Cássio é corintiano mais pressionado na altitude boliviana

Cássio é corintiano mais pressionado na altitude boliviana

Cássio é corintiano mais pressionado na altitude boliviana

Cássio é corintiano mais pressionado na altitude boliviana

Pela primeira vez em sua história o Corinthians estreia na Libertadores sem  o peso de nunca ter vencido a competição. A pressão pelo bicampeonato é infinitamente menor do que era pelo título inédito.

Até os 3.700 metros de altitude de Oruro reduzem a cobrança por uma largada irretocável. Mas nem tanto para Cássio. Um dos heróis das conquistas em 2012, o goleiro é o único dos titulares que vai a campo com uma dose extra de pressão.

Ele não foi bem contra o Palmeiras. Recebeu críticas no segundo gol do rival. E como o tal do 'tempo de bola? é diferente na altitude, Cássio se torna automaticamente o mais ameaçado pelo jogo nas alturas, apesar de não ter que gastar tanto os pulmões como os colegas.

Além disso, será sua segunda partida na temporada. Normalmente, goleiros levam mais tempo para recuperar a forma depois das férias. E Cássio acaba de cuidar de de uma tendinite no ombro. Pelo menos em tese, é o corintiano para quem o San Jose mais pode fazer mal.

Imagem: UOL

Fonte: Terceiro Tempo

Veja Mais:

  • Lanche ganhou até o nome de Pedrinho

    Após pedido do Corinthians, Pedrinho ganha sanduíches de graça e comemora: 'Deu certo'

    ver detalhes
  • Timão e São Paulo voltam a medir forças no dia 24 de setembro, no Morumbi

    CBF detalha rodadas do Brasileiro e marca clássico Majestoso para 'matinê' de domingo

    ver detalhes
  • Danilo estará no banco de reservas contra o Flamengo; jogador ainda não atuará

    Após quase um ano, Danilo volta a ser relacionado no Corinthians

    ver detalhes
  • Romero está fora do duelo diante do Flamengo; Marquinhos Gabriel e Clayson ganham chance

    Com mudanças, Carille confirma equipe que enfrenta o Flamengo; veja escalação

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes