Copa 2014: Aldo Rebello contradiz Fifa e diz que Natal será sede da Copa

Copa 2014: Aldo Rebello contradiz Fifa e diz que Natal será sede da Copa

987 visualizações 0 comentários Comunicar erro

Natal, RN, 06 (AFI) - O ministro do Esporte, Aldo Rebello, em visita nesta segunda-feira às obras do estádio Arena das Dunas, que está sendo erguido em Natal para sediar os jogos da Copa do Mundo de 2014, contrariou declarações do secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke. Em passagem pelo Brasil, o cartola afirmou que não tinha como garantir que a capital do Rio Grande do Norte seria sede do Mundial.


Aldo Rebello disse confiar que o Estado potiguar sediará o Mundial. O ministro do Esporte destacou que 'nenhuma cidade-sede será eliminada'. E que o Rio Grande do Norte terá todo o apoio necessário do Governo Federal. 'O Rio Grande do Norte é detentor de todo apoio e confiança do Ministério do Esporte', garantiu durante entrevista coletiva no local das obras da Arena das Dunas.

Ele foi enfático ao afirmar que, para a Copa de 2014, o Brasil chegará com as 12 cidades prontas para sediarem os jogos. Ele destacou que o governo brasileiro tem o acompanhamento completo de todas as cidades-sedes, daí a confiança que não haverá nenhuma eliminação.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Timão levou gol bizarro em Campinas e só empatou com Red Bull

    Defesa bate cabeça, e Corinthians tropeça diante do Red Bull em noite de gols contra

    ver detalhes
  • Renê Júnior (à dir.) fez sua estreia como titular e deixou boa impressão

    'Salva' de tropeço, dupla corinthiana empata na escolha do craque da partida

    ver detalhes
  • Atuação de Romão em derrota para Ponte Preta preocupou comissão técnica

    Após contratar Juninho, Corinthians busca novo lateral-esquerdo no mercado; Carille explica

    ver detalhes
  • Autora da obra, Katia Bagnarelli é viúva do eterno Doutor

    História de Sócrates é celebrada em lançamento de autobiografia nesta segunda-feira

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes