Depois de serem pegos mentindo, São Paulinos mostram inveja do Corinthians

Depois de serem pegos mentindo, São Paulinos mostram inveja do Corinthians

Juvenal ficou com inveja do Corinthians

Juvenal ficou com inveja do Corinthians

Foto: Eduardo Viana

"Parece que o Corinthians não pode ser segundo em nada. Quando algum clube faz algo melhor, a imprensa não admite”. A frase é de um colaborador de Juvenal Juvêncio e faz eco no Morumbi.

A nota assinada por Júlio Cesar Casares, vice de comunicação e marketing, no site oficial do clube na última quarta deixa transparecer essa mágoa com a imprensa.

Ao rebater nota publicada na versão online da revista “Época Negócios”, o dirigente diz que ela foi “eivada por uma combinação de sentimentos ruins”. Cita paixões clubísticas como parte desse suposto coquetel emocional.

O tema era justamente a comparação entre São Paulo e Corinthians via contratos com Penalty e Nike. A reportagem a afirma que são-paulinos e a Penalty inflaram os números do acordo provocando a ilusão de que ele seria melhor do que o do rival.

A cúpula tricolor negou a acusação e se irritou também porque foram contestadas informações divulgadas em seu site oficial. Não gostou de ver o seu canal de comunicação com o torcedor maculado.

Curiosamente, a exposição da rivalidade acontece num momento de paz nos bastidores dos dois clubes.

Fonte: uol

Veja Mais:

  • Jadson e Jô ficam no Brasil e não viajam com o elenco

    Sem três titulares, Corinthians divulga relacionados para viagem à Colômbia

    ver detalhes
  • Romero levou cartão amarelo contra o Grêmio

    Com nova suspensão, Corinthians tem desfalque confirmado para 11ª rodada do Brasileirão

    ver detalhes
  • Jogadores do Corinthians comemoraram (e muito!) gol de Jadson na Arena do Grêmio

    Paulo Roberto dá show, Cássio pega pênalti, Corinthians vence Grêmio e dispara rumo ao hepta

    ver detalhes
  • Comemoração do pênalti defendido pelo Cássio

    Na redação da Band, Neto comemora pênalti defendido por Cássio: 'AQUI É CORINTHIANS P...'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes