado na Série B anos antes, o time carioca pretendia se aproximar dele para colher bons exemplos. De volta à elite, a atitude de fato funcionou.

Fonte: Máquina do Esporte

Veja Mais:

  • Dupla Jô-Rodriguinho já não se mostra mais tão efetiva quanto em outros tempos

    Corinthians leva dois gols de bola área, perde do Botafogo e fica pressionado no Brasileirão

    ver detalhes
  • Clayson falou com a imprensa brevemente: 'Não foi nada demais'

    Atacante do Corinthians é conduzido por policiais a prestar esclarecimentos no Rio

    ver detalhes
  • Corinthians de Carille perdeu do Botafogo na noite dessa quarta-feira

    Torcida 'perdoa' cinco jogadores e dá pior nota a Carille após derrota do Corinthians no Rio

    ver detalhes
  • Acorda, presidente!

    [Walter Falceta] Acorda, presidente!

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes