Corinthians bate o pé e espera sinal positivo do Cruzeiro por Montillo

Corinthians bate o pé e espera sinal positivo do Cruzeiro por Montillo

4.0 mil visualizações 0 comentários Comunicar erro

O Corinthians não pretende pagar mais de 8 milhões de euros (R$ 19,3 milhões) para ter Montillo a partir de janeiro. Este é o valor que o clube paulista ofereceu ao Cruzeiro pelo jogador que deseja sair de Belo Horizonte para disputar a Copa Libertadores.

'A oferta foi feita e agora é como qualquer negociação. Tentamos baixar aqui e eles aumentar lá', disse um diretor do Corinthians, ao iG.

'Mas o Corinthians não vai pagar mais do que está na mesa', completou o membro da diretoria que pediu para não ser identificado.

'Ele vem quando o Cruzeiro liberar. Fiz proposta, mas também entendo (o Cruzeiro). Se tivesse O Montillo também não gostaria de vender', disse o presidente Andrés Sanchez, em entrevista ao SporTV na segunda-feira.

O Cruzeiro estipulou no início das conversas que Montillo só deixaria o clube por 15 milhões de euros (R$ 36 milhões). O clube mineiro gastou R$ 6,4 milhões para contratá-lo em 2010 e tanto para o Corinthians como para seu empresário, Sergio Irigoitia, é bem razoável que o Cruzeiro aceite vendê-lo por quase R$ 20 milhões, mais que o triplo do que foi pago pelo jogador que já tem 27 anos (e fará 28 em abril) e dificilmente receberá uma oferta parecida de clubes europeus.

'O Cruzeiro comprou por US$ 3,5 milhões (R$ 6,4 milhões) e pode vender por 8 milhões de euros. Penso que essa venda seria um bom negócio para o clube, para o jogador, para mim. São momentos, e devemos aproveitar esses momentos. A carreira do jogador é muito curta e acho que o Walter teria muito a ganhar com a mudança', disse Irigoitia, ao jornal 'Estado de Minas'.

O Cruzeiro reluta em aceitar os valores propostos pelo Corinthians e quer receber ao menos 10 milhões de euros (R$ 24 milhões).

Além disso, os cruzeirenses não gostam da forma como o empresário de Montillo conduziu as negociações com o Corinthians, que já lhe apresentou valores de um futuro contrato. O meia receberia no clube paulista valores parecidos aos que ganham os principais jogadores do elenco como Adriano, Liedson, Emerson e Alex. O teto estipulado no Corinthians gira em torno de R$ 350 mil mensais.

'O empresário do Montillo não sabe o que diz. É um louco o senhor Sergio Irigoitia. Não tem nada e até parece que ele não sabe que uma negociação só existe se o Cruzeiro estiver disposto a negociar', disse Dimas Fonseca, diretor de futebol do clube mineiro, ao iG.

Em fim de mandato, o presidente cruzeirense, Zezé Perrella, recomendou que seu sucessor, Gilvan de Pinho Tavares, que assume em janeiro, venda o meia.

'Não existe outra maneira de manter as contas em dia a não ser com a venda de jogadores. Foi assim que mantivemos o clube saneado e conquistamos vários títulos nesses 19 anos (de gestão). Acho muito difícil segurar o Montillo', disse Perrella em entrevista à TV Globo, na última semana.

As informações são do repórter Bruno Winckler, do IG

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Clayson é arma do Corinthians para surpreender no Moisés Lucarelli

    Com novo esquema e Jadson no banco, Corinthians visita Red Bull por redenção antes de Dérbi

    ver detalhes
  • Revelação de 2017, Pedrinho reforça Corinthians diante do Red Bull Brasil

    Com Pedrinho, Carille relaciona 23 no Corinthians para duelo com Red Bull Brasil

    ver detalhes
  • Renê Júnior foi apresentado pelo Corinthians à imprensa em 7 de janeiro

    Reforço de R$ 5 milhões, volante aguarda primeira chance no Paulistão; novo esquema pode ajudá-lo

    ver detalhes
  • Livro 'Sócrates Eterno' será lançado na noite desta segunda, em São Paulo

    Viúva de Sócrates lança autobiografia do ex-jogador do Corinthians nesta segunda em São Paulo

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes