Paulinho sofre até o gol de Ramirez

Paulinho sofre até o gol de Ramirez

Por Meu Timão

2.5 mil visualizações 0 comentários Comunicar erro

Enquanto o Corinthians superava o Ceará, no Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, o volante Paulinho, suspenso por causa do terceiro cartão amarelo, sofria em sua casa na frente da televisão junto com familiares e um casal de amigos. Com a fisionomia tensa desde o início do confronto, o volante do Timão murmurava em voz baixa ‘meu Deus’, toda vez que a equipe cearense chegava ao ataque.

É preciso ter três corações para aguentar este sofrimento. Fico muito mal de estar neste sofá e não poder ajudar, afirmou o jogador, que retornará à equipe no domingo, no Pacaembu, contra o Atlético-MG.

Durante o intervalo, Paulinho preveu o que aconteceria na etapa final. Vamos fazer o gol aos 45 minutos e o Palmeiras aos 41, disse.

E a profecia se concretizou. Quando o arquirrival empatou no Pacaembu, Paulinho não se conteve: Falta só um golzinho nosso.

Quando Ramirez marcou o gol da vitória, Paulinho não se conteve e pulou como uma criança. Aos gritos, abraçou os familiares e desabafou: Que sufoco. Agora eu volto e é rumo ao título.

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Roger marcou o segundo gol corinthiano no duelo deste domingo

    Corinthians vira nos acréscimos, mas ainda leva gol de empate e tropeça no Vitória

    ver detalhes
  • Corinthians empatou com o Vitória em 2 a 2 nesta rodada

    Concorrentes tropeçam, e Corinthians abre leve distância para Z4; veja classificação

    ver detalhes
  • Ralf foi eleito craque da partida no entendimento dos torcedores do Corinthians

    Veteranos são eleitos 'craques' do Corinthians no Barradão; Avelar beira nota zero

    ver detalhes
  • Jadson foi autor do primeiro gol do Corinthians contra o Vitória, em Salvador

    Jadson reconhece situação desconfortável do Corinthians no Brasileiro e lamenta 'gols dados'

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes