Corintianos famosos têm Montillo como sonho de consumo

Corintianos famosos têm Montillo como sonho de consumo

O ano de 2012 corintiano começa com a ambição da diretoria de dar ao torcedor o presente da contratação do argentino Montillo. Cientes que o meia do Cruzeiro deseja atuar pelo clube por conta da disputa da Libertadores na temporada, os cartolas alvinegros esperam um posição enfática do jogador com a direção cruzeirense para pedir sua liberação pelo valor ofertado pelo Timão para sua contratação. Em caso de sucesso na negociação, tanto o atleta como o Corinthians darão o cobiçado presente do novo ano para a Fiel.

Exigente e sem alívio mesmo depois do anúncio de seis reforços (Cássio, Gilsinho, Felipe, Chen Zhizhao, Elton e Vitor Júnior) para a temporada, a torcida alvinegra sonha com um 2012 ainda mais feliz em comparação ao último que rendeu o penta nacional ao clube de Parque São Jorge. Para isso, os ilustres corintianos exigem Montillo. E o zagueiro Réver, do Atlético-MG, como a ‘cereja do bolo’ alvinegro.

'Ele (Montillo) encaixaria perfeitamente no nosso time. O Montillo me agrada muito. Seria um jogador para estabelecer, definitivamente, a ligação do meio de campo para o ataque. Seria uma bela contratação e eu quero ele no Corinthians o quanto antes. Dá até para sonhar com o meio de campo formado por ele e Alex', disse Osmar de Oliveira, médico e comentarista esportivo.

'Acredito que também precisamos de um zagueiro, porque 2012 será um ano de muitas competições e o Réver, do Atlético-MG, tem o perfil do corintiano e de campeão', prosseguiu, contente com os nomes, vistos por ele como reposição, já contratados pelos Timão.

'Eu quero o Montillo no Corinthians. Ele é fantástico. Se vier, ficaremos muito fortes. O Corinthians tem que contratar jogadores com perfil para a Libertadores, não adianta trazer joagdores que sabem jogar competições pequenas. Tem que ser experientes e que não sintam a pressão. Já temso alguns no elenco, mas precisamos de mais', analisou Hortência, ex-jogadora de basquete, medalhista de prata nas Olimpíadas de 1996, em Atlanta, e campeã mundial em 1994, na Austrália.

Contentes com a base do time formada para iniciar a disputa da Libertadores, os torcedores pedem, no entanto, para diretoria se esforçar muito para ninguém deixar o clube. 'Tem que ficar todo mundo, pois assim conseguiremos montar um time ainda mais competitivo', complementou Osmar de Oliveira. 'Com um elenco forte, com contratações de peso, conseguiremos jogar todas as competições com chance real de ganhar. Você vai ver, será um 2012 mais feliz que este ano', concluiu Hortência.

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Artilheiro do Brasileirão, Jô pode levar novo gancho do STJD

    Jô e Clayson, do Corinthians, voltam a ser julgados no STJD

    ver detalhes
  • Antonio Roque Citadini é candidato da oposição à presidência do Timão

    Em defesa à Arena, Citadini lembra crime fiscal de Andrés: 'Arrebentou com as finanças'

    ver detalhes
  • Pablo foi campeão paulista e brasileiro pelo Corinthians em 2017

    Corinthians volta a negociar com Pablo e pode contratá-lo para 2018, diz portal

    ver detalhes
  • Vasconcelos deve ter contrato estendido com o Timão até o fim de 2019

    Corinthians prepara extensão de contrato a artilheiro da Copinha

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes