Libertadores: Conmebol pune Vélez, que jogará com portões fechados

Libertadores: Conmebol pune Vélez, que jogará com portões fechados

O Pau comeu na partida entre Velez e Peñarol

O Pau comeu na partida entre Velez e Peñarol

Depois de punir São Paulo e Corinthians, a Conmebol deu continuidade, neste terça-feira, à sua postura de tentar inibir a violência nos estádios sul-americanos. Nesta noite, o Tribunal Disciplinar da entidade resolveu punir o argentino Vélez Sarsfield pela briga entre a sua torcida com a do Peñarol, na terça-feira passada.

No duelo realizado no Estádio Centenário de Montevidéu, pela Libertadores, diversos membros das duas torcidas se enfrentaram na parte das arquibancadas onde havia a separação entre uruguaios e argentinos. Cadeiras, paus e pedras foram arremessados de um lado para outro, deixando sete feridos. Duas pessoas foram presas.

Punido pela Conmebol, o Vélez vai ter que mandar a sua própria partida da Libertadores com portões fechados, assim como faz o Corinthians.

Este jogo será exatamente contra o Peñarol, na próxima terça-feira. Os argentinos também não poderão contar com o apoio da sua torcida em jogos como visitante até a semifinal. O clube ainda pagará multa de 100 mil dólares. Já o Peñarol recebeu apenas uma multa de 14 mil dólares.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • 'Herói' do Dérbi, Jô deve voltar a ganhar chance como titular diante do Mirassol. Tá querendo!

    Embalado pós-clássico, Corinthians coloca confiança à prova contra sensação do Paulistão

    ver detalhes
  • Gabriel se diz bastante feliz no Corinthians

    Gabriel justifica provocação a ex-clube: 'Faço o que for preciso para defender o Corinthians'

    ver detalhes
  • Corinthians volta a brincar sobre confusão do Dérbi e promete novidade no uniforme

    Corinthians volta a brincar sobre confusão do Dérbi e promete novidade no uniforme

    ver detalhes
  • Furlan apita sexta partida do Corinthians na carreira

    Após polêmica no Dérbi, FPF define trio de arbitragem para próximo jogo do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes