Tite comemora por ter dado 'algo diferente' ao Corinthians em 2 a 1

Tite comemora por ter dado 'algo diferente' ao Corinthians em 2 a 1

Por Meu Timão

As mexidas de Tite depois de o Corinthians ter saído atrás no placar, na tarde deste domingo, influenciaram diretamente no triunfo de virada por 2 a 1 sobre o Atlético-MG, no Pacaembu. A principal delas foi a saída de Willian - e não Liedson - para a entrada de Adriano, uma vez que justamente os dois atacantes que ficaram em campo foram os responsáveis pelos gols.

'Eu tinha que fazer algo diferente para que nossa equipe pudesse crescer. Coloquei um segundo pivô. Quem quiser ouvir, que ouça, quem quiser achar que é balela, que ache. Mas coloquei dois homens enfiados e dois meias, porque o Emerson trabalhou como meia com o Alex. Mesmo com o Willian bem, eu precisava modificar a estrutura. Não poderia perder o poder de finalização do Liedson. Aí foi o algo de diferente para mexer no jogo', analisou o comandante.

A leve insatisfação de Tite depois da partida foi uma resposta às vaias que recebeu no momento da substituição de Willian. O camisa 7 era talvez o melhor atleta do Corinthians em campo, mas foi sacrificado em virtude do esquema tático pensado pelo treinador, que admitiu não ter gostado do que ouviu. Ele se mostrou ciente, porém, de que a cobrança seria natural pelo placar adverso.

'A gente absorve. O torcedor só vai recobrar a razão 24 horas depois, quando assistir ao que vocês disserem. Ele vai entender. Se eu ficar chateado, se o Danilo (também vaiado ao deixar o gramado para a entrada de Alex) ficar chateado, os errados seremos nós. Torcedor é paixão, eu sou assim também. É um momento de equilibrar as coisas. Mas humanamente ninguém gosta de ser vaiado. Só que tem que absorver isso', completou Tite, sempre muito pressionado no cargo.

O triunfo de virada sobre o Atlético manteve o Corinthians por mais uma rodada na liderança do Campeonato Brasileiro, agora com 67 pontos ganhos, dois a mais do que o segundo colocado Vasco. No domingo que vem, o time volta a campo diante do Figueirense podendo ser campeão brasileiro a depender do resultado da equipe carioca, que fará clássico contra o Fluminense.

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Mais:

  • Guilherme Siqueira foi contratado pelo Atlético de Madrid em 2014

    Ex-Atlético de Madrid, lateral ítalo-brasileiro é sondado pelo Corinthians

    ver detalhes
  • Artilheiro do Brasileirão, Jô pode levar novo gancho do STJD

    Jô e Clayson, do Corinthians, voltam a ser julgados no STJD

    ver detalhes
  • O diário da invasão -  Cinco anos de um feito histórico

    [Rafael Castilho] O diário da invasão - Cinco anos de um feito histórico

    ver detalhes
  • Antonio Roque Citadini é candidato da oposição à presidência do Timão

    Em defesa à Arena, Citadini lembra crime fiscal de Andrés: 'Arrebentou com as finanças'

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes