Justiça mantém reunião do Corinthians por erro primário em liminar

Justiça mantém reunião do Corinthians por erro primário em liminar

Por Meu Timão

787 visualizações 0 comentários Comunicar erro

A Justiça recusou o pedido de liminar contra a reunião da última quarta-feira do Conselho Deliberativo do Corinthians por um erro primário na ação. O presidente do Conselho, Carlos Senger, que é procurador de Justiça aposentado, apresentou a ação no Fórum da Lapa e não no do Tatuapé, onde fica a sede do clube.

Fonte: Lancenet

Veja Mais:

  • Ramiro possui contrato com Grêmio até 2021; Timão contatou pai do atleta

    Corinthians consulta pai de Ramiro, do Grêmio, e mostra interesse no meia

    ver detalhes
  • CT da Base já está sendo utilizado pelas equipes sub-15, sub-17 e sub-20; gramados estão prontos

    Corinthians define duas etapas de finalização das obras do CT da base; orçamento é de R$ 25 milhões

    ver detalhes
  • Arthur, agora ex-Corinthians, em ação contra o rival São Paulo; atleta está livre

    Corinthians dispensa atacante de 17 anos que marcou nove gols em 2018

    ver detalhes
  • Matheus Matias será emprestado pelo Corinthians em 2019

    Corinthians empresta Matheus Matias com cláusula contratual inspirada em Arana

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes