Andrés Sanchez não descarta ser presidente da CBF

Andrés Sanchez não descarta ser presidente da CBF

Por Meu Timão

457 visualizações 0 comentários Comunicar erro

Entrevista com Andrés Sanchez

Entrevista com Andrés Sanchez

Foto: Bruno Uliana

Depois de ser anunciado, na última sexta-feira, o novo diretor de Seleções da CBF, Andrés Sanchez, não descarta suceder Ricardo Teixeira após 2015 na presidência da entidade. Apesar de dizer que esta não é a sua pretensão, Andrés deixa o futuro incerto.

- Faltam quatro, cincos anos, ninguém sabe o que vai acontecer. E se eu falar que não tenho pretensão e daqui a cinco anos acontece? Vão falar: tá vendo, ele disse que não queria. Tem muita gente na minha frente para suceder o Ricardo - afirmou em entrevista ao jornal 'Estado de São Paulo'.

Andrés Sanchez ainda desconversou se o novo cargo na CBF seria um indício para ele lançar candidatura ao cargo de presidente e suceder Ricardo Texeira.

- Não tenho obrigação nenhuma. O Ricardo tem mandato até 2015, e depois são as federações, clubes, que vão decidir o próximo presidente. Não trabalhei para esse cargo, não fiz campanha, só trabalhei bastante para ser presidente do Corinthians - declarou.

O corintiano ainda falou que não poderia ter recusado o convite de Ricardo Teixeira para assumir o cargo. Para ele, o cartola foi 'parceiro do Corinthians'.

- Porque acho que vai ser importante e não podia falar não para o Ricardo Teixeira e virar as costas para a nação. Pesou minha relação com o Ricardo. Ele foi parceiro do Corinthians, meu, parceiro não de ganhar. Estou dizendo coisas que existem no futebol e os jornalistas não acreditam muito. Calendário, horário? Aparentemente ele parece um cara fechado, mas com dirigentes ele fala muito - justificou.

Fonte: Lancenet

Veja Mais:

  • Corinthians conquistou o Paulistão-2018 em pleno Allianz Parque

    Corinthians conhece seu grupo no Campeonato Paulista de 2019; mata-mata terá VAR

    ver detalhes
  • Diretoria do Corinthians tem 'pepino' de mais de R$ 21 milhões em 2018

    Déficit do Corinthians aumenta em 2018 e ultrapassa R$ 21 milhões; dívida total é de R$ 504 mi

    ver detalhes
  • Caio Mello, fisioterapeuta, antes de um dos jogos do Corinthians

    Reunião com Andrés define situação de membros da comissão técnica que discutiram publicamente

    ver detalhes
  • Jadson é o artilheiro do elenco em 2018, com 15 gols; é o que mais fez com Jair Ventura

    Jadson se torna artilheiro da era Jair Ventura; meia participou de 12 dos últimos 20 gols do Timão

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes