Tite continua cauteloso, mas quer curtir boa fase

Tite continua cauteloso, mas quer curtir boa fase

Por Meu Timão

A relação do Corinthians com o título do Brasileirão, para Tite, continua em clima de uma paixão cautelosa, mesmo com o namoro em estágio de lua de mel e prestes a virar um casamento definitivo com a quinta taça nacional na história do clube. Em tom de brincadeira, o técnico corintiano exemplificou o exigido aos seus jogadores para não caírem na euforia da torcida pela conquista, já neste domingo, contra o Figueirense, no Orlando Scarpelli. Para isso ocorrer, o Vasco precisa empatar com o Fluminense, domingo, no Engenhão.

Tem que trabalhar bem na semana para ganhar o jogo no fim de semana. É o que eu digo, continua namorando antes, para casar tem que namorar antes, enfatizou Tite que, certa vez, brincou com jornalistas e salientou que sua esposa Rosmari fez ‘greve de namoros’, no momento em que vivia um clima de pressão no clube, com torcedores pedindo sua demissão por resultados ruins.

Após o jogo contra o São Paulo, no dia 21 de setembro, Rosmari disse que só voltaria a namorar depois de uma vitória. No jogo seguinte, Tite conseguiu quebrar suas restrições amorosas com o resultado de 1 a 0 contra o Bahia, no dia 25 de setembro. Restando duas rodadas para o fim, o técnico tem um argumento mais conveniente para, assim, conseguir relaxar e conseguir extrair o seu máximo. Agora, vou fazer o inverso. Tenho que namorar antes para ficar bem para os jogos (risos).

Apesar de reconhecer a dificuldade de desviar seu pensamento do Corinthians em seus momentos de descanso, Tite adota um estilo mais retraído neste momento decisivo do torneio. Vocês (jornalistas) não vão gostar, mas é preciso filtrar a mídia. Gosto da relação profissional com vocês, mas nesses momentos prefiro me recatar um pouco. Não ficar exposto em programas ao vivo, ficar mais quieto no meu canto, concluiu.

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Artilheiro do Brasileirão, Jô pode levar novo gancho do STJD

    Jô e Clayson, do Corinthians, voltam a ser julgados no STJD

    ver detalhes
  • O diário da invasão -  Cinco anos de um feito histórico

    [Rafael Castilho] O diário da invasão - Cinco anos de um feito histórico

    ver detalhes
  • Antonio Roque Citadini é candidato da oposição à presidência do Timão

    Em defesa à Arena, Citadini lembra crime fiscal de Andrés: 'Arrebentou com as finanças'

    ver detalhes
  • Pablo foi campeão paulista e brasileiro pelo Corinthians em 2017

    Corinthians volta a negociar com Pablo e pode contratá-lo para 2018, diz portal

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes