Flu deve pegar o Boca; Inter pode subir o morro

Flu deve pegar o Boca; Inter pode subir o morro

Por Meu Timão

Eduardo de Luca no sorteio da Copa Libertadores 2012

Eduardo de Luca no sorteio da Copa Libertadores 2012

Foto: Jorge Adorno/Reuters

 Os grupos para a Libertadores de 2012 foram sorteados, mesmo sem alguns estarem definidos, pois os campeonatos nacionais estão em suas retas finais, já dá para se ter uma ideia do que vem por aí. Confira abaixo o que pode estar no caminho dos clubes brasileiros.

Pré-Libertadores

O time que ficar com a vaga 'Brasil 5', que hoje seria o Internacional, terá como principal adversária a altitude. O confronto será contra o Real Potosí, com 4.100 metros de altitude. O clube, que ficou conhecido no Brasil após jogar contra o Flamengo em 2007. O time sentiu muitas dificuldades no alto da montanha e empatou em 2 a 2. Na última quarta-feira, o time comandado pelo argentino Dalcio Giovagnoli jogou pelo Apertura, e perdeu por 3 a 2 para o Guabira. Ainda assim, lidera o grupo A.

O 'Brasil 6', atualmente o Figueirense, vai até a Colômbia. Provavelmente para jogar contra o Once Caldas. O campeão da Libertadores de 2004 pode conseguir a vaga por ser o clube com mais pontos juntando o Apertura e o Finalización, equivalentes a primeiro e segundo turnos, respectivamente. O destaque do time é Pajoy. No último sábado, o atacante fez três gols contra o Cúcuta, na goleada de 5 a 0.

Grupo 1

O Santos ainda não tem o seu grupo definido, mas pode esperar por Alianza Lima, Universitário e Tolima.

O Alianza já está garantido na final do Campeonato Peruano, e entra como favorito, pela melhor campanha que faz na temporada. O destaque é o paraguaio Ovelar, artilheiro do time.

O Universitário é o da Bolívia, e não o do Peru, que acabou de ser eliminado pelo Vasco na Sul-Americana. O destaque do time é o atacante argentino Castilla, que já esteve lá em 2008 e voltou, além do capitão Liendo.

Depois do Corinthians, o Santos pode ver pela frente o Tolima. O clube colombiano ainda terá que passar pelo quinto colocado do Brasileirão.

Grupo 4

O Fluminense pode pegar uma pedreira. Atualmente na posição de 'Brasil 4', o tricolor pode ter na frente o Boca Juniors, além de outro argentino, além do Zamora, da Venezuela. O time de Riquelme dispensa apresentações. Líder absoluto na Argentina, está muito perto de ser campeão do Apertura, que garanta a vaga neste grupo.

O Zamora garantiu vaga após vencer o Clausura de 2011. Seu segundo título em sua história. O clube não tem tradição internacional, nunca participou da Libertadores, e foi apenas duas vezes para a Sul-Americana.

A outra vaga vai sair do confronto entre Arsenal de Sarandí, da Argentina, e provavelmente o Huancayo, do Peru.

O Arsenal conseguiu a vaga por ser o clube do país mais bem colocado na Sul-Americana (o Vélez, que ainda está na competição, já está na Libertadores, então deixa a vaga aberta). Torneio em que foi campeão em 2007. O clube vive fase irregular. Ocupa apenas a oitava posição no Apertura, que está na reta final.

Fundado em 2007, o Sport Huancayo é um estreante da Libertadores. O clube está perto de ser o terceiro lugar do Campeonato Peruano, principalmente por causa da série invicta de cinco jogos, incluindo uma vitória sobre o Alianza por 2 a 0, fora de casa.

Grupo 5

O Vasco já sabe um adversário da primeira fase da Libertadores: o Nacional do Uruguai. 'Peru 2' e o vencedor de 'Paraguai 4' e 'Equador 3' fecham o grupo.

O tradicional clube uruguaio conseguiu a vaga por conquistar o Campeonato Uruguaio de 2011. A defesa do Nacional tem o experiente Placente, que jogou no River Plate e Bayer Leverkusen, e o ex-vascaíno Jadson Viera. E no ataque contra com o perigoso Boghossian.

Momentaneamente, o 'Peru 2' é o Juan Aurich. O clube comandado pelo colombiano Cicilian é o segundo lugar no Campeonato Peruano. O 'Ciclone do Norte' tem a chance de participar de sua terceira Libertadores.

A outra vaga pode vir de um confronto entre um outro Nacional, mas o do Paraguai, e o Deportivo Quito.

Grupo 6

O provável grupo do Corinthians já está quase definido. O Deportivo Táchira, da Venezuela, e Cruz Azul, do México, já estão certo. O Libertad, do Paraguai, deve completar.

O colombiano Sergio Herrera é o artilheiro do Táchira, que foi o campeão venezuelano deste ano. O clube quer aproveitar o crescimento do futebol de seu país e fazer de sua 21ª participação a melhor de sua história, superando 2004, quando esteve nas quartas.

O Cruz Azul foi vice-campeão em 2001, e teve a mesma colocação no Mexicano deste ano, por isso a vaga. O time tem como capitão e líder em campo o meia Torrado, e conta com os gols do argentino Giménez, que foi ídolo no Pachuca e mudou de time.

A outra vaga ainda está indefinida, mas tudo aponta ao Libertad. O clube paraguaio foi eliminado na Copa Sul-Americana pelo Vélez Sarsfield, da Argentina. O time é presença frequente na Libertadores, mas o mais longe que chegou foi às semi-finais, em 1977 e 2006.

Fonte: Lancenet

Veja Mais:

  • Resultados do domingo pressionam Corinthians para duelo desta segunda-feira

    Rivais vencem na rodada e diminuem vantagem do Corinthians na liderança; veja classificação

    ver detalhes
  • O Timão não conseguiu passar pelo Sorocaba na tarde deste domingo

    Gol ilegal e confusão da torcida: Corinthians/UNIP fica com o vice da Liga Paulista de Futsal

    ver detalhes
  • Corinthians/Guarulhos disputou a segunda rodada da Superliga de Vôlei neste domingo

    De virada, Corinthians/Guarulhos vence Minas e conquista primeira vitória na Superliga

    ver detalhes
  • Léo Príncipe, Maycon e Fagner estão na lista de jogadores divulgada pelo Corinthians

    Sem Pablo e Pedrinho, Corinthians relaciona 22 jogadores contra o Botafogo

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes