Lei prevê aluguel de R$ 27,1 mil para Pacaembu com portões fechados

Lei prevê aluguel de R$ 27,1 mil para Pacaembu com portões fechados

Lei prevê aluguel de R$ 27,1 mil para Pacaembu com portões fechados

Lei prevê aluguel de R$ 27,1 mil para Pacaembu com portões fechados

Do Blog do Perrone

Nas contas do prejuízo que terá por jogar com portões fechados na Libertadores, o Corinthians pode incluir R$ 27.160,95 por partida no Pacaembu.

Esse é o valor estipulado pelo decreto de lei 53.657 para jogos à noite sem cobrança de ingressos no estádio municipal.

Em situações normais, o aluguel noturno custa é igual a 15% da renda do jogo com um teto de R$ 74 mil.

A diretoria alvinegra calcula também um prejuízo mínimo de R$ 1,7 milhão por jogo por conta da punição pela morte do boliviano Kevin Douglas Beltran. Essa é a quantia mínima que os cartolas projetavam arrecadar em cada confronto como mandante com a venda de bilhetes.

Fonte: Terceiro Tempo

Veja Mais:

  • Kazim deve ter primeira chance como titular no Corinthians

    Carille põe Kazim titular e faz mais duas mudanças; veja provável escalação contra São Paulo

    ver detalhes
  • Cristian interessa à Chapecoense, mas salário é entrave

    Técnico da Chapecoense revela desejo de contar com Cristian

    ver detalhes
  • Arena Corinthians foi palco de semifinal da Copinha em 2016

    FPF nega semifinal na Arena, libera Paulista em Jundiaí e volta a irritar diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Kazim marcou um dos gols da vitória do Timão na Florida Cup

    Corinthians conhece adversário de final da Florida Cup 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes