Programa Estação Futebol reúne três ex-presidentes do Corinthians

Programa Estação Futebol reúne três ex-presidentes do Corinthians

Programa Estação Futebol reúne três ex-presidentes do Corinthians

Programa Estação Futebol reúne três ex-presidentes do Corinthians

Um é pouco, dois é bom e três é demais. A velha frase se encaixa perfeitamente na programação espetacular do Programa Estação Futebol, que vai ao vivo, nesta segunda-feira, às 20 horas, pela internet no Portal Futebol Interior e no Canal 13 da Net, terça-feira, às 22 horas. Os únicos três ex-presidentes vivos do Corinthians vão participar do debate: Marlene Matheus, Valdemar Pires e Alberto Dualib.

Na terça-feira, os telespectadores poderão assistir a íntegra do programa no NET Cidade (canal 13 - São Paulo/Capital). E, ao longo da semana, os melhores momentos ficarão disponibilizados no Futebol Interior, através da TV Futebol Interior.

É um encontro inédito. Os três juntos pela primeira vez na televisão. Jamais eles estiveram reunidos para serem sabatinados ao mesmo tempo por um corpo de jornalistas.

Com a impossibilidade estatutária de Andres Sanchez continuar presidente, o que estes três ex-presidente têm a dizer? Certamente muito. Por isso, o Estação Futebol está imperdível nesta segunda-feira (ao vivo pelo Portal Futebol Interior). O cantor Donizete, autor da famosa música ?Galopeira? será o convidado do produtor musical Nil Bernardes.

O perfil de cada ex-presidente
Marlene Matheus representa Vicente Matheus, o mais carismático dos presidentes que o Corinthians já teve. E Marlene, ela própria, depois foi eleita presidenta, num momento em que as mulheres não tinham espaços em clubes de futebol. Ela até foi chamada de ?Evan Peron do Parque São Jorge?, em comparação a ex-esposa do ex-líder político argentino.

Valdemar Pires é simplesmente o presidente da ?Democracia Corintiana?. Foi pelo espírito de sua administração que foi possível tornar realidade a ?democracia? personificada em alguns jogadores, como no ?Doutor Sócrates?, falecido recentemente. Ele é bicampeão paulista (1982 e 1983) no tempo em que o Campeonato Paulista era o principal estadual do país.

E Alberto Dualib foi um supercampeão. Ganhou 15 títulos em 14 anos de presidência. Foi do céu ao inferno. Campeão brasileiro pela última vez em 2005, um ano e meio depois foi afastado pelo conselho deliberativo.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Pablo não deve enfrentar o Atlético Mineiro no domingo

    [Marco Bello] Pablo não deve enfrentar o Atlético Mineiro no domingo

    ver detalhes
  • Corinthians anuncia uniforme especial para partida contra Atlético-MG

    Corinthians anuncia uniforme especial para partida contra Atlético-MG

    ver detalhes
  • Ralf ergueu troféu do hexa do Brasileirão antes de deixar Corinthians

    Ralf diz que não jogaria em rival do Corinthians, explica saída e opina sobre Gabriel

    ver detalhes
  • Pré-temporada de 2018 teve início nesta semana para jogadores do Timão

    Corinthians se antecipa, e jogadores realizam exames cardiológicos para 2018

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes