Justiça mantém reunião do Corinthians por erro primário em liminar

Justiça mantém reunião do Corinthians por erro primário em liminar

Por Meu Timão

A Justiça recusou o pedido de liminar contra a reunião da última quarta-feira do Conselho Deliberativo do Corinthians por um erro primário na ação. O presidente do Conselho, Carlos Senger, que é procurador de Justiça aposentado, apresentou a ação no Fórum da Lapa e não no do Tatuapé, onde fica a sede do clube.

Fonte: Lancenet

Veja Mais:

  • Meia fica fora de treino de bolas paradas e pode iniciar jogo no banco

    Carille ensaia escalação do Corinthians sem Jadson; definição fica para sexta

    ver detalhes
  • Jô recordou caso em que foi vítima de ofensa racista com Love na Rússia

    Jô lamenta injúria racial no Nilton Santos e lembra episódio na Rússia

    ver detalhes
  • Reforço do Barcelona, Paulinho foi apresentado à torcida e à imprensa nesta quinta-feira

    Apresentado no Barcelona, corinthiano Paulinho diz não temer pressão

    ver detalhes
  • Diante do Grêmio, Paulo Roberto teve melhor atuação com camisa do Corinthians

    Corinthians acerta contratação definitiva de Paulo Roberto, garante diretor

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes